Últimas

Domingo, 05 de Julho de 2009, 10h:55 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:23

INVESTIGAÇÃO

Oficiais da PM presos apresentam alto padrão de vida

   Carros de luxo, casas em bairros nobres e viagens à Disney, nos Estados Unidos, revelam o alto padrão de vida dos oficiais, presos durante a Operação Pluma, realizada pela Polícia Federal na sexta (3). Após sete anos de investigação, as polícias Militar e Federal desmantelaram uma quadrilha formada por fazendeiros, engenheiros e oficiais de grande patente da própria PM - saiba mais aqui. O alto padrão de vida dos oficiais é apontado pela investigação como um dos principais indícios de alguns majores, coronéis e tenentes-coronéis realmente “trocavam” segurança privada por propina. O assunto é destaque na edição desta domingo do jornal A Gazeta, o maior do Estado.

   Pelo menos R$ 5 milhões teriam sido pagos aos oficiais que exerciam papel de pistoleiros na região do chamado Vale do Araguaia. Eles são acusados de utilizar violência física, psicológica, ameaça e até cometer homicídios. O ex-comandante do 2º BPM de Barra do Garças (509 km a Leste de Cuiabá),  coronel Elierson Metello de Siqueira, por exemplo, tem um patrimônio que inclui imóveis em Barra do Garças, 2 casas em bairros nobres de Cuiabá, além de carros de luxo. Segundo as investigações, feitas pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) e Ministério Público, quase todo o patrimônio foi adquirido no período em que Metello comandava o 2º BPM. Atualmente ele vinha atuando em Tangará da Serra (Médio-Norte).

   As investigações se tornaram mais intensas depois que um fazendeiro encaminhou uma carta ao MP denunciando Metello. Ele é apontado como líder da organização criminosa na região. O major Wlamir Luis da Gama Figueiredo e o subtenente Adalberto da Cunha e Oliveira, assim como ex-comandante-geral da PM, coronel Adaildon Evaristo de Moraes Costa, também eram beneficiados. Recentemente os dois filhos de Evaristo teriam viajado para Disney (EUA), sob patrocínio de terceiros. (Patrícia Sanches)

--------------------------------------------------------------------------------------------------------
O alto padrão de vida de oficiais é destaque de A Gazeta deste domingo - veja aqui.

Postar um novo comentário

Comentários (15)

  • mp | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    o coronel adailton era o geral agora o geral é campos filho porque ele não quer aposentar porque. nesse mato tem coelho.ele falou que o estado não tem dinheiro pra comprar fardamento aos policias que trabalha duro,tanto imposto que recarda será que ele é dono do estado,ou tá querendo que sobra mais pra ele.mp investiga esse povo ta na hora de acabar com essa politica suja? ele ta com medo de aposentar é perder essa mordomia,motorista celular notbuc,gasolina alimentação tudo grates;

  • Maga | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Falta investigar a venda de promoções, dos praças da PM, quem queria sai no tempo certo tinha que comprar a promoção, vamos investigar isso. Tem muitos Policiais prejudicados com isso, hoje já não pode mas concorrer para Sargento, pois o seu tempo já passou, exemplo do Cabo Zeno, velho na patente e na idade, jogado no escanteio. Isto é uma vergonha, justiça já, lhe de a promoção ele merece. Bom e esses bandidos ai cadeia neles. O Sadam Russen, merece cadeia, perseguia os praças por qualquer coisa, pregava a moral aos quatros cantos do mundo, e hoje nos vemos que não passa de um mero ladrão fardado.

  • marcos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    pessoal do rdnews, vcs não vão colocar a foto dos oficiais envolvidos? ou não pode? a população que paga impostos tem quesaber quem são...

  • roberto santos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    só falta investigar o coronél cósta do primeiro batalhão.

  • lauro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    tem tbém que fazer o testa anti drogas na pmmt, tem policial que vai trabalhar drogado, como esse praça vai combater o crime se ele ta cometendo crime?

