Últimas

Quarta-Feira, 10 de Junho de 2009, 07h:56 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:23

RUMO A 2010

Pátio contraria PMDB, ignora Silval e "cola" em Santos

 Fernando Ordakowski
Clique na imagem para ampliação
Zé do Pátio deve apoiar tucano Santos ao governo, enquanto seu PMDB tem Silval como pré-candidato

   O peemedebista Zé do Pátio, prefeito de Rondonópolis, terceiro maior município do Estado com cerca de 200 mil habitantes, se tornou um problema político para o pré-candidato ao Palácio Paiaguás, vice-governador Silval Barbosa, que tenta convencê-lo a apoiar o projeto majoritário. Nos bastidores, porém, Pátio mira para outro rumo. Se transformou em cabo eleitoral do tucano Wilson Santos, prefeito da Capital e determinado a renunciar ao mandato até abril do próximo ano para encarar a candidatura ao governo do Estado.

    O principal argumento de Pátio é de que Silval não subiu no seu palanque no pleito do ano passado, quando conseguiu derrotar o então prefeito Adilton Sachetti (PR), mesmo este tendo apoio pesado da máquina do Estado, sob o governador Blairo Maggi. No caso de Silval, apesar de se tratar de um colega de partido, ele não fez campanha para Pátio, mas sim para Sachetti. Agora, o prefeito de Rondonópolis está disposto a dar o troco. A adesão do prefeito em si a uma candidatura a governador não traz tanto impacto positivo, mas a atuação nos bastidores é que se torna mais importante. É comum gestores colocarem a máquina pública a serviço de candidatos e mobilizar servidores e canalizar grupo político em defesa do nome que apóia. No caso de Silval, que já patina nas pesquisas de intenção de voto, o prejuízo seria maior porque deixaria de receber respaldo de um líder do próprio partido.

  Wilson Santos se transformou, inclusive, em espécie de conselheiro de Pátio. Ambos se reunem constantemente. O tucano tem dito para este dizer "não" a Silval, afinal, quer tirar proveito político do racha no emblemático PMDB, que já o conhece bem. Antes de ingressar no PSDB, o prefeito cuiabano foi militante por vários anos da agremiação peemedebista conduzida pelo deputado Carlos Bezerra. Na direção do PMDB há mais de uma década, Bezerra não demonstra preocupação com o racha. Sua estratégia é deixar a crise prosseguir para, ao final, entrar nas articulações e tentar construir a unidade. O problema é que desta vez há um ingrediente a mais nesse refrega político e que talvez o cacique peemedebista não tenha percebido: Pátio tem dito que é independente é que não se considera mais afilhado político de Bezerra.

    Por enquanto, se colocam como pré-candidatos a governador Silval, Santos e o senador Jayme Campos (DEM). Correm por fora os deputados Otaviano Pivetta (PDT) e Percival Muniz (PPS) e o juiz federal Julier Sebastião da Silva, que, por conta do cargo de magistrado, tem o privilégio e prerrogativa de definir partido e se será ou não candidato até abril do próximo ano.

Postar um novo comentário

Comentários (19)

  • Dicão | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A população de Cuiabá e Rondonópolis já estão sentido os efeitos do conluio feito pelo Wilson Santos e Zé do Pátio. Um está seguindo a cartilha do outro e o que se vê: a cidade abandonada, caos na saúde, transporte de má qualidade, troca de cadeiras para agradar amigos em secretárias e muita politicagem e o que é pior financiada com o dinheiro que deveria ser investido nas cidades.

    Nosso povo devia abrir os olhos e não se deixar enganar por esses políticos que usam as prefeituras como degraus para novos cargos públicos.

    Administrar uma cidade exige muita responsabilidade, muita competência, exige que aquilo que prometeu em épocas de campanha seja cumprido, porém em Cuiabá e Rondonópolis estamos tendo o exemplo de como o povo vota mal. Deixaram se enganar pelo aperto de mão, pelo tapinha nas costas, pelas declarações de paixão a cidade e agora estão percebendo como fizeram mal a sociedade em que vivem.

    É certo que a maioria é que vence, porém infelizmente a maioria em nosso estado carecem de mais informação, mais senso crítico, mais educação, para não se deixar enganar por políticos de fala fácil.

  • VANDINEUZA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    EU VOTEI NO ZÉ DO PÁTIO TODAS AS VEZES QUE ELE FOI CANDIDADATO. ASSIM POSSO ANALIZAR E COMENTAR DE CADEIRA:QUE ÊLE É UM EXELENTE PARLAMENTAR ,NINGUEM PODE NEGAR.MAS EXECUTIVO(PREFEITO)ELE É UMA NEGAÇÃO.QUANTO AO PMDB, TEMOS QUE CONSIDERAR DUAS SITUAÇÕES: EXISTE O PMDB SÉRIO E O PMDB DO BEZERRA.O SILVAL É DO PMDB SÉRIO.

