Últimas

Quinta-Feira, 17 de Abril de 2008, 20h:32 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:20

JUDICIÁRIO

Novo presidente quer expurgo de maus políticos

  Leônidas, que comandará as eleições em MT, conclama eleitor a não vender voto e a excluir da vida pública os desonestos

 O novo presidente do Tribunal Regional Eleitoral, desembargador Leônidas Duarte Monterio, que conduzirá as eleições municipais deste ano, disse, em discurso que marcou sua posse nesta quinta, que é preciso abominar os maus políticos. Na sua avaliação, tratam-se de pessoas que "amesquinham uma atividade essencialmente nobre". Defendeu a necessidade da classe política, que é indispensável, saber atuar dentro do regime democrático.

   Leônidas substitui José Silvério. Ele fez um discurso incisivo para uma platéia de cerca de 800 convidados. O magistrado conclamou a todos para dificultar o ingresso dos maus políticos na vida pública. "Insisto, todavia, que os maus políticos, aqueles que, pelo seu comportamento desonesto, cínico, totalmente desprovido de um mínimo de dignidade e pudor moral, enodoam uma atividade, em si, extremamente dignificante, devem ter obstado, o seu ingresso na vida pública ou, se lá já estiverem que sejam daí expurgados, traidores, que são da confiança neles depositada", disparou Leônidas, tido como linha dura.

   O novo presidente do TRE chamou à responsabilidade os partidos políticos, que nas convenções de julho vão escolher os futuros candidatos e principalmente aos eleitores que vendem voto e a consciência em troca de dinheiro ou de qualquer outro tipo de vantagem. Segundo Leônidas, tal prática é também condenável, pois contribui para a indigência moral da atividade política. "Não custa repetir que o voto é a grande arma do cidadão. É algo que corporifica, sim, a própria essência da democracia", disse o desembargador.


Leônidas (à dir.) recebe cumprimentos do colega desembargador Manoel Ornellas, durante solenidade de posse
Foto: D. Rocha

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • CARLOS ROBERTO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    SENHOR DESEMBARGADOR, DOS 141 MUNICIPIOS DE MATO GROSSO, EU CONHEÇO TODOS, CONHEÇO TAMBEM OS SEUS GESTORES, E O QUE É PIOR, CONHEÇO OS ABUTRES, QUE ASSESSORAN ESTES ALCAIDES, ENTÃO PENSO: O QUANTO SERA DIFICIL PARA O SENHOR CUMPRIR AQUILO QUE ALMEJA. E SABE PORQUE ?? POR QUE COMBATER ESTE POVO, É COMO COMBATER CUPIM.!!

  • CIDADÃO DESESPERANÇADO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Enquanto houver esta PRAGA chamada de SUPLENTE, não haverá eleitor capaz expurgar esta raça.

  • MARCOS VELAZQUEZ | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    - CREIO QUE O PROPRIO T.R.E. DE VERIA EXIGIR ATESTADOS DE ANTECEDENTES CRIMINAIS, CERTIDÕES NEGATIVAS (CIVIL, CRIMINAL E FEDERAL), ATESTADOS DE SAUDE (CRITERIOSO), S.P.C. E SERASA, DOS CANDIDATOS AOS CARGOS PUBLICOS, POR QUE QUALQUER TARBALHADOR HOJE PASSA POR ESSE PROCESSO NAS EMPRESAS, QUANTO MAIS PARA ASSUMIR CARGOS PUBLICOS, ISSO JÁ EVITARIA TAIS SURPRESAS FUTURAS, COMO ESTAMOS VENDO HOJE.. PENSAR NO FUTURO, NÃO É....INICIATIVA DE VOCES E DEPOIS DE TUDO ISSO A DO POVO, POIS SÓ TEMOS DEVERES E OBRIGAÇÕES....E O T.R.E. A OBRIGAÇÃO E O DEVERES...ATÉ AS ELEIÇÕES.....

  • José Antônio Delgado. | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Comentamos esta, com a intensão de parabenizar a participação do Sr. Carlos Velazquez, muito precisa e clara, mostrando como podemos através do TRE/MT, separar preliminarmente os futuros canditdatos a cargos eletivos, nossos representantes em particular nas três esferas e governo.

  • Gilmar | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O novo presidente vai dar continuidade a o trabalho que esta dando credebilidade a o TRE-MT esperamos a unanimidade do pleno. Os promotores eleitorais de Cuiaba tamdém estão dando um otimo exemplo. Falta agora os eleitores fazerem a sua parte tirando do poder os corruptos e não votar em candidados que estão respondendo por crime de improbidade admistrativa. Dr. Marcos Machado precisamos urgente iniciar a campanha voto não tem preço tem concequências.

Niuan de fora da suplência ao Senado

niuan ribeiro 400 curtinha   O deputado federal José Medeiros não conseguiu segurar o vice-prefeito de Cuiabá, Niuan Ribeiro (foto), como primeiro-suplente de sua chapa ao Senado. Há alguns dias, o filho do ex-vice-governador e ex-deputado Osvaldo Sobrinho vinha demonstrando desejo de pular fora, em meio a...

Jayme incomodado com Flávio em VG

jayme campos 400 curtinha   A candidatura a prefeito de Várzea Grande do empresário Flávio Frical (PSB), principal aposta da oposição, passou a incomodar a família Campos, que apoia o ex-vereador Kalil Baracat, concorrente ao Executivo pelo MDB. Em uma noite que seria de festa, em comemoração...

Acordo com Euclides partiu de Allan

allan kardec 400   Otaviano Pivetta, vice-governador licenciado por 30 dias para cuidar de problemas de saúde, disse que nada tem a ver com o tal acordo "costurado" pelo presidente regional do PDT, deputado Allan Kardec (foto), com Euclides Ribeiro, candidato a senador pelo Avante. Explica que só apresentou Euclides para Allan e...

Família Maia tenta retomar o poder

martha maia 400   O ex-prefeito de Alto Araguaia por quatro vezes, Maia Neto, não entrou na disputa de novo ao Executivo, mas lançou a irmã Martha Maia (foto), cuja filha Sylvia Maia é vereadora. Filiada ao PP, Martha entra como principal candidata da oposição ao prefeito Gustavo Melo, que vai à...

Welinton fará grande ato em Barra

welinton marcos 400 curtinha   Welinton Marcos (foto) lança sua candidatura a prefeito de Barra do Garças, na segunda (28), em um grande ato. Mesmo pelo sistema drive-in, devido à necessidade de adotar medidas sanitárias contra a Covid-19, são esperadas na solenidade cerca de mil pessoas, num espaço amplo,...

Irmão de Riva está na disputa em Juara

priminho riva 400 curtinha   O irmão do ex-deputado José Riva, Priminho Riva (foto), filiado ao PL, será mesmo candidato a prefeito em Juara, posto já ocupado por ele por duas vezes (1997/2004). Priminho pertence a uma famíliade políticos. Além de Riva, que foi prefeito e deputado, é...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.