Últimas

Terça-Feira, 28 de Outubro de 2008, 10h:36 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:21

RONDONÓPOLIS

Novacki nega intervenção e dispara contra Pátio

 Ele está desesperado, disse nesta terça o secretário-chefe da Casa Civil, Eumar Novacki, em reação às acusações feitas, por meio de nota, da coligação do prefeito eleito de Rondonópolis, Zé do Pátio, de que "há fortes indícios da participação da chefe de Gabinete do governador nas operações do dia da eleição, as quais originaram as ações do Ministério Público" - saiba mais aqui. A nota acusa parcialidade do MPE e vê interferência do Palácio Paiaguás no processo investigatório sobre denúncias de suposta compra de votos em Rondonópolis.

   "Eu jamais participei da campanha em Rondonópolis, nem mesmo a passeio estive lá durante as eleições", garante Novacki. Ele confirma, porém, que o ajudante de Ordens, Alexander Maia,  esteve no local do flagrante de pessoas ligadas a Pátio em suposta compra de votos, o que originou investigação e pedido de cassação do registro do prefeito eleito.

  Novacki explica que Maia fora comunicado pelo comandante regional da PM de que o deputado federal Carlos Bezerra, presidente do PMDB no Estado, estava no local. "O deputado chegou praticamente com a polícia e estava tentando impedir  e conturbar a ação. Por isso o camandante ligou para Maia e pediu que ele (Maia) comunicasse o caso ao governador, mas ele (Maia) preferiu ir até o local e depois avisar  Blairo", afirma Novacki.

   Sobre a acusação de parcialidade por parte do MPE nas investigações, já que as denúncias contra o prefeito Adilton Sachetti não estão tendo a mesma celeridade, o porta-voz do Palácio Paiaguás foi taxativo: "Não vivemos no coronelismo e o MPE possui autonomia para investigar tudo sem se curvar a pressões. Até onde eu sei, sem provas não é possível oferecer denúncia", pontua Eumar Novacki. Em seguida, emendou, em tom de ironia: "quem não deve, não teme". (Patrícia Sanches)


Eumar Novacki, da Casa Civil, com quadro na parede sobre homenagem recebida em Rondonópolis, reage às críticas
Foto: Edson Rodrigues

Postar um novo comentário

Comentários (33)

  • silvia maria | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    o que vai acontecer com o bunitinho Novack qdo a turma da botina vazer daqui, sera que ele so tem a grafica pra seguir em frente, ou sera que vai se candidatar a algum cargo, o dificil e saber quem vota nessa gente que se acha acima de tdos, do bem e do mal, acorda Novack, vc é mto jovem pra substimar o povo de cba, a nao ser que a Maggi te leve com eles, tomara, pois vc e carlos brito na casa civil so fazem se aparecer no jornais e tv, e a seguranca esta cada dia piorrrrrrrrrrrrrrrr, pois os policiais tem que cuidar de seus amigos e chefinhos 2 a tres policiais so pra cada amigo do governo e o povo, morraaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa, nao ;e mesmo
    vc tbem vai pros eua, fazer o cursinho,

  • Anônimo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Engraçado quando se fala que o Zé do Pátio comprou votos, que o Novacki mandou Maia ir averiguar o assunto, rsrsrsrs. Isso é uma vergonha quando o governo do Estado de MATO GROSSO, manda comandados da Policia Militar do estado plantar provas de compra de votos supostamente feita pelo zé carlos do pátio, isso é uma vergonha senhor governador, você deveria usar esses PMs para proteger a população e não fazer com que esses pais de familias fosem usados para fazer o que foi feito. Eu tenho dois irmãos PMs e eles estão envergonhados pela capacidade de maldade do governador Blairo Maggi e sua corja.

  • Maria de Jesus Santos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Processo é prova...Se tiver prova de compra de voto...Vai ter cassação! Seja de qual lado for!

  • coronelismo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Dejanira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Em Rondonópolis não existiu suposta compra de votos, a compra de votos foi uma realidade, recebí mensagens de parentes que moram no Canadá e Japão lá estão sabendo da compra de votos do zé, isto é uma vergonha, agora quer dá uma de zé sem braço, coitadinho, pagou até 150,00 por voto, tinha 20 postos de compra de votos na cidade. Aguente zé o MP não vai deixar de graça.

