Últimas

Quarta-Feira, 23 de Setembro de 2009, 18h:25 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:24

CULTURA

Olímpio diz que Adevair não tem intimidade com Cultura

   O secretário municipal de Cultura, Mário Olímpio (PV), que deixa a pasta em 2 de outubro para assessorar o prefeito Wilson Santos (PSDB), afimou nesta quarta (23), que o verador Adevair Cabral (PDT), escolhido para assumir a secretaria, não possui intimidade com a área. Mesmo assim, ele diz que, caso o pedetista se esforce, poderá conseguir avanços culturais para Cuiabá. A declaração foi postada na página da internet denominada "Forúm Permanente Mato-grossense de Cultura", onde os participantes do grupo discutem assuntos do setor. Olímpio confirma também sua pretenção política para as próximas eleições e diz que disputará uma cadeira na Assembleia Legislativa. Sem perder tempo, já faz o próprio "merchandising" e garante que na AL fará muito pela cultura do Estado. Em seu texto, se despede com a promessa de que ajudará o prefeito a cuidar de assuntos culturais, do meio ambiente e turismo.

   Considerado o "intocável" da gestão tucana, Olímpio esteve à frente da pasta desde 2005, quando Santos assumiu a prefeitura. Porém, desde 31 de agosto deste ano, colocou seu cargo à disposição, numa demonstração de "sensibilidade" com o chefe do Executivo municipal, que precisava de mobilidade para contentar seus aliados. Adevair Cabral, que esta licenciado da Câmara, assumirá a pasta de Cultura na na próxima terça (29). O presidente da Câmara, vereador Deucimar Silva (PP), já foi comunicado sobre a cerimônia - saiba mais aqui. (Lisânia Ghisi)

   Leia abaixo a íntegra das declarações de Mário Olímpio
   "Quero comunicar que no dia 2 de outubro, eu transfiro o cargo de secretário da Cultura de Cuiabá para o vereador Adevair Cabral, do PDT. A decisão foi tomada em comum acordo com o prefeito Wilson Santos (PSDB), que entendeu que esse partido merece maior espaço no governo. 
   Eu já havia decidido deixar o cargo em março do ano que vem para pleitear uma candidatura de deputado estadual nas eleições de 2010, pelo meu partido, o PV. Imagino que posso contribuir mais pela cultura na Assembléia Legislativa.
   O vereador Adevair Cabral, embora não tenha intimidade com a área, merece todo o nosso respeito e pode, como vereador, alcançar grandes conquistas para a classe.
   Eu vou assessorar o prefeito Wilson Santos em seu gabinete, nos temas transversais, nas áreas da cultura, meio ambiente e turismo junto aos municípios do Vale do Rio Cuiabá, pelo período permitido em lei e então vou me preparar para a candidatura.
   Agradeço a atenção a mim destinada pelos forenses neste período de 4 anos e 10 meses frente à secretaria. Devo, a partir de agora, voltar a frequentar os debates virtuais". 
   Saudações,
   Mário Olímpio

Postar um novo comentário

Comentários (18)

  • Almir Calado | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A questão é saber: e esse Mário Olimpio teve, no longo tempo que ocupou a Secretaria de Cultura, alguma afinidade com a área? Decerto que não.

  • José Antonio Villar | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O Mario Olimpio devia é explicar a sua inadimplência para com a Secretaria de Cultura do Estado, já que ele pegou a grana e não prestou contas. Conta aí, MO...

  • Ze do Cururu | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É uma pena que o prefeito coloque as negociatas na frete do interesse da cultura. Mário Olimpio fez muito pr nós, transformando o Festival de Cururu e Siriri na grade festa que é hoje. Adevair não sabe o que é cultura e não deve saber nem a diferença entre cururu e siriri. Alias, prefeito o PDT não merece essa bola que o sr. esta enchendo para eles. querem apenas fazer caixa e arrumar emprego para os cabos eleitorais dele. O PP tem muito mais poder e votos e não tem esse apoio. O que o sr. esta escondendo? A verdade prefeito é que aos poucos o senhor está tirando todos os seus secretarios que acrescentavam alguma qualidade à sua administração. Pobre Cuiabá!!!

  • Cybelle Bussiki | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Mário,

    Muito bom ver você sair consciente de seu dever cumprido na cena política-cultural do município. Torço pela sua reestreia na cena cultural com toda a bagagem que adquiriu na secretaria.
    Sabemos que vai ser um grande parceiro também ao lado dos artistas de todas as áreas, somando esforços no sentido de impulsionar a Cultura mato-grossense para que esta atinja cada vez mais espaço.

    No mais, felicidades!


    Cybelle Bussiki

  • Naná | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Senhor Mário Olímpio,muito me admira o senhor se achar muito bom,se quando começou na política ninguém te conhecia,só porque está almejando outro cargo maior,se acha o melhor!Vamos dar crédito para o vereador Adevair cabral,que com certeza vai se esforçar muito para merecer a confiança do prefeito Wilsom Santos!E é só a classe cultural reinvindicar,que consegue melhorias!

