Últimas

Quarta-Feira, 16 de Maio de 2007, 12h:15 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

Artigo

Os que ficamos

     Rio de Janeiro - Apesar de iniludível e corriqueira a ponto de ser seção no jornal, a morte está por sempre associada ao espanto -e à falta do que dizer para os que ficamos.      Talvez seja o poeta pernambucano Manuel Bandeira (1886-1968) o autor do manual de instruções mais necessário, episódico produtor de um guia de auto-ajuda.
     Bandeira escreveu versos espetaculares sobre o tema, como o que fala das lágrimas "nascidas menos da saudade do que do espanto da morte". No poema "Morte Absoluta", traz inquietações para quem vai e para quem fica: "Que céu pode satisfazer teu sonho de céu?", provoca. Lança ainda o temor de uma existência inútil e a ameaça de "morrer sem deixar um sulco, um risco, uma sombra, em nenhum coração, em nenhum pensamento, em nenhuma epiderme".
     Em "Consoada", Bandeira dá até a dica de como agir "quando a indesejada das gentes chegar", seja ela "dura ou caroável [meiga]": "Talvez eu tenha medo.  Talvez sorria, ou diga: alô, iniludível!"
     Usual, a morte é sempre extraordinária, ao menos para sua vítima.
     Está em cartaz em São Paulo, no Sesc da avenida Paulista, a peça "Vemvai - O Caminho dos Mortos". Dirigida por Cibele Forjaz, a obra foi criada a partir de uma coletânea de estudos, textos e experiências da relação dos índios com a morte.
     Com soluções cênicas belas e inesperadas -a começar pelo espaço, o oitavo andar de um prédio cenografado como se fosse escombros-, o texto é uma viagem quase lisérgica sobre a visão ameríndia da morte, que por diversas vezes tangencia o canibalismo. Tem tiradas como a que diz que "não ser canibal não significa não pensar canibal". No entanto, a melhor é aquela que deveríamos guardar como palavra de consolo que sempre nos falta e como a arma secreta contra a indesejada: "A morte é um truque".

 

Plínio Fraga é jornalista da Foha de S. Paulo

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Cotado à cadeira de desembargador

francisco faiad 400 curtinha   É forte o movimento nos bastidores entre os juristas, dentro e fora da OAB/MT, pela indicação do nome de Francisco Faiad (foto) pela classe Quinto Constitucional à cadeira de desembargador. Bem articulado e com bom conceito no meio jurídico, Faiad foi presidente da OAB/MT por dois...

Pivetta promete permanecer no PDT

allan kardec 400 curtinha   O empresário Otaviano Pivetta, que se tornou o mais badalado nesta fase de pré-campanha ao Senado por causa da grande logística em torno do seu nome, se encontra numa saia-justa. Para líderes do Podemos com os quais passou a ter afinidade política, como os senadores Álvaro Dias e...

Ao Senado, 2 partidos e apoio para EP

elizeu nascimento 400 curtinha   Elizeu Nascimento (foto), terceiro-sargento PM licenciado, não é nada bobo. Ex-vereador pela Capital e no mandato de deputado estadual, Elizeu hoje controla o DC-MT e ainda levou aliados de confiança para o PSL-MT, partido que ainda está ligado ao presidente Bolsonaro e que só de...

Digital de Selma no apoio para Pivetta

olga lustosa curtinha 400   Mesmo com laços antigos de amizade com Otaviano Pivetta, Olga Lustosa, que está se desligando do cargo de assessora do gabinete da senadora cassada Selma Arruda em Brasília, causou aquele climão dentro do Podemos quando apareceu no encontro do PDT, neste sábado. O ato marcou o...

Fritado ao Senado, Galvan deixará PDT

antonio galvan 400 curtinha   Como já esperado, o presidente da Aprosoja, Antonio Galvan (foto), foi mesmo patrolado dentro do PDT estadual na tentativa de concorrer ao Senado na suplementar de abril. Com a decisão oficial do partido de lançar o vice-governador Otaviano Pivetta à disputa, Galvan agora pensa em sair da...

Contratos suspensos de 7 prefeituras

domingos neto 400 curtinha   O conselheiro do TCE-MT, Domingos Neto, determinou, até julgamento do mérito, a suspensão de pagamento por sete prefeituras à Oscip Tupã. Ele é relator de uma representação feita pelo Ministério Público de Contas contra as prefeituras de Vera,...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Bolsonaro...

excelente

bom

razoável

ruim

péssimo

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.