Últimas

Segunda-Feira, 31 de Março de 2008, 17h:45 | Atualizado: 05/12/2011, 19h:26

LEGISLATIVO

Parlamentar copia projeto e nem troca o Estado


Na base do "ctrl e c", projeto de Wagner preserva Estado de SP
Foto: Widson Maradona

  Na ânsia de marcar posição como um dos deputados que apresentam "bastante projetos", Wagner Ramos, líder da bancada do PR no legislativo e representante da região de Tangará da Serra, copiou na íntegra uma proposta da Assembléia Legislativa de São Paulo, que institui o "Dia Estadual do Plantio de Árvores Nativas" no calendário oficial do Estado. O problema é que, na hora de digitar as teclas "ctrl e c", usadas para copiar textos na íntegra, o deputado do PR esqueceu de trocar São Paulo por Mato Grosso.

   O Artigo 1º do projeto de Wagner consta a seguinte redação: "Fica instituído o Dia Estadual do Plantio de Árvores Nativas no calendário oficial do Estado de São Paulo, a ser comemorado no dia 27 de fevereiro". Assim, o projeto do deputado Wagner, em verdade, instituiria, se aprovado, o Dia do Plantio de Árvores Nativas em território paulista. Devido ao erro grosseiro do parlamentar ou da assessoria, o seu projeto apresentado no início deste mês de março, sequer, vai passar pela Comissão de Constituição e Justiça.

   Wagner não se elegeu nas urnas de 2006. Ficou como suplente. Com o licenciamento do titular João Malheiros para conduzir a Casa Civil do governo Blairo Maggi, Wagner voltou a atuar como deputado. Antes, no governo Dante de Oliveira, ele teve oportunidade de ocupar a cadeira por alguns meses. Com a posse de Humberto Bosaipo no TCE, no início do ano, Wagner se efetivou como deputado estadual.

  • Se você não está acreditando no que leu, clique aqui e tire a dúvida.

(1/4 - às 12h40) - Foi erro da assessoria, diz deputado

   O deputado Wagner Ramos alega que a citação do Estado de São Paulo em seu projeto, conforme matéria acima, foi um erro de digitação e atribui culpa a sua assessoria. Admite que copiou a proposta de um colega parlamentar do outro Estado. "Geralmente a gente copia projeto de outros Estados". Wagner observa que fez a alteração do Estado de SP para Mato Grosso na justificativa do projeto e manteve como no original no título da mensagem. "De fato está errado. A minha assessoria mandou (o projeto) errado e vamos fazer a correção". Wagner Ramos revela que vai reapresentar o projeto, com as correções.

Postar um novo comentário

Comentários (10)

  • Jedae | Terça-Feira, 30 de Agosto de 2011, 08h59
    0
    0

    Bem Mato Grosso!

  • Chico Célio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O Vagner já era aqui em Tangrá. Em 2010 será a vez de Muraro voltar!

  • marco antonio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Que ridículo. Nem colar não sabe. São estes os deputados que nos representam. Que feio Deputado.... .

  • Ricardo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Tem vez que a INFORMATICA vira fabrica de ANIMAL ... sem comentarios !!!

  • Amado Amador | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Existe uma piada que diz que a Constituição de Mato Grosso é cópia das demais, ressalvado os dispositivos inconstitucionais. Por exemplo, o artigo 58 veda a reeleição para governador, fixando o mandato em apenas 4 anos.

  • maria lucia | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    não tem como criar tantas leis.é natural que se copie boas idéias de outros estados da federação.Mas dentro do contexto do estado,né.Que assessoria este deputado tem.

  • CARLOS ROBERTO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    DEPUTADO, POSSO TE DAR UMA OPINIÃO ?? POR QUE O SR NÃO PROPÕE UM PROJETO DE LEI EM QUE SE PROIBE ÉSSA DANÇA RICULA DE SUPLENTE ASSUMIR NO LUGAR DO TITULAR, CASO ÉLA SEJA APROVADA NÓS ELEITORES FICARIAMOS LIVRES DE ATITUDES RICULAS COMO ÉSSA QUE O SENHOR FEZ. TENHO PENA DO POVO DE TANGARA, UMA DECEPÇÃO EM CIMA DA OUTAR.!!

  • cezar | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Isso é problemas de BIOS:
    Baita
    Ignorante
    Operando
    Sistemas.