  • valmir molina | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Conheço o vereador Adevair Cabral e tenho muito respeito por ele,porém como membro do PSDB me acho no direito de tomar uma posição.O PDT possui 2 vereadores,mas efetivamente apenas 1 está com a bancada de sustentação do prefeito,oras bolas,por que será então que este partido deve ser contemplado com mais uma secretaria?É o cúmulo da incoerência,nessa o prefeito pisou na bola.
    O vereador Adevair Cabral é funcionário de carreira da prefeitura,presidente de uma associaçõa que aglutina milhares de servidores ,o que o credencia a ocupar qulquer posto,porém ,em nossa opinião ele deveria assumir a secretaria de esportes.
    È de um veredor do PDT,lembramos que o partido só possui 2,o pedido de abertura de CPI,é do vereador do PDT as críticas mais duras e injustas que o chefe do executivo vem recebendo durante as sessões.
    Prefeito ,o PP já pediu mais uma secretaria,amanhã o PRTB também vai pedir,o PPS idem,o PRB no mesmo caminho.Só que estes vem sendo fiéis com o senhor,já o PDT só a metade.
    Todos sabemos que,um partido comandado por Rodrigo lima,Valdinei e Marco túlio jamais irá apoiá-lo,portanto prefeito ainda há tempo.

  • MANUEL/cpa | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Mario Olimpio, é facil fazer festa/promoções/etc. com dinheiro. toda a sociedade é conciênte que competente são os artista da nossa terra, eles sim merecem o nosso respeito e nossa expressar de competência, todo o sussesso de tudo, graças a eles, o resto é só pegar o dinheiro e pagar, sem se falar nos recursos de incentivo a cultura, dificil era ser secretario antes da lei de incentivo a cultura, a cultura tambemno carnaval é só para pegar o dinheiro e pagar as bandas. O resto é conversa fiada

  • Manuel Augusto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O Mario saiu por cima.
    E o Adevair vai ter a chance dele.
    A fila anda e para os que ficam latindo: tentem a sorte!

  • valdiney peres | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Wilson já deveria ter tirado esse cidadão faz tempo, é arrogante, prepotente, tem inveja de outros secretários que se sobressaem, gosta de fazer futricas nos bastidores e armar para derrubar todos aqueles que não vai com a cara dele. A saida desse cara vai ser ótimo para wilson santos, inclusive o próprio setor cultural gostou muito dessa troca, pois é muito dificil o dialogo com esse ex-secretário.

  • Ailton Correa | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    MARIO OLIMPIO, DEU A CUIABÁ UM AVANÇO NO SEGUIMENTO CULTURAL SOU CONHECEDOR DA SUA ADMINSTRAÇÃO, ABRAÇOU TODO O SEGUIMENTO CULTURAL, SIRIRI, CURURU, RIP-ROP, LAMBADÃO,PAGODE, AXÉ, SERTANEJO, FUNK E OUTROS... DESENVOUVEL O MAIOR EVENTO CULTURAL DO NOSSO ESTADO O FESTIVAL DE CURURU E SIRIRI, ALÉM DO PROJETO CARNAVAL POPULAR QUE A MAIS DE 05 ANOS DECENTRALIZOU O NOSSO CARNAVAL CUIABANO EM DIVERSOS BAIRROS DE CUIABÁ....SÓ ME RESTA DIZER SECRETÁRIO MARIO OLIMPIO BOA SORTE NA SUA NOVA JORNADA EU QUE FAÇO UM TRABALHO CULTURAL EM DIVERSOS PONTOS DA NOSSA CIDADE ESPERO ENCONTRAR EM ADEVAIR CABRAL O MESMO ESPIRITO DE FAZER CULTURA COM GOSTO PORQUE A CULTURA NÃO PODE MORRER EM CUIABÁ....

Sob efeito-cavalo paraguaio em ROO

thiago muniz 400 curtinha   Em Rondonópolis, o candidato a prefeito, vereador e empresário Thiago Muniz (foto), se transformou num cavalo paraguaio, expressão muito usual no futebol quando se refere a um time que dispara no início do campeonato mas, lá pela metade, começa a cair pelas tabelas. Acreditava-se...

Lula na TV deve afundar mais Julier

lula 400   O advogado Julier Sebastião da Silva, que disputa pela segunda vez a Prefeitura de Cuiabá - na primeira, em 2016, pelo PDT, ficou em terceiro lugar e, agora, pelo PT -, levou para o seu horário eleitoral o ex-presidente Lula (foto). A participação, com pedido de voto para Julier, da maior...

Na contramão dos investimentos

jose wenceslau 400 curtinha   Ao invés de reconhecer e aplaudir a iniciativa do governo estadual, que anunciou investimentos de R$ 9,5 bilhões em obras e ações, sendo R$ 6 bilhões (63%) de recursos próprios, a Fecomércio-MT, sob José Wenceslau Júnior (foto), reagiu com críticas....

Filho de ex-deputado rumo a vereador

willy taborelli 400   O coronel PM da reserva e ex-deputado estadual Perry Taborelli, que concorreu e perdeu para prefeito de Várzea Grande em 2016, lançou de novo o filho à cadeira de vereador. Trata-se do jovem advogado Willy Jacyntho Taborelli (foto), de 32 anos. Desta vez, ele concorre pelo PV. Na eleição...

Beto vê aliado como mais preparado

wellington marcos 400   O prefeito de Barra do Garças, Beto Farias (MDB), tem sido um cabo eleitoral fundamental para o candidato à sucessão municipal, advogado e atual vice-prefeito Wellington Marcos (foto), do DEM. Beto, que está concluindo o segundo mandato consecutivo com 80% de aprovação popular,...

Produtores e a unificação de eleições

antonio galvan 400 curtinha   Mato Grosso pode ter três eleições no mesmo dia, 15 de novembro. Isso porque, além das municipais e a suplementar ao Senado, alguns produtores rurais se movimentam para que a escolha do novo presidente da Aprosoja também seja na mesma data das eleitorais. Inicialmente, o pleito da...