Últimas

Sexta-Feira, 21 de Novembro de 2008, 08h:24 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:21

INFRAESTRUTURA

Pagot diz que grandes obras só no próximo ano

Diretor-geral do Dnit afirma ainda que está preparado para disputar o governo

   O diretor-geral do Dnit e pré-candidato a governador pelo PR, executivo Luiz Antonio Pagot, disse nesta sexta (21), em entrevista ao Chamada Geral, da rádio Cuiabana FM, que as grandes obras só vão acontecer em Mato Grosso a partir de abril do próximo ano. Afilhado político do governador Blairo Maggi, Pagot está à frente de uma das autarquias mais cobiçadas da estrutura do governo federal desde o ano passado. Assumiu o posto cheio de otimismo e com inúmeras promessas. Agora, vive o pesadelo para viabilizá-las na prática.

   Pagot alega que o Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes, que cuida das rodovias, ferrovias e hidrovias, não tinha projetos. Segundo ele, agora que as propostas foram elaboradas, o Dnit entrou na fase de licitação das obras. O resultado prático maior, diz o ex-secretário de Maggi, será percebido a partir do próximo ano. Admite que não adianta fazer operação tapa-buracos porque as rodovias estão rachadas ou com trincas e garante que as BRs de Mato Grosso vão receber mais de R$ 2 bilhões de investimentos.

  Ele anunciou a restauração do trecho entre Lucas do Rio Verde a Nova Santa Helena (Nortão), com destinação de R$ 160 milhões. Assegura que a 163 será duplicada, de Rondonópolis a Cuiabá. Promete também viabilizar mais 4 mil km de novas rodovias federais no Estado. Pagot foi entrevistado por quase uma hora pelo jornalista Marcos Coutinho, que substitui o apresentador do programa Lino Rossi, e teve participação do também jornalista Marcos Lemos e do professor Alfredo da Mota Menezes.

   Rumo a 2010

   Sobre sua pré-candidatura ao Palácio Paiaguás, Pagot afirma que se sente preparado para enfrentar o desafio, mas admite que precisa viabilizar o projeto político junto à sociedade, depois ao partido, o PR, e também no arco de alianças. Pondera que o fato de estar no Dnit traz, por um lado, benefícios para MT mas, por outro, dificulta as suas articulações políticas.

   Ex-secretário de Infra-Estrutura, Casa Civil e Educação do governo Maggi, Luiz Pagot calcula que até abril de 2010, quando tende a se desincompatibilizar do cargo no Dnit para disputar o governo do Estado, só terá 100 dias de presença efetiva em MT. O resto do tempo permanece em Brasília. Apesar disso, afirma que vai encarar a disputa majoritária.

Postar um novo comentário

Comentários (24)

  • Ricardo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Sr Pagot, o que o Sr tem feito no DENIT? Até o LULA te acha incapaz, ta feio hein.

    As estradas federais de MT está um lixo. Ah quanto ja foi em reais a obra da Serra de Sao Vicente? E até hj nada.

    A BR 163 perto de Sinop está uma Roleta Russa.

    Reconheço o belo trabalho até Jangada.

    Depois o PR que fazer o próximo governador.

    Acorda Mato Grosso.

  • PAULO WILKER | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O Blairo Magi é um homem ativo, não pede várias eleições seguidamente. Concerteza, buscará um outro nome, que será de consenso entre os mato-grossense. Pelo o jeito está pintando, um matogrossense filho de baiano como candidato do Blairo,e que é identificado com o nosso povo. Quem viver verá. Porque ser for o Pagot, será mole, como mamão maduro para o Wilson Santos.

  • antonio de rosso | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • marcelo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    é ano que vem é vespera de eleiçoes, a propaganda vai ser boa...

  • valmir molina | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Pagot para de besteira e venha apoiar o futuro governador Wilson Santos,2010 é do povo de novo.Dá licença!

  • HUGO DA SILVA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    SAI FORA PAGOT, VC NUNCA FOI NADA JA QUER SER GOVERNADOR...

    TEM Q SER MAS HUMILDE COMEÇAR DEVAGAR...

    TA IGUAL AO SEU COMPANHEIRO MAURO MENDES NUNCA FOI NADA JA QUERIA SER PREFEITO VOTE...

    O POVO NÃO É BESTA DE CAIR NESSA LADAINHA DE AFILHADO DE BLAIRO MAGGI,. ESSA NÃO COLA TENTA OUTRA,...


    DEIXA SERGIO RICARDO OU MAURIÇÃO SER CANDIDATO VC QUER IMPOR A SUA CANDIDATURA DEIXA O POVO ESCOLHER...

    TODAS AS PESQUISAS MOSTRAM VC COM NO MAXIMO 3%... É MUITO RUIM DE SERVIÇO PAGODE...

  • JOSÉ DE SOUZA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É PAGOT VC VAI SER MESMO CANDIDATO DO PR.

    PQ SERGIO RICARDO VAI FILIAR NO DEM E VAI SER O GOVERNADOR DE MT...