    E o povo ainda tem coragem de votar num cidadão desses...Acorda Tangará da Serra..acorad Mato Grosso

  • Danielle Kormann | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    PELO AMOR DE DEUS meus amigos de Tangará da Serra - terra de gente boa - o homem e a sua trupe está indo na Assembléia Legislativa só para se COÇAR. Não admitam um besteirol desses; SEJAM CONSCIENTES NAS PRÓXIMAS ELEIÇÕES.

    QUE VERGONHA WAGNER RAMOS - não sabíamos o tamanho da incompetência e ignorância da sua ASSESSORIA ASPONE.

  • Geronimo Costantino Soares | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Olha so isso, cheira perseguição,obs nos temos que respeitar os projetos que o parlamentar Wagner apresentou no parlamento so que eu sei é 05, sim 05 projetos.
    Que pela minha visão é muito bom para o estado, agora simplesmente porque a assessoria parlamentar errou agora dar um grande destaque com isso,somos seres humanos e todos são sujeito a erro, com isso cheira outro coisa????????????????parabéns deputado se tiver idéias boa em outro estado apresenta ai na assembléia, para reverter em beneficio da população de MT,levanta a cabeça,o certas pessoas nunca admite e não engule um pessoa simples subir na vida, isso o povo sabe o que é isso perseguição........................


    01-Autoriza o Poder Executivo a celebrar convênios com entidades de guarda-mirins e grupos de escoteiros objetivando a participação de crianças e adolescentes em atividades cívicas, ecológicas, de cunho social e assistenciall.

    02-Autoriza o Poder Executivo a implantar curso de LIBRAS - Língua Brasileira de Sinais - nas escolas públicas do Estado de Mato Grosso.

    03-Amplia o Programa de Proteção e Defesa do Consumidor para a realização de ação consistente na conscientização do consumidor para as propagandas que antecedem as datas comemorativas, e dá outras providências.

    04-Institui a Semana de Conscientização sobre Transtornos de Aprendizagem, no âmbito do Estado de Mato Grosso.

    05-
    Autoriza o estabelecimento dá compensação financeira aos agricultores que explorem áreas rurais em regime de economia familiar.
    gostaria como foi publicado os outros comentarios.gostaria que esse meu comentario fosse publicado.na questão da imparcialidade.

Sorriso tenta aval para conceder RGA

estevam calvo 400   A Prefeitura de Sorriso quer pagar RGA aos servidores, mas não encontrou até agora respaldo legal para assim proceder, considerando a Lei Complementar 173/2020 que, no contexto da pandemia, proíbe reajuste no salário de servidores federais, estaduais e municipais até 31 de dezembro deste...

Ambulância doada pela CBF para MT

Aron Dresch 400   O governo estadual recebeu doação de uma ambulância da CBF como forma de reconhecimento à dedicação dos profissionais da Saúde e dos serviços que estão sendo prestados durante a pandemia. O Hospital Metropolitano, em Várzea Grande, foi escolhido para...

Fávaro, relatório e vacina sem Anvisa

carlos favaro 400   O senador mato-grossense Carlos Fávaro (foto), eleito na suplementar do ano passado, está comemorando a aprovação pelos colegas do seu relatório ao Projeto 1315/2021, que libera a importação de vacinas e insumos para o combate à Covid-19 no Brasil e sem depender do...

TRE intima deputado pra se defender

gilberto cattani 400   O TRE já citou o deputado Gilberto Cattani (foto) e o comando do PRTB para se manifestar sobre o pedido do suplente Emílio Populo, que quer a perda do mandato do recém-empossado por infidelidade partidária. O relator é o jurista Sebastião Monteiro. Cattani apresenta defesa na...

DEM tem derrotados em 2020 pra AL

anelise silva 400   Alguns filiados do DEM do governador Mauro Mendes estão se movimentando por conta própria, visando as eleições de deputado estadual no próximo ano, alheios ao comodismo do presidente regional do partido, ex-deputado Fabinho Garcia. Em Cáceres, por exemplo, dois são cogitados para...

Vereadores vão devolver a VI de abril

agostinho carneiro 400   Presidida por Agostinho Carneiro (foto), a Câmara Municipal de Ribeirãozinho, um dos menores municípios do Estado, com cerca de 2,5 mil habitantes, decidiu suspender o pagamento da verba indenizatória deste mês de abril de todos os seus nove vereadores. Com isso, os R$ 9 mil que iriam para o...