Últimas

Segunda-Feira, 18 de Junho de 2007, 07h:23 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:16

VÁRZEA GRANDE

No confronto, Murilo só ganharia de Lino Rossi

    Os confrontos simulados pela Mark entre todos os possíveis candidatos a prefeito revelam dados curiosos. O prefeito Murilo Domingos (PR), por exemplo, só ganharia de Lino Rossi (PP), que concluiu em fevereiro deste ano o mandato de deputado federal em meio a desgaste sem precedentes por causa da acusação de envolvimento na máfia das sanguessugas. Se as eleições fossem hoje e os varzea-grandenses só tivessem os dois como opções para prefeito, Murilo teria 9,4%. Rossi, que já tentou a prefeitura em 2000, ficaria com 4,1%. Ambos, porém, perdem para o universo de indecisos (18%) - confira no quadro 14. Nada menos que 68,5% disseram que não votariam hoje em nenhum dos dois.

    Quanto aos demais pré-candidatos, o prefeito Murilo seria derrotado. Contra o seu vice, o peemedebista Nico Baracat, o prefeito teria 7,4%, metade das intenções de voto registradas em favor de Nico (quadro 12). O deputado Campos Neto (PP) também derrotaria Murilo. O placar seria 14,2% a 8,4%. A rejeição aos dois chega a 58,9% (quadro 15).

    Murilo perderia também para Júlio Campos, que já foi prefeito de Várzea Grande, governador, deputado federal e senador. O conselheiro aparece com 40,1%, enquanto o atual prefeito não passa de 7% (quadro 13). A derrota de Murilo seria maior se tivesse o deputado Maksuês Leite (PP) como único adversário. Nesse confronto, o progressista se elegeria prefeito com 55,8%, contra apenas 7,1% atribuídos a Murilo (quadro 12). Wallace Guimarães também bateria Murilo com uma diferença elástica: 59,9% a 5,1% (estimulada 10).

   Já num embate entre Wallace e Maksuês, o primeiro sairia vitorioso. O democrata aparece com 47,2%, enquanto o progressista figura com 34%. Contra Nico Baracat, Wallace ganharia com uma frente ampla (59,9% a 5,8%) - confira no quadro 16. O deputado do DEM venceria também Júlio Campos (56,6% a 18,5%), conforme mostra a estimulada 18, assim como Lino Rossi (64,7% a 0,8%) e Campos Neto (61,4% a 4,3%).

    O jornalista e deputado Maksuês bateria nas urnas Baracat (56,1% a 7,9%), Júlio (51,5% a 23,4%) e Campos Neto (56,9% a 5,3%). Ainda em relação aos confrontos, o conselheiro do TCE Júlio Campos sairia vitorioso se concorresse contra o atual vice-prefeito Baracat (37,1% a 6,9%), contra Rossi (41,9% a 1,3%) e também imporia vitória sobre Campos Neto (38,1% a 5,3%).

