Últimas

Segunda-Feira, 05 de Março de 2007, 00h:00 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

EXECUTIVO

Num 2º turno, Sérgio e Santos dariam empate

   Num eventual segundo turno na corrida à Prefeitura de Cuiabá, entre Wilson Santos (PSDB) e Sérgio Ricardo (PR), o resultado hoje seria de empate técnico, revela a Mark Instituto de Pesquisa e Opinião, com base em amostragem feita junto ao eleitorado cuiabano de 24 a 26 de fevereiro. Sérgio levaria uma pequena vantagem. No confronto com Santos, para quem perdeu no pleito de 2004, o deputado estadual teria 34,7% das intenções de voto. Já o prefeito conquistaria 33,9% - confira abaixo no quadro o resultado do cenário 3. Nesse duelo Sérgio x Wilson, 12,6% não votariam em nenhum e 18,8% preferiram não emitir opinião. A margem de erro é de 3% para mais ou para menos.

     Se a disputa de segundo turno fosse entre Santos e o deputado federal Carlos Abicalil, hoje o prefeito venceria com 38,8% contra 23,5% obtidos pelo petista. Dezesseis por cento anulariam o voto e 20,9% estão indecisos, conforme revela o cenário 1.

    Os pesquisadores da Mark fizeram também uma simulação de segundo turno entre Walter Rabello e Wilson Santos (cenário 2). O deputado ganharia a eleição. Seu nome aparece com 42,1% das intenções de voto, enquanto o prefeito figura com 33%. Quinze por cento se revelaram indecisos entre Santos e Rabello, ao passo que 9,7% já adiantaram que se o embate de segundo turno vier a ser com os dois vão votaram em branco.

    Numa disputa com o ex-deputado e hoje secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública, Carlos Brito (PDT), Wilson Santos reconquistaria mais um mandato. Figura com 39,8%, enquanto Brito teria 14,8% (cenário 4).

   Na hipótese de uma eleição sem Wilson Santos, envolvendo Rabello e o parlamentar petista Abicalil (cenário 5), o peemedebista ganharia hoje com larga vantagem. Teria 48,9%, ao passo que o deputado federal surge como preferido de 17,2%.

   No cenário 6, a instituto Mark fez uma simulação, conforme a opinião dos entrevistados para um segundo turno entre Sérgio Ricardo e Abicalil. Seria teria 38,5%. Abicalil ficaria com 17,6%.

   Na hipótese de uma disputa nas urnas no segundo turno entre Wilson Santos e a senadora Serys Marly, o prefeito se reelegeria com vantagem ampla, chegando a 38,3%, contra 11,3% atribuídos à petista.

   Perfil do eleitorado

   Dos eleitores entrevistados, 48% são do sexo masculino e, 52%, do feminino. Quanto à faita etária, 2,9% dos que opiniram têm entre 16 e 17 anos, 16,7% estão com idade entre 18 e 24 anos e 31,7% estão na faixa entre 25 e 34 anos. Os que se enquadram de 35 a 44 anos representam 23,6% do universo dos pesquisados e 18,2% entre 45 a 59. Dos eleitores que participaram da amostragem, 6,9% possuem acima de 60%.

   Sobre ao grau de instrução, 29,8% concluíram o ensino médio, 5,4% possuem curso superior e 13,4% não conseguiram concluir o ensino fundamental. Cinquenta por cento ganham até cinco salários mínimos, 30,5% entre cinco e 10 salários e 9,7% disseram que a renda familiar não passa do salário mínimo.

Confira abaixo as simulações para um eventual segundo turno.

Se as eleições para prefeito de Cuiabá

fssem  hoje, havendo 2º turno,

em quem o sr (a) votaria?

 

Estimulada – segundo turno 01

Wilson Santos                     38,8%

Carlos Abicalil                     23,5%

Nenhum/branco/nulo         16,9%

NS/NR                                   20,9%

 

Estimulada – segundo turno 02

Walter Rabello                     42,1%

Wilson Santos                     33%

Nenhum/branco/nulo         9,7%

NS/NR                                  15,1%

 

Estimulada – segundo turno 03

Sérgio Ricardo                     34,7%

Wilson Santos                     33,9%

Nenhum/branco/nulo         12,6%

NS/NR                                   18,8%

 

Estimulada – segundo turno 04

Wilson Santos                     39,8%

Carlos Brito                          14,8%

Nenhum/branco/nulo         25,1%

NS/NR                                   20,3%

 

Estimulada – segundo turno 05

Walter Rabello                     48,9%

Carlos Abicalil                     17,2%

Nenhum/branco/nulo         12,9%

NS/NR                                   21%

 

Estimulada – segundo turno 06

Sérgio Ricardo                     38,5%

Carlos Abicalil                     17,6%

Nenhum/branco/nulo         19,2%

NS/NR                                   24,7%

Fonte: Mark Instituto de Pesquisa e Opinião

 

 

 

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

SD também deseja Taques ao Senado

pedro taques 400 curtinha   Empolgado com resultado de uma pesquisa interna, na qual estaria bem pontuado, aparecendo entre os preferidos ao Senado, mesmo após deixar o cargo de governador bastante desgastado, Pedro Taques (foto) passou a flertar não só com o Cidadania, conduzido no Estado pelo seu ex-secretário Marco...

Presidente do TJ-MT assume Codepre

carlos alberto tj 400 curtinha   O presidente do TJ-MT Carlos Alberto (foto) foi eleito presidente do Colégio de Presidentes dos Tribunais de Justiça (Codepre) do país. O cargo alça o membro de MT à liderança de discussões nacionais importantes. Dentre as atribuições do colégio...

Brecha pra futuro cassado ir à Justiça

kero kero curtinha 400   Wilson Kero-Kero (foto), ex-SD (socialista) que foi para ex-PSL (direita), anunciou ida para Podemos, mas permanecerá no partido direitista, é o relator do processo de cassação do colega Abílio Júnior, na CCJ da Câmara de Cuiabá. Na Comissão de Ética o...

Filho de Taborelli assume vaga em VG

Willy taborelli _ curtinha400   O pai coronel Taborelli está fora de combate, mas o filho Willy (PSC), suplente de vereador, vai assumir cadeira na Câmara de VG a partir de 2 de março. Vai atuar na vaga do correligionário Miguel Baracat, que se licencia para fazer tratamento de saúde. O filho do polêmico...

Sem acordo para ter apoio de Selma

otaviano pivetta 400 curtinha   O empresário e vice-governador Otaviano Pivetta, pré-candidato ao Senado, disse que, de fato, recebeu convite para se filiar ao Podemos, inclusive do deputado Medeiros, um de seus prováveis adversários nas urnas de abril, mas que segue firme no PDT. Destaca ser um admirador do senador...

Na expectativa para disputar Senado

nelson barbudo 400 curtinha   Se o TRE flexibilizar a data de filiação para quem quer concorrer ao Senado, na eleição suplementar de abril, a inflação de candidatos tende a ser ainda maior. Entrariam no páreo, além dos 10 que já se dizem pré-candidatos, o ex-governador Pedro...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Bolsonaro...

excelente

bom

razoável

ruim

péssimo

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.