Últimas

Sexta-Feira, 05 de Outubro de 2007, 08h:52 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:16

Artigo

Pagot, Dnit e interesses políticos

     Finalmente Pagot assume a Diretoria-Geral do DNIT. Foram meses de reveses políticos, articulações sórdidas de ex-políticos de Mato Grosso, tal como Antero Paes de Barros, um dos maiores “adversários” da assunção de Luiz Antonio Pagot ao cargo, dentre outros que juntaram forças para impedir a ida deste para aquele Órgão.
     Conhecido como “trator” do Governo Blairo Maggi, certamente esse técnico competente, que incomoda com certeza muitos políticos por isso, pois senão já teria “emplacado” antes no cargo, acho que Pagot fará um bom trabalho e trará não só para o nosso Estado, mas também para o País, alternativas de soluções e muito trabalho.
     Aliás, essa questão de ter competência é fator que incomoda incrivelmente os nossos políticos.
     No caso especifico de Pagot, reviraram sua vida em busca de elementos que o comprometessem ou, pelo menos, resvalassem na sua vida pública ou pessoal. Parece que esse homens públicos são de uma integridade à toda prova. Não respondem a CPI’s, não cometem crimes contra os interesses da Nação, não fazem parte de operações sanguessuga, curupira, mensalão e outras. Eles estão chafurdados  na lama porque não acertam uma e ainda assim, se apresentam “prontos para o dever”. É hilário.
      Vejam quantas e quantas situações de corrupção têm surgido envolvendo pessoas que ocupam cargos públicos. São indicados políticos. Porque será que com estes eles  não se preocuparam em “levantar informações”?
       Já disse uma, não, muitas vezes, que o Ex-Senador Antero deveria ter colocado gente nossa lá em Brasília em altos postos. Porque não o fez? Era Senador da República, no Governo do seu Partido, com um Governador que mais que  seu aliado, era seu amigo pessoal, além de compor uma Bancada que poderia ter sido mais inteligente e forte e colocado Mato Grosso em lugar de destaque, destaque que este  merece. .
        Somos grandes na Agricultura, na Pecuária, podemos ser mais fortes no Turismo, se este tiver um bom gestor, e, como Estado Continental, temos todas as condições de projetar o nosso futuro com equilíbrio, conciliando os interesses ambientais com o desenvolvimento, seja ele em que área for.
        O Mato Grosso das regiões Noroeste, Norte e Médio Norte principalmente, agradecem a oportunidade de conseguir estradas, escoar sua produção e impedir que mais e mais pessoas empreendedoras abandonem essas regiões. Espero que isso seja viabilizado, com a presença de Pagot no DNIT, quer queiram, quer não,  os que, apesar de tudo, ainda pretendem instalar a CPI do Órgão, para apurar irregularidades.
       Mais que a luta que travaram contra a ida de Pagot para lá, essa proposta é inócua e não tem sentido nenhum. Primeiro, porque não fizeram isso antes? Porque lá estavam os indicados dos interesseiros de plantão. Segundo, com certeza não atingirão o novo Diretor, que está chegando agora e quer trabalhar. Terceiro, vão impedir com essa atitude, ou pelo menos vão tentar, que se faça alguma coisa pelas estradas deste País que vive o caos e prejudica a economia da Nação.
      Acho que para eles isso não importa muito, afinal, além de muitos terem seus próprios aviões, quando não o fazem com eles, sobrevoam o Brasil em aeronaves do POVO BRASILEIRO. Assim, é fácil colocar pedras no caminho dos outros.
      Acredito pouco no Brasil de hoje, mas confio em Pagot e para ele sugiro humildemente, que tenha cuidado com os aduladores, seguindo o pensamento de Maquiavel em seu livro “O Príncipe”: “Não há outro meio de guardar-se da adulação, a não ser fazendo com que os homens entendam que não te ofendem dizendo a verdade; mas quando todos podem dizer-te a verdade, passam a faltar-te com a reverência”.
 

Oriana Paes de Barros é procuradora federal aposentada e pecuarista

 

 

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Mauro e vitórias na briga de decretos

mauro mendes 400 A estratégia do governador Mauro Mendes (foto) de articular com os Poderes a edição do decreto de toque de recolher vem dando frutos. O governo publicou decreto impondo toque de recolher das 21h às 5h, com fechamento do comércio às 19h. O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, discordou e fez...

Prefeito é intubado e pode ir para SP

Prefeito de Tapurah Carlos Alberto Capeletti   É grave o quadro de saúde do prefeito de Tapurah (432 km de Cuiabá), Carlos Alberto Capeletti (PSD). Após piora, ele precisou ser intubado nesta quinta (4). Foi internado na terça (2), após testar positivo para Covid-19, em uma UTI no Hospital 13 de Maio, em...

Setasc doou 330 mil cestas básícas

Rosamaria 400 curtinha   A Secretaria Estadual de Assistência Social e Cidadania (Setasc), sob Rosamaria de Carvalho (foto), já entregou mais de 330 mil cestas básicas desde o inicio da pandemia, sendo 110 mil em Cuiabá e Várzea Grande. E como assistência social foi considerada como serviço essencial,...

Interinos ficam sem cargos no TCE

jose carlos novelli 400 curtinha   Com o retorno dos conselheiros do TCE, Antonio Joaquim e José Carlos Novelli (foto), dois substitutos perderam os postos não apenas nas relatorias, como também ficam sem os cargos na gestão. É o caso de Isaías Lopes da Cunha, que deixou de ser ouvidor-geral, sendo...

MT perde José Afonso Portocarrero

portocarrero-400   Morreu nessa quarta  (3), aos 93 anos, José Afonso Portocarrero (foto). O ex-presidente dos extintos  Banco do Estado de Mato Grosso (Bemat)  e Loteria do Estado de Mato Grosso (Lemat)  morreu de causas naturais. Viúvo, deixa quatro filhos.  Na vida profissional, foi o responsável...

Secretários filiados e sem pretensões

Beto 2x1 400 curtinha   Presidente do DEM em Cuiabá, o secretário estadual de Cultura, Esporte e Lazer, Alberto Machado, o Beto 2 x 1 (foto), disse, em visita ao Rdnews, quando concedeu entrevista à tvweb RDTV, que alguns colegas secretários estão filiados ao partido, mas isso não significa que eles...