Últimas

Quinta-Feira, 06 de Março de 2008, 09h:45 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

LEGISLATIVO

Pátio acusa governador de discriminar os pobres

   Polêmico, o deputado Zé Carlos do Pátio (PMDB) voltou à tribuna nesta quinta (6) e manifestou sua indignação quanto à política de incentivos fiscais do Estado. Cobrou do governador Blairo Maggi (PR) a relação das empresas privilegiadas com isenção de impostos. "O governador tem de encarar a situação e mandar para cá (Assembléia) a relação das empresas que fazem renúncia fiscal. É bobeira ele (Maggi) não querer apresentar quanto a Amaggi recebe de incentivo", cobra o peemedebista, citando a empresa de propriedade do governador.

   Para Pátio, pré-candidato a prefeito de Rondonópolis, quem mais sofre é a classe baixa que acaba pagando mais impostos do que os empresários. "O que me dói é o fato do governo tratar os pobres de um jeito e os ricos de outro. Os pobres têm que pagar imposto antecipado, enquanto os ricos renunciam ao pagamento". Segundo ele, o maior problema é que todos permanecem calados quanto a essa desigualdade. "O povo de Mato Grosso ainda coloca ele (Blairo) como o melhor nome do Estado para ir para o Senado", disse, ao considerar absurdo o fato de ninguém se manifestar contrário ao governo. (Pollyana Araújo)

(Às 9h53) - Sérgio dá coletiva para anunciar desistência

    O presidente da AL, deputado Sérgio Ricardo (PR), anunciou durante a sessão que vai conceder uma coletiva às 15h desta quinta, em seu gabinete. Ele preferiu manter suspense sobre a pré-candidatura a prefeito da Capital. O prazo de 10 dias estipulado pelo governador para Sérgio sair do muro já expirou. No fundo, ele anunciará que não será mesmo candidato a sucessão do tucano Wilson Santos. Assim, caberá ao PR de Maggi lançar à disputa o empresário Mauro Mendes, presidente da Federação das Indústrias do Estado (Fiemt).

(Às 10h44) - Deputado nega ser "Zé Corolla"

    Zé do Pátio voltou à tribuna para enfatizar que não utiliza o veículo Corolla que a AL disponibiliza a cada um dos 24 parlamentares. Por causa disso, diz não aceitar a "pecha" de Zé Corolla. "Isso é uma mentira, pois eu nem aceitei esse Corolla", disse ao alegar que continua utilizando o Clio.

(Às 11h57) - Muniz recua e Pátio faz oposição

    Após muitas discussões em plenário, o deputado Percival Muniz (PPS) recuou e votou a favor do projeto do Executivo que trata da flexibilização de 20% do orçamento do governo para este ano. "Temos que saber a hora de atacar e o momento de recuar", disse Muniz. Já Pátio se manteve firme em sua posição contrária, pois, segundo ele, com esse "crédito" dado ao governo não terá mais razão dos deputados permanecerem atuando até o final do ano. "A partir de agora o Estado não precisa mais de nós".

     Pátio critica o fato do primeiro projeto de autoria do Executivo se referir à suplementação orçamentária. "Antes de gastar o orçamento, ele (Maggi) já quer um cheque em branco". Para o peemedebista, deveria haver uma discussão mais ampla sobre a matéria antes de inserí-la na pauta de votação. "A Mesa Diretora está precipitando o entendimento do líder do governo (Mauro Savi) com o próprio governo". Depois de muitos embates motivados por Muniz e Pátio a mensagem foi aprovada por unaminidade. Só Zé do Pátio votou contra. Agora, com aval da AL, o governador terá autonomia orçamentária dentro de 20% dos mais de R$ 6 bilhões do orçamento.

(Às 12h15) - Em clima de conflito, sessão é encerrada

    Num clima conflituoso, o presidente da AL, Sérgio Ricardo (PR), encerrou a sessão desta quinta (6). Muniz ainda iria dar as explicações finais, mas desistiu por falta de quórum. A maioria dos deputados já tinham saído do plenário.

Postar um novo comentário

Comentários (13)

  • RAMIRO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O MINISTÉRIO PÚBLICO E A POLÍCIA FEDERAL JÁ DEVERIAM TER ENTRADO NESTA HISTÓRIA DE INCENTIVOS. TALVEZ SEJA POR AI QUE O DISCURSO DE HONESTIDADE DOS BOTINUDOS IRÁ NAUFRAGAR.

  • Robert | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    parabens ao dep ze carlos por olhar para nosso estado como um todo e nãosomente para um região

    abraços e suicesso contineu sendo este homem de fibra pois nosso pais necessita de pessoas como o senhor

  • Robert | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    parabens ao dep ze carlos por olhar para nosso estado como um todo e nãosomente para um região

    abraços e suicesso contineu sendo este homem de fibra pois nosso pais necessita de pessoas como o senhor

  • Custódio da Silva Pinto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Concordo...o blairo só escolhe ricos para estar nos melhores cargos, cadê que ele deu oportunidade para cidadãos que estão colaborando de forma participativa para que o governo dele tenha sucesso? Ele gosta mesmo é dos que ficam lá puxando o "s". E o cidadão que trabalha não tem tempo para isso. Abre o olho blairo, vais ficar só, esse povo são tudo traira.

