Últimas

Quarta-Feira, 24 de Junho de 2009, 16h:33 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:23

CRÍTICAS

Na tribuna, Muniz compara correntes do PT com os talebãs

   Em um discurso afiado, o deputado Percival Muniz (PPS) usou a tribuna da Assembleia durante a sessão desta quarta (24) para "detonar" as correntes do PT que se utilizam do problema da reforma agrária no país para provocar brigas internas dentro de uma política arcaica. Chegou, a comparar os grupos petistas com os talebãs, milícia extremista que atua no Oriente Médio. "E a sociedade fica refém dessa briguinha mesquinha e pequena que representa uma elite atrasada, com uma agenda política de 20,30,50 anos atrás. O mundo se modernizou e essas cabeças não se modernizaram. Estão atrasados.Têm lideranças nossas que não são diferentes dos talebãs", dispara.

   As críticas do socialista foram em conformidade com a atuação da sua própria legenda, que em nível nacional mantém oposição "ferrenha" ao governo Lula. Na oportunidade, o parlamentar lembrou de uma tragédia ocorrida na semana passada em Mato Grosso, na qual atribui responsabilidade a  grupos petistas. Próximo a Bom Jesus do Araguaia (a 1030 km de Cuiabá), um grupo de sem-terras bloqueou a BR-158 e dois posseiros foram mortos após conflitos com caminhoneiros revoltados - leia mais aqui. O parlamentar lembra a tragédia e diz que os grupos que buscam a reforma agrária brasileira são ligados ao governo petista. Destaca também as recentes brigas pelo comando do Incra, que é gerenciado por indicações petistas. Com discurso inflamado, Percival critica a forma como o problema é conduzido. "É uma situação de desmando, de falta de respeito mínimo com os direitos das pessoas. Não quero tirar o direito de todos aqueles que querem protestar, mas além desse há os direitos pétreos, como o de ir e vir ou de socorrer pessoas acidentadas. Eles interrompem totalmente a circulação na única via possível, simplesmente para chamar atenção", acusa.

   O socialista também fez referência a uma elite política representada pelos dirigentes que estão por trás dos movimentos. Sem poupar adjetivos, chama esta elite de mesquinha, pequena e insignificante. Considera lideranças atrasadas e arcaicas. "As coisas não funcionam simplesmente por divergências internas, na base de marcar posição e aparecer na mídia. E por aí vão, violando todos os direitos", ironiza, para logo em seguida pedir respeito aos direitos que estão acima dos protestos. "O direito de ir e vir, de ser socorrido e de trabalhar, por exemplo, são direitos que estão acima dessas mesquinharias de marcar posição, de briga de alas", rechaça. Com esse discurso, Percival, que preside o PPS em Mato Grosso, deixa claro que o partido continuará fazendo oposição aos petistas.  (Sandra Costa)

Postar um novo comentário

Comentários (6)

  • Cuiabano | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • claudia lima | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    podemos atacar o parlamentar percival muniz, nunca a legenda PPS, pois nem todos concordamos com os devaneios do referido, e entendemos em parte o seu posicionamento tal qual comentários abaixo transcrito.

    Quem é Percival Muniz na ordem do dia??? Um deputado do PPS/MT, que rasgou todo o ideário de luta do socialismo e se vendeu a direita do país!! Um parlamentar que virou subrepresentante do DEM e do PSDB!! O que é o PPS/MT na ordem do dia???

    Quem é Percival pra falar mal do PT?? Percival que nunca teve um projeto popular em benefício do povo. Seus projetos sempre foram em benefício próprio.





    --------------------------------------------------------------------------------

  • tiago | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Podem criticar, mas Percival tem razão. Esse tipo de coisa, deputado, é o tipo de coisa que ninguém toca no assunto. É a classe de intocáveis desse país.. MST, Movimentos sociais.. Mas na verdade são todos financiados (quem sabe com dinheiro público). É o tipo de coisa que incomoda, por isso as críticas.

  • Paulo Mattos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Percival é um grande teórico, ainda que de vez em quando volte atrás em seus posicionamentos, mas, com referência à matéria, em parte, principalmente naquela em que ele acusa o PT de financiar esses grupos extremistas (ONGs, sem terra, sem teto, sem isso, sem aquilo) estou de acordo com o nosso ayatolá (viram a barba dele, não parece com a do Khomeini ?) No mais, gostaria de ler integralmente o discurso do nosso ayatolá rondonopolitano para melhor me inteirar de suas lúcidas idéias e divagações.

  • José Silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Perciaval Muniz um grande demagogo passou a campanha inteira atacando Riva e agora é um dos seviçais do Presidente da AL como são os parlamentares do PT Riva Boy Brunetto e o Prfumadinho Alexandre.

  • Felipe | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Quem é Percival Muniz na ordem do dia??? Um deputado do PPS, partido que rasgou todo o seu ideário de luta pelo socialismo e se vendeu a direita do país!! Um partido que virou sublegenda do DEM e do PSDB!! O que é o PPS na ordem do dia???

    Quem é Percival pra falar mal do PT?? Percival que nunca teve um projeto popular em benefício do povo. Seus projetos sempre foram em benefício próprio.

Ibope vê falha na pesquisa de Cuiabá

abilio 400   A  última pesquisa Ibope sobre intenção de voto para prefeito de Cuiabá, divulgada na sexta passada (16) pela TVCA, cujo resultado destoa muito de outras amostragens, foi feita por telefone. E, por causa disso, o próprio instituto, em nota de esclarecimento publicada no próprio site,...

Medeiros x Fernanda e o bolsonarismo

jose medeiros 400 curtinha   Não são apenas Carlos Fávaro (PSD) e Nilson Leitão (PSDB), que se auto-combatem, com um tentando desconstruir a candidatura do outro na corrida pela única vaga em disputa ao Senado. Como num ringue de boxe, José Medeiros (foto), do Podemos, e coronel Fernanda (Patriota)...

Leitão x Fávaro sob efeito-Bolsonaro

nilson leit�o 400   O ex-vice-governador e hoje senador interino Carlos Fávaro (PSD) e o ex-prefeito sinopense e ex-deputado federal pelo PSDB Nilson Leitão (foto) travam uma guerra eleitoral, com críticas mútuas, como se só existissem os dois na disputa para o Senado, quando, em verdade,...

Leverger e ex em palanque separado

francieli magalhaes 400 curtinha   Dois candidatos em chapas majoritárias em Santo Antonio de Leverger, hoje em palanques diferentes, já estiveram juntinhos na vida particular. O empresário Ademilson Dantas de Matos (PV), vice da chapa de Franklin Luis Carvalho (PSDB), foi casado com a petebista Francieli Magalhães...

Prefeito cuiabano vira saco de pancada

emanuel pinheiro 400 curtinha   O prefeito cuiabano Emanuel Pinheiro (foto), que busca a reeleição e havia iniciado a campanha como grande favorito, inclusive com expectativa de ganhar no primeiro turno, se transformou em saco de pancada. Além de Abílio Júnior que o critica e ataca o tempo todo, o que acabou o...

Dal Bosco com 3 na disputa em Sinop

dilceu dal bosco 400 curtinha   Neste pleito eleitoral, a família Dal Bosco se dividiu em três grupos de apoio em Sinop, a chamada capital do Nortão. O ex-deputado estadual Dilceu Dal Bosco (foto) coordena no município e região a campanha à reeleição do senador Carlos Fávaro (PSD). O...

MAIS LIDAS