    FINALMENTE PERGUNTO: ZÉ CARLOS DO PÁTEO, MEU ETERNO DEPUTADO, QUAL É O SEU PMDB?????
    PENSE BEM ANTES DE TOMAR SUAS ATITUDES.NÃO DESTRUA O BOM NOME QUE VOCÊ CONSTRUIU AO LONGO DE SUA TRAJETÓRIA PARLAMENTAR.VOCE ESTÁ NUMA SITUAÇÃO DELICADA COMO EXECUTIVO, TODOS NÓS, SEUS ELEITORES, SABEMOS.QUALQUER COISA QUE LHE OCORRER(COMO, POR EXEMPLO, PERDER O MANDATO) RECONSTRUA SUA HISTÓRIA NO NOSSO PMDB. MAS DO LADO BOM.
    BEIJOS.

  • Antonio Souza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Tá certo Zé, é isso mesmo toma lá da cá, Wilson apoiou vc na lunta contra esse povo do Sul,e vice governador so ficou na sombra,porem nao seja como os demais politicos que nao dao valor em quem esteve ao lado nas lutas,deixa ele (silval) com quem esteve nas ultimas eleições....

  • CARLOS GUATÓ | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Enquanto nao se respeitar as diferenças regionais, a politica continuará descambando para o interesse próprio de determinados grupos. Zé do Pátio está correto. O vice-governador desrespeitou uma decisão partidária, inclusive subiu no palanque do adversário. Hoje ele nem deveria cobrar apoio do zé. Ele está colhendo simplismente o que plantou.

  • hermes | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    tem meu apoio e da minha familia,,,,mostre que vc é diferente desses,merdas de politicos que só pensam em beneficio proprio,e quando ganham uma eleiçao,,abandonam as pessoas que mais lhe ajudaram....

  • José da Silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Antes de tudo amizade, na hora que você precisou aonde estava o Silval, bajulando a turma da botina, agora que o seu apoio, e muita cara de pau dessa turma. Wilson esteve ao seu lado na hora que você precisou, Zé apoiando Wilson mostrou que você tem caráter e digno dos amigos. Conte com nosso apoio.

  • Alberto Silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Concordo com o Prefeito Zé do Pátio.
    Como apoiar um político como Silval, se na hora que mais precisou não teve apoio, agora vem com essa de conciliador, saí pra bicho Silval! voce não tem personalidade é um homem do tipo de cima do muro, portanto, plantou, vai colher.
    A sua candidatura, tenha certeza não vai decolar!

  • augusto neto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    amigo ´do pátio´tenho certeza que vc pensa diferente da cúpula do PSDB que é simpatica aos grandes inimigos do dinheiro público como chica nunes , lutero e etc....cuidado amigo ,,,vc tem o futuro como aliado ,,,pense bem

  • paulo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    ESSE CIDADÃO CHAMADO DE ZÉ DO PÁTIO, É UM CARA POBLEMATICO. NÃO É ATOA QUE TOMA GARDENAL

  • sergio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    é isso zé do patio!!
    els te abandonaram pensando q vc naum ia conseguir , agora vem correr atras
    SAI FORA DESSE POVO!!

    E LARGA MÃO DESSE BEZERRA TBEM

    SE NAUM VC VAI AFUNDAR COM ELES

    PARABENS PELA SUA DECISÃO!

Reconhecimento de um governo ruim

pedro taques 400   Pedro Taques (foto) recorreu a uma observação feita pela mãe, professora Eda Taques, de que fora melhor senador do que governador. No horário eleitoral, o candidato ao Senado, agora pelo SD, menciona a frase da mãe para, em seguida, dizer que reconhece que sua atuação em...

Apoiado por deputados bolsonaristas

jose medeiros 400 curtinha   Um dos vice-líderes do Governo Bolsonaro na Câmara, o deputado José Medeiros (foto), do Podemos, vem recebendo apoio na disputa ao Senado de vários parlamentares bolsonaristas. O chamado núcleo duro do presidente no Congresso Nacional está com Medeiros, entre eles os deputados...

Justiça barra ficha suja em Poconé

clovis martins 400   A Justiça Eleitoral barrou em Poconé o ex-prefeito Clovis Damião Martins (foto), considerado ficha suja. Está inelegível por oito anos. Filiado ao PTB, ele foi condenado pelo TCU por irregularidade insanável que configura ato doloso de improbidade administrativa. Enquanto...

3 estão fazendo pesquisa em Cuiabá

Três institutos de pesquisa entraram em campo na capital nesta semana para levantar as intenções de voto para prefeito. São eles: Malujoa Comunicações, que geralmente divulga os resultados no site Olhar Direto; a Voice Pesquisas e Comunicação, do site Midianews; e Real Time Big Data. A Voice poderá tornar públicos os números apurados da pesquisa a partir de segunda (26), enquanto os outros dois estão autorizados...

Marino enaltece Leitão para o Senado

marino franz 400 curtinha   O empresário e ex-prefeito de Lucas do Rio Verde, Marino Franz (foto), anunciou apoio a Nilson Leitão (PSDB) para o Senado. Disse que conhece o candidato tucano de longa data, desde quando este foi prefeito de Sinop e assegura que Leitão é preparado, representa muito bem a região e o...

Magali de fora em General Carneiro

magali vilela 400   A ex-prefeita de General Carneiro, Magali Vilela (foto), que se lançou novamente à disputa ao Executivo, foi barrada pela Justiça. Teve o registro indeferido, já que está inelegível por ter sido condenada à suspensão de seus direitos políticos em...