Últimas

Quarta-Feira, 19 de Setembro de 2007, 10h:15 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:16

SENADO

Pagot chegará "sangrando" no Dnit; Couto ataca

     O nome do executivo Antonio Luiz Pagot deve ser aprovado pela maioria dos senadores em sessão nesta quarta (19). Apesar disso, Pagot está sendo alvo de alguns ataques. Vai chegar "sangrando" no cargo de diretor-geral do Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes (Dnit). Na sessão desta terça, por exemplo, o senador tucano Mário Couto (PA), escalado para "arrancar o couro" de Pagot,  foi contundente em dizer que o ex-secretário de Infra-Estrutura do governo Blairo Maggi cometeu crime de responsabilidade. Cobrou ressarcimento dos R$ 428 mil que, segundo Couto, Pagot recebera ilegalmente como assessor parlamentar de Jonas Pinheiro durante oito anos por dupla função, já que atuava também como diretor da empresa Hermasa Navegação da Amazônia.

   Couto mostrou um documento encaminhado pelo próprio Pagot sobre o período em que este ocupou a dupla função. Segundo ele, as explicações comprometem ainda mais o indicado para o Dnit.

    Confira abaixo o que disse Couto, o opositor mais ferrenho à nomeação de Pagot.   

Ele é um fantasma

   "Sei que vou ser questionado. Sei que Luiz Antonio Pagot tem muitos amigos no Senado. Por isso, essa ansiedade. Mas, está claro, cristalino. Ninguém pode provar ao contrário. Ninguém! Ele cometeu uma irregularidade patente e comprovada. Não se pode negar isso. Este homem não pode assumir um órgão de tanta importância para este país. Ao votar a discussão do projeto nesta tribuna, vou dar mais detalhes do que aconteceu  dentro deste Senado. Ele trabalhou aqui e recebeu todo o tempo integralmente e trabalhou na Hermasa. Olha aqui! Em referência ao pedido de informação constante do requerimento do Excelêntíssimo senhor senador Arthur Virgilio e outros senadores, comunica o senhor Luz Antonio Pagot, conforme informado pela subsecretaria de pessoal comissionado. Exerceu o cargo de assessor parlamentar no gabinete do senador Jonas Pinheiro. Foi nomeado pelo ato de diretor número 292/1955. Exonerado em 1º de junho de 2002 pelo ato de diretor geral 608 de 4 de abril de 2006. Em referência a pergunta número 12, formulada pelo requerimento nº2007, reiteramos que o senhor Luiz Antonio Pagot exerceu o cargo em comissão de secretário parlamentar e o montante do valor recebido pelo exercício do audido cargo consta na planilha anexa elaborada pela subsecretaria de pagamento de pessoal. Quanto à remuneração atual, corresponde ao cargo mencionado à epoca pelo mencionado servidor, informamos que hoje, pasmem senhoras e senhores, quanto ele recebia. Um secretário parlamentar com uma remuneração de R$ 6,8 mil. Olha aqui senador Jonas. São fatos concretos. Não tem o que questionar, não adianta senador, olha a planilha de recebimentos. Todos os meses abonados, todos os dias. O homem estava lá em Itaquatiara na Hermasa e ao mesmo tempo estava aqui no Senado trabalhando. É um fantasma. Consegue estar em dois lugares ao mesmo tempo para trabalhar. Sabe quanto ele recebeu no total? R$ 429 mil deste Senado. Não pode senador. Não deve senador. Ninguém pode aprovar o nome deste homem. A sociedade está nos observando a cada dia. Chega de errarmos. Por favor senador, não se pode errar mais. Este é o primeiro documento. Vou apresentar outros de departamento desta Casa confirmado que ele cometeu o delito. E se cometeu, tem que devolver os R$ 500 mil, mas no decorrer das discussões, eu vou apresentar outras provas que tenho aqui nas mãos. Carimbadas, registradas e autenticadas que ninguém, absolutamente ninguém pode questionar. Estão aqui em meu poder".

Senador Mário Couto (PSDB-PA)

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • JOSE DAS COUVES | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    esta pessoa é o braço direito do governador Blairo Maggi, paladino da moral e daJustiça, que isto,

    PAGOUUUUUUUUU CARO,

  • Maria Miranda | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Isso sim, vai entrar sangrando de tantas facadas de acertos que ele terá que fazer para assumir DNIT, tomara que sobra um pouco do recurso para MT. Eta fominha esse povo.

  • bruno carlos de arruda | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Gente, a vida é uma só, porquê passar por uma situação dessas, colocar a sua honra e o teu nome em cheque por todo esse país, e durante mais de 6 meses?? será que vale a pena?? O poder só é bom quando se pode exercer determinado cargo em favor de um projeto para toda uma sociedade, e sem que tenha que ficar sujeito a humilhações e tramóias para derrubar antes até de assumir o cargo. A vida vale a pena ser vivida sem desgastes, rancores e armações de políticos e de grupos econômicos com interesses perversos e inconfessáveis. Acho que ninguém merecia isso, acho que ninguém. Não podemos construir com destruição permanente.

  • Carlos Roberto de Aguiar | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    ESTA É PARA O SENADOR MARIO COUTO PENSAR E REFLETIR.

    Em quase tôdas sagas da antiguidade, bem como as aventuras modernas, o heroi sempre chega ao final sangrando; Mas Vitorioso.

"Batida" em apresentador por engano

ricardo martins 400   Durante a dupla operação deflagrada pela PF nesta terça em alguns municípios de MT, entre eles Cuiabá, agentes federais, por um equívoco no cumprimento de mandados, acabou batendo na porta do apresentador da TV Cidade Verde, Ricardo Martins (foto). Ele, por sua vez, e para não...

Paccola é cotado para diretor-geral

gianmarco paccola 400   O discreto e atuante delegado Gianmarco Paccola (foto), hoje diretor-geral-adjunto da Civil, já desponta nos bastidores como nome preferencial do Palácio Paiaguás para eventual substituição a Mário Demerval, que deve mesmo deixar o posto de diretor-geral para disputar as...

Luta pra isentar parte dos aposentados

eduardo botelho 400 curtinha   Primeiro-secretário da Assembleia, Eduardo Botelho (foto) disse que foi criada espécie de força-tarefa dos deputados para fechar um acordo com o governo, de modo a ajudar aposentados e pensionistas e portadores de doenças raras para isenção do pagamento da alíquota da...

Investimentos em segurança pública

alexandre bustamante 400   Alexandre Bustamante (foto), secretário estadual de Segurança Pública, é enfático ao afirmar que o Estado tem investido em equipamentos e infraestrutura para combater a criminalidade. Segundo ele, a maior prova disso são os projetos que integram o programa MT Mais. Ao todo, devem...

Folha antecipada em Várzea Grande

kalil baracat 400 curtinha   Com o privilégio de ter assumido a prefeitura em janeiro com superávit de R$ 74 milhões da antecessora Lucimar Campos, o prefeito várzea-grandense Kalil Baracat (foto) quitou a folha de fevereiro na última quinta (25), três dias antes da virada do mês. São cerca de...

Grupo de risco em casa até 31 de maio

Em novo decreto, dentro das medidas emergenciais e temporárias de prevenção ao Covid-19, o prefeito cuiabano Emanuel Pinheiro determinou que servidores municipais que integram o chamado grupo de risco não devem trabalhar presencialmente nas secretarias e/ou órgãos da administração. São considerados desse grupo servidores acima de 60 anos, imunodeprimidos e/ou portadores de doenças crônicas e servidoras grávidas e...