  • carlos ribeiro silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Quanta ingenuidade achar que o Ze e coitado, ele pode ate ser marionete do coronel Bezerrao mas nao coitadinho. Ele aceitou o cabresto pelo poder. E alguem ja foi ver a fortuna que possui o cacique do PMDB. Falta de dinheiro para comprar voto nao foi. Entao deixa o MP trabalhar

  • Délio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Sujeitinho cara-de-pau esse almofadinha. Eu sou uma pessoa pobre e votei no Zé em protesto contra esse povo q manda e desmanda no estado, achando q podem tudo, só por q são muito ricos. Deus queira q a besteira q eles estão armando não dê resultados, pois sabe-se lá o q o povo q elegeu o Zé fará, depois de tanta pressão e derrotando tanta gente poderosa. Rondonópólis não será a mesma depois disso. É revoltante, é horrível essa sensação de impotência. É cada vez mais dificil acreditar na justiça desse jeito. Ela só serve pra por pobre na cadeia e beneficiar rico.

  • ZA BORGES | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É sr. Blairo, sr. novacki, senhor sachetti e cia...
    Querem ganhar em Rondonóplis no TAPETÃO... né...!
    sejamos coerentes e VERDADEIRAMENTE POLITICOS... mas não da estirpe com que se tem propagado os senhores.... de ganhar a todo custo... Em que mundo os senhores vivem? em que século estão... saibam que a senzala e o tronco foram expurgados do BRASIL... e conicidentemente voces querem reativá-lo... ah! dá licença né!!! e pio instalálo dentro do PAIGUÁS... aprendam com a derrota... façam como o MAURO MENDES... vão trabalhar... deixem o ZÉ trabalhar, voces já tiveram suas chances mas pensaram que o povo tem cabresto... BLAIRO O SEU CÔXO JÁ SECOU!... VOCES ESTÃO PROCURANDO CABELO EM OVO!... AS COISA MUDAM... NÉ! COM A GRAÇA DE DEUS AS COISAS MUDAM!!!

  • Fernanda Dias Barros | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Corajoso esse ajudante do governador maia, peitar o bezerra nao e para qualquer um. Ele ameaca ate o MP, imagina o resto. O Ze coitadinho agora quer ser vitima? como bem disse esse gato que e o novak, quem nao deve nao teme, o MP so pode agir em cima das provas

  • marcelo pires | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    ESSE ZE DO PATIO NAO SABE MAIS O QUE FALAR ENTAO CALE-SE E ASSITA O QUE MPE VAI REALIZAR PARA APURAR AS VERDADES SE COMPROVADAS AS MEDIDAS SERÃO EXEMPLAR PODE FICAR DESPREOCUPADO QUEM NAO DEVE NAO TEM AGORA SE DEVE ENTAO FICA FAZENDO BARRULHO PARADESVIAR A ATENÇÃO. QUALQUER DUVIDA PODE ASSESSOR POIS SOU BOM NISTO MARCELO PIRES

Um novo embate entre Diane x Adair

diane alves 400 curtinha   Adair José Alves Moreira, que vinha atuando na assessoria do vice-governador Otaviano Pivetta, decidiu mesmo concorrer de novo à Prefeitura de Alto Paraguai. Ele já foi prefeito por duas vezes. Adair será o principal nome da oposição à prefeita democrata Diane Alves (foto),...

Taques ofuscado e sob mira do MPE

pedro taques 400 curtinha   Pedro Taques (foto) achou que o recall dos tempos de senador e governador, ajudando-o a se posicionar de forma razoável nas pesquisas, bem antes do início da campanha, o manteria como favorito na corrida ao Senado. Ledo engano. Não levou em consideração o alto índice de...

2 caciques não disputam Alto Garças

roland trentini 400 curtinha   Após décadas de rixas, de campanhas ostentadoras, rachas e brigas eleitorais intermináveis em Alto Garças, os ex-prefeitos Rolando Trentini (foto) e Júnior Pitucha resolveram não mais concorrer ao Executivo. Mas, um deles segue se movimentando nos bastidores. Pela...

Um ex-prefeito inelegível em Poconé

clovis martins 400   Dificilmente o ex-prefeito petebista Clovis Damião Martins (foto) terá registro de candidatura a prefeito de Poconé deferido pela Justiça Eleitoral. O promotor de Justiça, Mário Anthero, já pediu impugnação do registro do petebista por inelegibilidades. Clovis, que...

Briga em Sinop entre Juarez e Dorner

juarez costa 400 curtinha   Em Sinop, a briga eleitoral caminha para tensão e acirramento entre o emedebista Juarez Costa (foto) e Roberto Dorner (Republicanos). Hoje, o ex-prefeito seria eleito, mas Dorner vem crescendo nas adesões, com ajuda do vice de sua chapa, ex-vereador Dalton Martini (Patriota). O apoio da prefeita Rosana...

França elegível; CNJ desatualizado

roberto franca 400 curtinha   O advogado Rodrigo Cirineu, que assumiu a assessoria jurídica da campanha a prefeito de Cuiabá de Roberto França (foto), assegura que o ex-prefeito está elegível. Explica que o cadastro de inelegibilidades do Conselho Nacional de Justiça, constantando ainda o nome de...