Últimas

Terça-Feira, 08 de Dezembro de 2009, 15h:24 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:25

CÂMARA DE CUIABÁ

Para usufruir recesso, vereadores trabalham "de graça"

   Os vereadores de Cuiabá terão que trabalhar "de graça" em quatro sessões extraordinárias para conseguir limpar a pauta e entrar de recesso no próximo dia 17 de dezembro. Mais de 150 projetos dos parlamentares estão “emperrados” no Legislativo e precisam ser submetidos à votação. Alguns tramitam na Casa desde o início do ano e a morosidade burocrática para que sejam levados a plenário tem irritado alguns vereadores. “Quero lembrar o senhor vereador Domingos Sávio (presidente da CCJ), que vocês tem 5 dias para analisar tudo. Tem projeto de março sendo votado hoje”, reclamou Clóvis Hugueney, o Clovito (PTB).

  Na sessão desta terça (8), por exemplo, 40 propostas foram submetidas ao plenário. O Executivo, por sua vez, também tenta aprovar dezenas de mensagens. A maioria é encaminhada em regime de urgência especial. Tanta pressa se explica pelo fato dos 19 vereadores só voltarem a trabalhar na segunda quinzena de fevereiro.  Além das sessões ordinárias, que acontecem às terças e quintas a partir das 8h, estão garantidas outras quatro até o final de dezembro. Segundo documento assinado pelo presidente do Legislativo, Deucimar Silva (PP), as sessões extraordinárias estão marcadas para os próximos dias 9, 11, 14 e 16.

  Uma das propostas que deve ser aprovada na sessão extraordinária desta quarta (9) é a planta genérica de Cuiabá. O prefeito tem pressa na aprovação da proposta porque sem o aval do Legislativo não poderá emitir os carnês de IPTU para 2010. A alíquota do IPTU será mantida. O valor do IPTU é calculado em duas situações. No caso dos imóveis edificados, o imposto é sobre 0,4% do valor do imóvel. Já no caso dos terrenos, o valor é calculado em cima de 2% de quanto vale o imóvel. Em 2008, foram expedidos quase 200 mil carnês de IPTU, que cobra embutido taxas de iluminação pública e de coleta de lixo. Atualmente são arrecadados R$ 17 milhões e o índice de inadimplência é de 60%. (Patrícia Sanches e Adriana Nascimento)

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • araujo lima | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    quem nao paga e´porque nao tem beneficios gerados pela pmc,,quando houver beneficios o povo pagará

  • fernado | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    KAKAKAKAA AAAAAA....
    KAKAAAAAAAAA.....
    KAKAAAAAAA..... CONTA OUTRA RSSSSSSSSSS....

Mais jovem prefeito sucede familiares

Rog�rio Meira_400 jangada   O mais jovem entre os prefeitos eleitos e/ou reeleitos de MT, Rogério Meira (foto), tem um histórico de vida pública, mesmo tendo apenas 24 anos. Atualmente, ele exerce mandato de vereador por Jangada e foi eleito prefeito da cidade ao obter 1.699 votos, 9 a mais que o...

Base forte de EP para Mesa Diretora

juca do guaran� curtinha 400   A base do prefeito Emanuel Pinheiro para o segundo mandato, embora com quatro virtuais candidatos à presidência da Mesa Diretora, está construindo o discurso de que não pode rachar sob o risco de entregar o comando do Legislativo para a oposição....

Deputado ajudou a enterrar Binotti

neri 400 curtinha   O deputado federal Neri Geller (foto), que se acha um grande líder político, ajudou a enterrar nas urnas o projeto de reeleição do prefeito Luiz Binotti (PSD), derrotado à reeleição. Perdeu para o ex-vice-prefeito Miguel Vaz (Cidadania), que contou com apoio do ex-prefeito e atual...

Euclides "torra" R$ 8 mi na campanha

euclides ribeiro 400 curtinha   O advogado milionário Euclides Ribeiro (foto), que tem na carteira de clientes grandes produtores rurais, registra R$ 8,2 milhões de receitas e despesas de campanha ao Senado. Concorrendo pelo Avante, Euclides só chegou a 58.455 votos. Ficou em nono lugar, à frente apenas de Reinaldo...

Fávaro é quem mais gastou ao Senado

carlos favaro 400 curtinha   O senador reeleito Carlos Fávaro (foto) foi o que mais gastou na campanha. Oficialmente, arrecadou R$ 11,7 milhões. As maiores contribuições financeiras vieram de empresários do agronegócio. Orcival Guimarães, dono de rede de empresas de implementos agrícolas, doou...

Beto deve repensar projeto a federal

beto farias 400 curtinha   A derrota nas urnas do seu afilhado político, vice-prefeito Wellington Marcos (DEM), que tentou o Executivo de Barra do Garças e ficou em segundo lugar, obtendo somente metade dos votos em relação aos atribuídos ao eleito Adilson Gonçalves, pode levar o prefeito Beto Farias (foto)...