    VAMOS DERROTAR ESSA TURMA DA BUTINA BANDO DE ARROGANTES, SEM CULTURA, SÓ QUEREM ENRIQUECER AS CUSTAS DO GOVERNO... SAI FORA ENQUANTO É TEMPO VC VAI LEVAR UMA SURRA E O SEU PADRINHO BALÃO MAGGICO NÃO VAI ELEGER PRA SENADO...

    PODE ANOTAR AI....

  • Gaudério Bombacha | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Mas que baaaarbaridade tchê! Espia só o discurso desse tal Molina.Agora já convida Pagot,quando antes descia a lenha no monsier...Tu já tá vendo que Wilson Santos não segura mais essa bola...a eleição acabou e o povão tá acordando dos contos da carochinha do horário eleitoral.Pra quem lê nas entrelinhas, não me admira que daqui mais algum tempo tua tá tratando Pagot o Sérgio Ricardo como grande esperança de MT...

  • jacyara | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Alega sempre, Pagot, que as obras do DNIT para o estado de Mato Grosso, não estavam licitada, solicitadas, projetadas, etc... e isso é uma constante e foi tambem discursada durante a campanha de Murilo e do Mauro.
    Fico me perguntando, se o secretário Pagot, realmente estivesse enteressado em trazer obras para o estado, não deveria ele antes de assumir o DNIT, ou em qualquer outra ocasião, como cidadão, já providenciado os documentos e projetos junto aos DEPUTADOS FEDERAIS, para as providencias de praxe?
    Agora, o discurso muda, e já promete obras para o proximo ano.
    Isto ao meu ver é causuismo politico e desfavor ao estado de MT, pois quem sabe corre atrás do progresso do seu estado, e isto é CIVISMO.

    Acredito que o melhor nome continua a ser Jayme, apoiado pela CUYABANIA, por Wilson e Zé do Patio.

    Até a vitoria.

  • Hélio Brandão | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Em sua entrevista o Dr. Pagot afirma que é muito importante, seja quem for, alguém de Mato Grosso ocupar um cargo de envergadura no Governo Federal.
    Pode parecer exagero, mas penso que ele, Pagot, foi até modesto na sua análise...
    Muito mais que muito importante, penso ser fundamental alguém de Mato Grosso ocupar postos estratégicos na administração federal!
    Por exemplo: o Secretário Executivo do Ministério das cidades é o Rodrigo Figueiredo.
    Os resultados positivos são por demais evidentes!
    Por outro lado é evidente que obras de envergadura, específicamente a nível de DNIT, até serem iniciadas demandam a superação de etapas complexas e longas.
    Isso é um fato!
    Como um otimista contumaz, creio piamente que em 2009 o que o Dr Pagot noticicia que acontecerá em nosso Estado, nas rodovias, se concretizará.
    Torço por isso, afinal vivo aqui no nosso Mato Grosso!

Acordo com Euclides partiu de Allan

allan kardec 400   Otaviano Pivetta, vice-governador licenciado por 30 dias para cuidar de problemas de saúde, disse que nada tem a ver com o tal acordo "costurado" pelo presidente regional do PDT, deputado Allan Kardec (foto), com Euclides Ribeiro, candidato a senador pelo Avante. Explica que só apresentou Euclides para Allan e...

Família Maia tenta retomar o poder

martha maia 400   O ex-prefeito de Alto Araguaia por quatro vezes, Maia Neto, não entrou na disputa de novo ao Executivo, mas lançou a irmã Martha Maia (foto), cuja filha Sylvia Maia é vereadora. Filiada ao PP, Martha entra como principal candidata da oposição ao prefeito Gustavo Melo, que vai à...

Welinton fará grande ato em Barra

welinton marcos 400 curtinha   Welinton Marcos (foto) lança sua candidatura a prefeito de Barra do Garças, na segunda (28), em um grande ato. Mesmo pelo sistema drive-in, devido à necessidade de adotar medidas sanitárias contra a Covid-19, são esperadas na solenidade cerca de mil pessoas, num espaço amplo,...

Irmão de Riva está na disputa em Juara

priminho riva 400 curtinha   O irmão do ex-deputado José Riva, Priminho Riva (foto), filiado ao PL, será mesmo candidato a prefeito em Juara, posto já ocupado por ele por duas vezes (1997/2004). Priminho pertence a uma famíliade políticos. Além de Riva, que foi prefeito e deputado, é...

PSB deve ficar fora da aliança de EP

max russi curtinha 400   O PSB, presidido pelo deputado Max Russi (foto), pulou mesmo do barco de Emanuel Pinheiro. Deve formalizar apoio à candidatura de Roberto França ao Alencastro. O PSB não consta na lista oficial de siglas que estão com o prefeito, que busca à reeleição. Os 11 que estão...

Taisir coordena campanha de Eliene

taisir karim 400 curtinha   O ex-reitor da Unemat e uma das lideranças do PSD na região Oeste, Taisir Karim (foto), que chegou a se lançar de última hora como pré-candidato a prefeito de Cáceres, mas logo em seguida recuou, será o coordenador-geral da campanha de Eliene Liberato (PSB), atual...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.