Últimas

Domingo, 06 de Julho de 2008, 14h:47 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:21

CAMPO NOVO DO PARECIS

Ortolan disputa pleito e declara bens de R$ 68 mi

  A exemplo do pleito de 2004, três candidatos disputam a Prefeitura de Campo Novo do Parecis (a 385 km de Cuiabá). O que mais chama atenção é que desta vez, entre tantos "pesos pesados" do agronegócio, entra em cena o produtor rural Odenir Ortolan (PTB). Ele concorre pela coligação "Por Amor a Esta Terra", com PTB, PR, PP e PPS. Traz como vice da chapa Maria de Fátima Harmuch Kohl (PR).

  Os bens declarados de Odenir Ortolan somam nada menos que R$ 68,225 milhões. Na lista de 177 itens do patrimônio estão fazendas, empresas, máquinas, implementos agrícolas, vários veículos e R$ 93 mil em caixa. Trata-se de um dos maiores produtores rurais do Chapadão do Parecis.

  Outro que também está no páreo é o empresário rural Alviar Rother, o Soni (DEM), que já administrou o município entre 2000 e 2004. Com o nome de batismo da coligação de "Retomada do Crescimento", Soni lançou o empresário Mário Antonio Biava (PSDC) de vice da chapa. Soni declarou possuir bens avaliados em R$ 1,067 milhão, entre eles apartamento em Cuiabá, imóveis urbanos e rurais em Diamantino e Campo Novo do Parecis, além de vários veículos e implementos agrícolas. O vice da chapa de Soni, Mário Biava, diz que seu patrimônio soma R$ 2,3 milhões. Lista uma residência em Várzea Grande e sociedade em várias empresas.

   O engenheiro Mauro Valter Berft (PMDB) disputa a prefeitura com o tucano Teodolino Guedes da Silva Lima como companheiro da chapa "Renovação e Desenvolvimento". Os bens de Mauro chegam a R$ 430 mil. Já o patrimônio do vice Teodolino é calculado em 2,4 milhões, incluindo uma fazenda de 1,2 mil ha.

   Em 2004, a sucessão em Campo Novo do Parecis também envolveu 3 candidatos. Jesur Cassol, à época no PPS, foi o vitorioso, ao obter 6.639 votos. Adagir Zilco (PMDB) ficou em segundo (4.005 votos) e, por último, o petista Gilmar Luiz Tessaro (877 votos). Em 2006, Cassol renunciou ao mandato de prefeito e tentou, sem êxito, cadeira de deputado.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Chico | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Ronilson, tem mais dois candidatos:PDT Ademir e PT com Alacir,

Com certidão pra disputar 1ª suplência

dito lucas 400 curtinha   Filiado ao Podemos, Dito Lucas (foto), que entrou de última hora como primeiro-suplente da chapa ao Senado encabeçada por José Medeiros, assegura que vai apresentar novamente sua certidão junto à Justiça Eleitoral, de modo a provar que sua candidatura é legítima....

Um novo embate entre Diane x Adair

diane alves 400 curtinha   Adair José Alves Moreira, que vinha atuando na assessoria do vice-governador Otaviano Pivetta, decidiu mesmo concorrer de novo à Prefeitura de Alto Paraguai. Ele já foi prefeito por duas vezes. Adair será o principal nome da oposição à prefeita democrata Diane Alves (foto),...

Taques ofuscado e sob mira do MPE

pedro taques 400 curtinha   Pedro Taques (foto) achou que o recall dos tempos de senador e governador, ajudando-o a se posicionar de forma razoável nas pesquisas, bem antes do início da campanha, o manteria como favorito na corrida ao Senado. Ledo engano. Não levou em consideração o alto índice de...

2 caciques não disputam Alto Garças

roland trentini 400 curtinha   Após décadas de rixas, de campanhas ostentadoras, rachas e brigas eleitorais intermináveis em Alto Garças, os ex-prefeitos Rolando Trentini (foto) e Júnior Pitucha resolveram não mais concorrer ao Executivo. Mas, um deles segue se movimentando nos bastidores. Pela...

Um ex-prefeito inelegível em Poconé

clovis martins 400   Dificilmente o ex-prefeito petebista Clovis Damião Martins (foto) terá registro de candidatura a prefeito de Poconé deferido pela Justiça Eleitoral. O promotor de Justiça, Mário Anthero, já pediu impugnação do registro do petebista por inelegibilidades. Clovis, que...

Briga em Sinop entre Juarez e Dorner

juarez costa 400 curtinha   Em Sinop, a briga eleitoral caminha para tensão e acirramento entre o emedebista Juarez Costa (foto) e Roberto Dorner (Republicanos). Hoje, o ex-prefeito seria eleito, mas Dorner vem crescendo nas adesões, com ajuda do vice de sua chapa, ex-vereador Dalton Martini (Patriota). O apoio da prefeita Rosana...