Últimas

Segunda-Feira, 22 de Janeiro de 2007, 13h:24 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

EXECUTIVO

PAC assegura obras para MT, diz governador

    O governador Blairo Maggi retornou de Brasília nesta segunda (22) entusiasmado por ter recebido do presidente Lula a garantia de obras para Mato Grosso, como de conclusão do asfaltamento das BRs 163 (Cuiabá-Santarém) e 158 (Araguaia), além de investimentos no setor energético. Os projetos foram inseridos no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

    Maggi e Lula criaram relações próximas, a partir da campanha do segundo turno, quando o governador, contrariando os segmentos do agronegócio e o seu então PPS, apoiou o petista. A partir daí, Lula sempre faz referência à gratidão por Maggi. O governador, por sua vez, tenta tirar proveito político e administrativo. Conseguiu 'amarrar' um pacote de obras macro junto ao governo federal.

    Lula reafirmou nesta segunda, em Brasília, que estão entre as prioridades neste segundo mandato para Mato Grosso a conclusão do asfalto das rodovias BRs-163 e 158. Garantiu também a ligação entre as BRs-163 e 364 e a duplicação do trecho entre o posto Gil até Rondonópolis.  Entre as linhas de transmissão, consta o linhão Jauru (MT)-Vilhena (RO).

     O governador elogiu o postura do presidente porque, antes mesmo de definir o quadro de ministros, já anunciou projetos de desenvolvimento com medidas efetivas num curto espaço de tempo. "O PAC foi bom para o Brasil e vai ser muito bom para Mato Grosso porque contempla reivindicações de há muitos anos”. Apesar disso, Maggi se mostrou preocupado com as contrapartidas dos estados e municípios aos investimentos previstos pelo PAC. Segundo o governador, o Programa prevê contrapartida dos estados de R$ 8 bilhões. "Eu não sei de onde os estados vão buscar esses recursos porque os estados não têm mais capacidade de endividamento nem de recursos próprios para colocar nesses financiamentos".

   Blairo Maggi disse temer que os estados com mais recursos poderão executar as obras com mais rapidez, enquanto outros estados ficarão prejudicados. "O que vai acontecer é o seguinte: quem tem mais dinheiro, com certeza vai acelerar mais o processo. Quem tem menos dinheiro, não vai participar ou vai participar menos", disse.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Novo ensaio do privilegiado Neurilan

neurilan fraga 400   Neurilan Fraga (foto) transformou mesmo a AMM não apenas num cabide de emprego, mas numa entidade para, em alguns casos, atender a seus interesses pessoais. Ali, investido no cargo de presidente, inclusive já pelo quarto mandato, mesmo não sendo mais prefeito, ele se articula politicamente o tempo todo....

Dobradinha no Podemos pela reeleição

claudinei 400 curtinha   Eleito deputado na onda Bolsonaro, o delegado de Polícia Claudinei de Souza Lopes (foto) resolveu deixar o PSL e vai se abrigar no Podemos. Sonha com a reeleição. Sua estratégia é trabalhar o que se chama de dobradinha eleitoral com o deputado federal José Medeiros, especialmente em...

Valtenir atrai lideranças para o MDB

valtenir pereira 400   Mesmo sem mandato eletivo, o ex-vereador pela Capital e ex-deputado federal Valtenir Pereira (foto) continua se articulando nos bastidores, agora pelo fortalecimento do seu partido, o MDB. Ele está convencendo algumas lideranças a se filiar na legenda emedebista. Dois líderes são prefeitos...

Chefe do Escritório de ROO em Cuiabá

mario marques 400 curtinha   O prefeito de Rondonópolis, Zé do Pátio, que iniciou neste mês o 3º mandato, mantém como parte da estrutura da administração um cargo de chefe do Escritório de Representação do município na Capital. E Pátio nomeou para esta...

Prefeito cria comitê pra debater modal

emanuel pinheiro 400 curtinha   Mesmo o governador Mauro Mendes já tendo anunciado que vai implantar o BRT na Região Metropolitana, em detrimento do VLT, o prefeito cuiabano Emanuel Pinheiro (foto) criou um comitê de análise técnica para, segundo ele, definir o modal de transporte para a região. Emanuel...

Desembargadores recebem 6 auxílios

maria helena povoas 400   O Tribunal de Justiça de MT, presidido pela desembargadora Maria Helena Póvoas (foto), vai pagar uma série de direitos e vantagens que "engordam" substancialmente o subsídio de seus magistrados e que foram programados pelo ex-presidente Carlos Alberto para liberá-los no orçamento...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.