Últimas

Sexta-Feira, 11 de Dezembro de 2009, 19h:17 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:21

RONDONÓPOLIS

Pátio discursa sob bênçãos de Riva; líderes se distanciam


Prefeito Zé do Pátio (PMDB) fala em festa alusiva aos 56 anos de Rondonópolis, ao lado do vereador Cido Silva e do presidente da Assembleia, deputado José Riva, nesta 5ª à noite, para cerca de 15 mil pessoas
Foto: André Moraes

  É cada vez mais forte o poder de influência do presidente da Assembleia José Riva (PP) sobre o prefeito rondonopolitano Zé do Pátio. De forma estratégica, Riva se transformou em espécie de conselheiro do peemedebista. Ele ocupa espaço, aproveitando-se do distanciamento da administração municipal de lideranças, como dos deputados estaduais Percival Muniz (PPS), Jota Barreto e Sebastião Rezende (ambos do PR) e Gilmar Fabris (DEM), além dos federais Wellington Fagundes (PR) e Carlos Bezerra (PMDB) e do próprio governador Blairo Maggi. Riva indicou afilhados políticos na gestão Pátio. Um deles é  Darci Lovato, ex-vereador por dois mandatos de Juara, onde Riva foi prefeito e começou a se projetar na vida pública. Darci comanda a Coder, companhia vinculada à máquina e responsável pelos serviços de saneamento do município.

   Nos bastidores, Pátio se articula e toma as principais decisões políticas após ouvir o cacique do PP. Constantemente, o deputado visita o ex-parlamentar e agora prefeito do terceiro maior município mato-grossense. Nesta quinta (10), por exemplo, dentro da programação festiva do 56º aniversário de emancipação político-administrativa de Rondonópolis, o presidente da Assembleia e o prefeito subiram juntos no palanque montado no distrito de Vila Operária, berço político de Pátio, que começou sua trajetória como vereador.

   Ambos fizeram discurso e prestigiaram o show da dupla evangélica Daniel e Samuel, promovido pelo vereador Cido Silva, do mesmo PP de Riva. O evento atraiu cerca de 15 mil pessoas. Lá estava Pátio, sob as bênçãos e proteção política de Riva, pré-candidato à reeleição. O prefeito não está nem aí para o fato de Riva ser criticado por responder a processos na Justiça por supostos atos de improbidade. Argumenta que Riva é leal, trabalhador e o ajuda a liberar recursos para Rondonópolis. Pátio prestigiou o seu aliado e vibrou com o "Título de Cidadão Rondonopolitano" concedido ao deputado pelo vereador Cido. Empolgado, Riva, por sua vez, fez agradecimentos e diz acreditar no trabalho de Pátio. "Sempre vou ser parceiro desta cidade”, diz Riva.

Postar um novo comentário

Comentários (23)

  • ZE DO PONTO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A Lingiere se completa;A CALCINHA E O SOUTIEN.

  • JEDAE | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    RIVA TEM MAIS UM PROCESSO NO LOMBO. AGORA O LANCE É FEDERAL. RIVA TEM TODO O PODER JUDICIÁRIO NAS MÃOS. ESSE RAPAZ QUE FOI BALEADO QUANDO TAVA FOMENTANTO AS BOCAS DE FUMO DO AREÃO, NA REPORTAGEM DA GAZETA, A MADRASTA DO MESMO DISSE MOSTROU SUA SALA, MESA E CADEIRA DE TRABALHO. AGORA NESTE NOVO EVENTO DO MESMO, QUNADO CHAMOU UM TRABALHADOR DE MACACO, FOI DITO NA NOVA REPORTAGEM QUE O MESMO É FUNCIONÁRIO DA ASSEMBLÉIA DO MT. SERÁ QUE ELE É ONIPRESENTE? TEM O PODER DIVINO PARA ESTAR EM DOIS LUGARES AO MESMO TEMPO? ACHO QUE POR ISSO, QUE RIVA É O NOSSO ELIOT NESS CABOCLO. É INTOCAVÉL!

  • ROBSON ANTUNES | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    ESTRISTECEU-ME O VETO AO MEU COMENTÁRIO...O QUE DISSE FOI BASEADO EM INFORMAÇÕES DA PRÓPRIA MÍDIA DE MT...DE DOMÍNIO PÚBLICO PORTANTO...É LAMENTÁVEL...É CENSURA!!!!!!!!!!!!!!

  • JEDAE | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O subprocurador-geral da República Francisco Dias Teixeira enviou nesta quinta-feira ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) denúncia por crime de formação de quadrilha, peculato e lavagem de dinheiro contra 12 pessoas acusadas de montar um esquema, em 2001, que desviou R$ 2,9 milhões da Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso (AL/MT).

    O esquema foi denunciado a Procuradoria Geral de República (PGR) agiu de ofício e abriu procedimento para investigar o escândalo financeiro.

    Entre os acusados está o conselheiro do Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso Humberto Melo Bosaipo, que exercia, na época, o cargo de presidente da AL/MT. O subprocurador-geral da República Francisco Dias, autor da denúncia, pede que ele seja afastado do cargo.

    De acordo com o membro do Ministério Público Federal (MPF), Bosaipo e os demais denunciados fraudaram 166 contratos de empréstimo em consignação no Banco ABN – Amro Real S/A.