Em quem o sr(a) votaria para prefeito 
se as eleições fossem hoje? 
estimulada 10 estimulada 11
Wallace Guimarães 59,9% Nico Baracat 14,2%
Murilo Domingos 5,1% Murilo Domingos 7,4%
ns/nr 10,2% ns/nr 19,0%
nenhum/branco/nulo 24,9% nenhum/branco/nulo 59,4%
estimulada 12 estimulada 13
Maksuês Leite 55,8% Júlio Campos 40,1%
Murilo Domingos 7,1% Murilo Domingos 6,9%
ns/nr 10,9% ns/nr 14,0%
nenhum/branco/nulo 26,1% nenhum/branco/nulo 39,1%
estimulada 14 estimulada 15
Murilo Domingos 9,4% Campos Neto 14,2%
Lino Rossi 4,1% Murilo Domingos 8,4%
ns/nr 18,0% Ns/Nr 18,5%
nenhum/branco/nulo 68,5% Nenhum/Branco/Nulo 58,9%
estimulada 16 estimulada 17
Wallace Guimarães 59,9% Wallace Guimarães 47,2%
Nico Baracat 5,8% Maksuês Leite 34,0%
ns/nr 11,4% ns/nr 7,1%
nenhum/branco/nulo 22,8% nenhum/branco/nulo 11,7%
estimulada 18 estimulada 19
Wallace Guimarães 56,6% Wallace Guimarães 64,7%
Júlio Campos 18,5% Lino Rossi 0,8%
ns/nr 8,4% ns/nr 10,4%
nenhum/branco/nulo 16,5% nenhum/branco/nulo 24,1
estimulada 20 estimulada 21
Wallace Guimarães 61,4% Maksuês Leite 56,1%
Campos Neto 4,3% Nico Baracat 7,9%
ns/nr 11,7% ns/nr 11,9%
nenhum/branco/nulo 22,6% nenhum/branco/nulo 24,1,0
estimulada 22 estimulada 23
Maksuês Leite 51,5% Maksuês Leite 56,9%
Júlio Campos 23,4% Campos Neto 5,3%
ns/nr 8,1% ns/nr 11,9%
nenhum/branco/nulo 17,0% nenhum/branco/nulo 25,9%
estimulada 24 estimulada 25
Júlio Campos 37,1% Júlio Campos 41,9%
Nico Baracat 6,9% Lino Rossi 1,3%
ns/nr 14,0% ns/nr 13,5%
nenhum/branco/nulo 42,1% nenhum/branco/nulo 43,4%
estimulada 26

Fonte: Mark Instituto de Pesquisa e Opinião.
Amostragem realizada
em Várzea Grande
dias 14 e 15 de junho de 2007

Júlio Campos 38,1%
Campos Neto 5,3%
ns/nr 15,0%
nenhum/branco/nulo 41,6%


Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Câmara de Barra devolve R$ 100 mil

joao rodrigues 400 presidente c�mara barra do gar�as   A Câmara Municipal de Barra do Garças devolveu à prefeitura R$ 100 mil para serem investidos em medidas de combate ao novo coronavírus. O presidente do Legislativo, vereador João Rodrigues de Souza, o doutor...

Auditor assume Secretaria de Controle

demilson nogueira 400   O auditor Newton Gomes Evangelista, servidor de carreira, é o novo secretário de Controle Interno da Assembleia. Ele já respondeu também pela Auditoria-Geral da Casa. Newton assumiu a Controladoria Interna no lugar do ex-prefeito de Ponte Branca, Demilson Nogueira (foto), que deixou o posto...

Cuiabá é a unica com tudo fechado

emanuel pinheiro curtinha   A pressão sobre o prefeito Emanuel Pinheiro (foto) fica agora mais forte para flexibilizar logo o decreto restrito por causa do coronavírus. Ele é o único dos gestores das maiores cidades mato-grossenses que ainda mantém decisão de fechar praticamente tudo na Capital, com...

Deputado põe aliado no lugar do irmão

ronaldo taveira 400 curtinha   Coube ao próprio deputado Wilson Santos indicar um nome para o lugar do irmão Elias Santos, que na última sexta (3) deixou a secretaria de Gestão de Pessoas da Assembleia para concorrer a vereador em Cuiabá. E o ex-prefeito emplacou no cargo que rende R$ 19,9 mil mensais o velho...

Sem alarde, vereador muda de partido

viniciys clovito curtinha   De última hora e sem alarde, o vereador pela Capital Vinicyus Hugueney (foto) resolveu deixar o PP e se filiou ao Solidariedade. Com isso, o PP não se torna o único com a maior bancada. Está com três vereadores, assim como o PV e o PSDB. No SD, Vinicyus vai concorrer internamente com...

Irmão de Thelma na lista dos traidores

ronaldo pimentel 400 curtinha   Na carta aberta assinada por Ricardo Saad, que preside o PSDB cuiabano, ele reclama de dívidas milionárias herdadas de antecessores, inclusive dos R$ 4 milhões de pendências somente do pleito de 2016, e menciona, entre outras coisas, que "(...) há correligionários, que estavam...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você concorda com a decisão de prefeitos, que começam a decretar estado de emergência, fechando comércio, serviços públicos e o transporte coletivo?

sim

não

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.