  • João Moessa de Lima | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Concordo com o Deputado Zé Carlos do Pátio, nós simples mortais pagamos ICMS de 42,5 % sobre o consumo de energia elétrica para que o Governador possa auto conceder incentivos fiscais, incentivos que trazem enormes prejízos ao Estado e ganho para quem memos necessita. Incentivos estes que carecem de um mínimo de razoabilidade para conceção porque se não existissem os plantadores de soja plantariam da mesma forma, reclamariam da mesma forma que sempre reclamam.

    Engº João Moessa, Cuiabá/MT

  • Helena | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Romilson, eu não estou acreditando no tom dessa matéria.
    Então, um Deputado Estadual pedir explicação sobre uma ação do Governo é ser "Polêmico"?
    Às vezes eu acho que a imprensa, e aqui faço um parentese, até aquela que eu considero séria, como é esse site, corrobora para a forma como é a Assmbléia. Isto é, vendida. Sem opositores. Somente em MT ser oposição é ser polemico, sem-juizo, diferente, maluquinho...
    O Zé do Pátio, o Percival, o Otaviano não são nada disso. Estão com o juizo perfeito. Eu não entendo porque essa lista não aparece. Realmente não entendo!

  • Antenor Martins | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esse tal de Zé do Pátio deve ser muito bonzinho né ?
    Mostre alguma caridade que ele tenha feito para os pobres.
    Todos politicos só lembram dos pobres perto das eleições, e tem gente que acredita nessa raça que tenha alguém que seja bonzinho.

  • Ramire | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Sobre o incentivo fiscal o deputado está certo, porque o que está parecendo é que só as empresas do governador e dos amiguinhos dele está recebendo incentivos fiscais, será que Amaggi com tantos lucros que tem precisa de incentivos fiscais?

  • Marcos de Rondonópolis | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Aqui em Rondonópolis o apelido do deputado Zé Corolla (digo, Zé do Pátio) tá pegando... estou até pensando em colocar o nome do meu bar de Zé Corolla, em homenagem a demagogia do nosso Brasil!

    Zé Corolla, Zé Corolla, Zé Corolla!!!

    ... Quem sabe um bloco carnavalesco, uma Rave, sei lá...
    Mas que a moda vai pegar, isso vai!

  • Pedro Paulo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Pelo o que saiu na imprensa, somente três deputados não aceitaram o veículo corolla da assembléia, o deputado Piveta, o deputado Walter Rabelo e o deputado Zé do Pátio, por isso eu não sei onde esse jornalista inventou essa história, está na hora dos jornalistas de mt ter mais responsabilidade na hora de publicar uma matéria.

Produtores e a unificação de eleições

antonio galvan 400 curtinha   Mato Grosso pode ter três eleições no mesmo dia, 15 de novembro. Isso porque, além das municipais e a suplementar ao Senado, alguns produtores rurais se movimentam para que a escolha do novo presidente da Aprosoja também seja na mesma data das eleitorais. Inicialmente, o pleito da...

Euclides, ideia do "calote" e frustração

euclides ribeiro 400 curtinha   O advogado Euclides Ribeiro (foto), que enriqueceu atuando na área de recuperação judicial e hoje detém um patrimônio declarado de R$ 23 milhões, não "decolou" com a candidatura ao Senado. Acreditava-se que sua principal proposta, aquela de recuperar o nome e o...

Empresários revoltados com candidato

vinicius nazario 400 curtinha   Os candidatos a prefeito de Alta Floresta, cidade pólo do Nortão, participaram de uma live nesta terça, organizada pela Universidade do Estado (Unemat). E chamou atenção, vindo a repercutir de forma negativa e provocar certa revolta no comércio local, o comentário do...

Olhar Dados mantém EP na liderança

emanuel pinheiro 400 curtinha   A sexta pesquisa do Olhar Dados sobre intenções de voto para prefeito de Cuiabá, divulgada nesta terça pelo site Olhar Direto, traz o prefeito Emanuel Pinheiro (foto) estável, em primeiro, com 31,2%. Em segundo, com 7 pontos atrás, figura Abílio Júnior, com...

Meraldo disputa e contra próprio irmão

meraldo sa 400 curtinha   Meraldo Figueiredo Sá (foto), ex-prefeito de Acorizal por dois mandatos, está rindo à toa. Mesmo com parecer contrário do Ministério Público Eleitoral, por considerá-lo ficha-suja, Meraldo conseguiu deferimento do registro de sua candidatura. E entra no embate eleitoral com...

Gamba e efeito-vice em Alta Floresta

chico gamba 400 curtinha   O agricultor Chico Gamba (foto), que concorre a prefeito de Alta Floresta pelo PSDB, estaria disposto a substituir a vice da chapa, a empresária Roseli Gomes, a Rose da Tradição (PSC), por esta enfrentar forte desgaste político, rejeição popular e até denúncia. Mas,...

MAIS LIDAS