Últimas

Terça-Feira, 11 de Março de 2008, 18h:54 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

JUDICIÁRIO

Oficiais devolvem mandados e fazem manifesto

   Os oficiais de Justiça do Estado decidiram fazer um manifesto nesta quarta (12) para marcar a devolução de mais de 12 mil mandados de intimação às comarcas. Segundo o presidente do Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário de MT (Sindjusmat), Rosenval Rodrigues dos Santos, cada oficial deverá cumprir três mandados ao mês, ao invés de 200 como de costume. "É uma pena chegar a esse ponto, já que pessoas carentes que necessitam de Justiça serão penalisadas", avalia o sindicalista.

   O manifesto começa a partir das 9h. Os oficiais vão se concentrar em frente ao Fórum da Capital. A previsão é reunir cerca de 600. A passeata também tem o intuito de cobrar que os recursos assegurados na Lei Orçamentária-2008 sejam aplicados no pagamento das verbas extras aos oficiais. "O Tribunal de Justiça diz que concorda que os oficiais não podem trabalhar de graça, mas alegam que não têm recursos", pontua Rosenval. (Pollyana Araújo)

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Darli Rodrigues Candido | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O TJMT vive num mundo de maravilhas. Enquanto isso os oficiais de justiça tiram dinheiro do bolso para cumprir os mandados.

  • Milton Aparecido | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É Desembargador Paulo Lessa, administrar não é fácil! Sem contar a morosidade, rito natural de processos no Brasil, agora o contribuinte pobre é que está sofrendo na pele.

    Torcemos para os oficiais de Justiça e Poder Judiciário fechem um acordo e não penalize mais nosso sofrido povo!

  • Amado Amador | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Pensar que Oficiais de Justiça contavam com o deputado Carlos Brito como companheiro. Felizmente, os Defensores Públicos contavam entre seus companheiros a esposa e a irmã de um deputado estadual com forte influência junto ao Governo, daí que sairam de um salário de R$2,5mil para algo superior a R$10mil, além de uma estrutura razoável perto do que tinham (antes que esse deputado atuasse em prol dessa carreira de servidores).

Uma petista das causas bolsonaristas

edna sampaio 400   A emblemática vereadora petista Edna Sampaio (foto) se mostra a cada dia defensora das pautas bolsonaristas. Na Câmara de Cuiabá se aliou e vota combinado com os direitistas e conservadores tenente Paccola (Cidadania) e Michelly (DEM). No episódio em que a colega parlamentar fez uma "sarrada"...

Esperança do Procon por candidatura

gisela simona 400   Quem pensa que Gisela Simona (foto), aquela que perdeu para prefeita de Cuiabá e se queimou politicamente ao se aliar a Abílio no segundo turno, não se movimenta politicamente com interesse nas eleições de 2022 está redondamente enganado. Ela tenta, por tudo, reassumir a...

Sorriso tenta aval para conceder RGA

estevam calvo 400   A Prefeitura de Sorriso quer pagar RGA aos servidores, mas não encontrou até agora respaldo legal para assim proceder, considerando a Lei Complementar 173/2020 que, no contexto da pandemia, proíbe reajuste no salário de servidores federais, estaduais e municipais até 31 de dezembro deste...

Ambulância doada pela CBF para MT

Aron Dresch 400   O governo estadual recebeu doação de uma ambulância da CBF como forma de reconhecimento à dedicação dos profissionais da Saúde e dos serviços que estão sendo prestados durante a pandemia. O Hospital Metropolitano, em Várzea Grande, foi escolhido para...

Fávaro, relatório e vacina sem Anvisa

carlos favaro 400   O senador mato-grossense Carlos Fávaro (foto), eleito na suplementar do ano passado, está comemorando a aprovação pelos colegas do seu relatório ao Projeto 1315/2021, que libera a importação de vacinas e insumos para o combate à Covid-19 no Brasil e sem depender do...

TRE intima deputado pra se defender

gilberto cattani 400   O TRE já citou o deputado Gilberto Cattani (foto) e o comando do PRTB para se manifestar sobre o pedido do suplente Emílio Populo, que quer a perda do mandato do recém-empossado por infidelidade partidária. O relator é o jurista Sebastião Monteiro. Cattani apresenta defesa na...