  • Rodrigo Gutierrez | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É bom tbm bloquear os bens deles, leiloá-los e o montante arrecadado ir p/ o FESP, assim como se faz com os bens de traficantes, deveria se fazer com os dos agentes públicos corruptos...
    Qual foi o resultado do IPM conduzido por Tchalaco contra um oficial (TC) que saiu com onus (ajuda de custo) de Mirassol dOeste p/ o Comando Geral acusado de desvio de combustivel? Sera que deu alguma coisa, pois ele mesmo taria com problemas desse tipo em Tga... vamos apurar oxente.
    Romilson vc sabe dizer se o subcomandante do BOPE tbm ta preso?
    Seria bom apurarem tbm as graves denuncias feitas nos idos de 2005 e 2006, entre os ex-comandantes da PM de Juina e Aripuanã, que acabaram não dando em nada por motivos ocultos, com a palavra o comandante da PM de Tga à época...
    Será que vão vetar?

  • alessandro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    mtos lugares em mato grosso devem ter esse tipo de crime....por exemplo, não envolvendo policiais, mas em leverger na beira do rio, ali pelas bandas do baranco alto a alguns pesqueiros, areas e mta gente não tem documento do terreno ocupado...o incra, intermat deveriam ver isso, mtas areas ocupadas por pessoas da prefeitura....

  • Silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Ministério Público
    Porque não investigar as promoções na PMMT?
    esse envolvido Elierson Metello,perseguidor de vários praças postava como dono da PM e agora?será que vai ter coorperatimos na PM e a corregedoria o que o fazer?serve o lembrete ao Raimundo Francisco que teve sempre junto com Metello perseguindo praças.

  • carlos alberto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Fui soldaddo da pm por sete anos, no ano de 2000 pedi lecença para sair, pois nao suportava mas persequiçao por esse que se diz cel, eliersomn metello, pode enganar alguns,por algum tempo mas nao engana a vida toda, mas isso nao vai dar em nada, eles vao para reforma com um salario de 11.000,e mas regalia,e com mas poder, pois estaram reformado,esperem para ver.famila toda dele e pm, tem muita gente importande nisso, espero que a justiça faça justiça.

  • Garcia | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Fui, perseguido qdo falei coisas p E Metelo,sai da coorporação tenho a conciência limpa,hoje qdo li a noticia,espero que o MPúblico e a Corregedoria PMMT ,não se omita.verifique seus atos que ele fez com vários praças.Será que vai ser só uma sindicância contra oficial a ser engavetada?

Desembargadores recebem 6 auxílios

maria helena povoas 400   O Tribunal de Justiça de MT, presidido pela desembargadora Maria Helena Póvoas (foto), paga uma série de direitos e vantagens que "engordam" substancialmente o subsídio de seus magistrados. O salário de desembargador é de R$ 35,4 mil. Entre os chamados penduricalhos pagos pelo...

Hospital cobra R$ 2,4 mi da prefeitura

luiz carlos pereira 400 tce   O Instituto de Saúde Santa Rosa recorreu ao TCE, na esperança de encontrar respaldo para receber R$ 2,4 milhões da secretaria de Saúde da Capital. Argumenta que a prefeitura, com quem mantém contrato desde 2019, está inadimplente, pois não teria pago integralmente os...

Definido novo presidente do Sanear

hermes avila 400   O prefeito Zé do Pátio nomeou à presidência do Serviço de Saneamento Ambiental de Rondonópolis (Sanear) o engenheiro Hermes Ávila de Castro (foto), que tende a se efetivar no cargo. Hermes ocupa a cadeira que, desde janeiro de 2017, pertencia à Terezinha Silva de Souza,...

Afilhado de Bezerra nomeado adjunto

clovis cardoso 400   O MDB, sob o cacique político Carlos Bezerra, "emplacou" mais um filiado histórico em cargo relevante na gestão Mauro Mendes. O advogado e ex-superintendente regional do Incra-MT, Clovis Figueiredo Cardoso (foto), foi indicado e já nomeado para o cargo de secretário-adjunto de Agricultura...

MPE suspende censo previdenciário

jose antonio borges 400 curtinha   O procurador-geral de Justiça, promotor José Antonio Borges (foto), suspendeu o censo previdenciário cadastral dos membros e servidores inativos e pensionistas do MPE. O recadastramento deveria ter iniciado no último dia 11 para ser concluído no final de fevereiro. Borges tomou...

Juca e os 7 secretários da Câmara

andre pozetti 400 curtinha   O presidente Juca do Guaraná definiu sete dos nove secretários que vão ajudá-lo a administrar a Câmara de Cuiabá. O secretário de Administração é Bolanger José de Almeida. O coronel PM da reserva Edson Leite conduz o Patrimônio e...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.