    Além do conselheiro, foram denunciados José Geraldo Riva, então deputado estadual; Luiz Eugênio de Godoy, então secretário de finanças da AL/MT; Nivaldo de Araújo, responsável pelo Setor de Patrimônio da AL/MT; os servidores da AL/MT Agenor Jácomo Clivate, Guilherme da Costa, Paulo Sérgio da Costa, Juracy Brito e Djan da Luz; o contador José Quirino e o técnico em contabilidade Joel Quirino.

    O subprocurador-geral Francisco Dias denunciou todos pela prática dos crimes de formação quadrilha (artigo 288 do Código Penal, por 166 vezes), peculato (artigo 312 do Código Penal, por 166 vezes) e lavagem de dinheiro (artigo 1º, inciso V, da Lei nº 9.613/98, por 166 vezes).



    RIVA É O CARA, EM TERMOS DE MALANDRAGEM, ATUA EM VÁRIAS FRENTES!

  • JEDAE | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    E AI MESSIAS CABRITO, COMO SEU PAPO COM O JUIZ AI DE PRIMAVERA DO LESTE? É MUITA CARA DE PAU. SEU CHEFE ESTA EM OUTRO RABO DE FOGUETE. AGORA É UMA PARADA FEDERAL. É TUDO MENTIRA, COISA DA OPOSIÇÃO? O AMIGO NÃO É MAIS PRIMÁRIO. SUAS CAPIVARAS NÃO PARAM DE CRESCER. OS DOIS DEVEM SER INSCRITO NO LIVRO DOS RECORDES!

  • CHARLES | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    TA BOM ENTAO , VAMOS LÁ ... PERCIVAL MUNIS , SEBASTIÃO REZENDE , J BARRETO, GILMAR FABRIS ... E WELLINGTON (nao me encoste) são os deputados de ROO ??
    ecaaa !!!

  • waltao | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    esse e riva que sempre esta presente no interior, sou pela lealdade e trabalho e compromisso, estamos com vc em qualquer cargo que candidata, nosso municipalista.

  • benedito kleber dos santos figueiredo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    À epoca, na eleicão de 2008, todos os ditos Caciques Rondonopolitano, deixaram de lado o atuante Prefeito, nenhum deles acreditavam que Ze do Patio chegaria a frente na disputa pelo comando da Prefeitura de Rondonòpolis, eis que ali surgiu alguem que lhe estendeu a mão, que seguidas vezes ao menos ouvia as lamentacões do ex Deputado, dizendo sempre que ninguem de seu Partido le dava as mãos, nada melhor que ser recìproco.
    Companheiro è companheiro ......

    Parabens Prefeito

  • Paulo Roberto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • morador de roo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

Ex-vereador recua para apoiar primo

divino 400 barra do bugres   Ex-vereador, ex-presidente da Câmara e empresário bem sucedido, Chico Guarnieri (PTB) não será candidato a prefeito de Barra do Bugres nas eleições deste ano. Guarnieri, que disputou a prefeitura em 2016, até ensaiou, mas recuou ao ver que o primo, pedetista Doutor Divino...

3 ex-prefeitos viram cabos eleitorais

percival muniz 400 curtinha   Dois candidatos de oposição em Rondonópolis têm ex-prefeitos como principais cabos eleitorais. O empresário Luiz Fernando, o Luizão (Republicanos), conta com apoio de Adilton Sachetti, que já comandou o município e perdeu na tentativa de reeleição, e...

3 candidatos competitivos em Sinop

roberto dorner 400   Apesar da "inflação" de candidatos a prefeito de Sinop, com cinco no páreo, a disputa tende a se acirrar mesmo entre o empresário Roberto Dorner (foto), do Republicanos e apoiado pela prefeita Rosana Martinelli (PL), o ex-prefeito e deputado Juarez Costa, que atraiu 10 partidos para o palanque, e o...

Ex-prefeito no páreo em Alta Floresta

robson silva 400 curtinha   Alta Floresta, uma das cidades pólos do Nortão, tem sete candidatos a prefeito. Um deles é Robson Silva (foto), empresário, ex-prefeito entre 93 e 96 e que concorre pelo MDB, mesmo partido do prefeito Asiel Bezerra, que está encerrando o segundo mandato e se tornou um dos principais...

Vice sinopense quer retornar à Câmara

gilson de oliveira 400 curtinha   O vice-prefeito de Sinop e apresentador de TV, Gilson de Oliveira (foto), resolveu concorrer a vereador, cadeira já ocupada por ele por dois mandatos, o primeiro pelo PSDB, entre 2005 e 2008, e, depois, pelo PSD (2009/2012). Foi candidato a deputado estadual duas vezes (2006 e 2010) e, como suplente da...

Vice que morreu na praia em Tangará

renato gouveia 400 curtinha   Assim que percebeu que não seria escolhido pelo prefeito Fabio Junqueira (MDB) como o candidato governista na briga pela Prefeitura de Tangará da Serra, ainda em junho, o vice-prefeito Renato Gouveia (foto), do PV, correu para os braços do tucano Vander Masson. Levou com ele uma chapa de 21...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.