Últimas

Sábado, 17 de Outubro de 2009, 17h:10 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:24

RUMO A 2010

Pátio diz apoiar Santos nem que tenha de deixar a política



Os prefeitos Zé do Pátio e Wilson Santos, de Rondonópolis e Cuiabá, respectivamente, unificam discurso; declarações do peemedebista deixam cúpula do partido em saia-justa, já que tem Silval como pré-candidato 

  O prefeito de Rondonópolis, terceiro maior colégio eleitoral do Estado, Zé do Pátio, abriu neste sábado a primeira crise no PMDB, ao comparecer no encontro regional do PSDB e, em discurso, anunciar que fará campanha pela candidatura do tucano Wilson Santos ao Palácio Paiaguás, contrariando o seu partido, que tem como concorrente o vice-governador Silval Barbosa. Empolgado, Pátio declarou que, se preciso, deixa a vida pública mas não abre mão de estar no palanque de Santos. Nesse momento, ele se emocionou e chorou.

   Nos bastidores, o prefeito destacou que foi pressionado para não comparecer ao ato do PSDB. Alguns prefeitos que se mostram simpáticos à candidatura Santos foram à sede da Uramb, onde foi realizado o encontro, mas não entraram. Eles conversaram, em particular, com Santos após o evento. Alegaram que se participassem do ato poderia sofrer represálias do Palácio Paiaguás, que começou a jogar pesado pela candidatura de Silval.

---------------------------------------
Pátio ignora Silval, pré-candidato
do seu partido, e fecha apoio ao
tucano Santos rumo ao Paiaguás
---------------------------------------

   Zé do Pátio argumenta que o prefeito cuiabano foi seu aliado de primeira hora nas eleições de 2008, quando enfrentou o então prefeito Adilton Sachetti e o poderio das máquinas municipal, estadual e federal. Silval, mesmo sendo do seu PMDB, não o apoiou. Se juntou a Sachetti, com argumento de que não poderia se indispor com o governador Blairo Maggi (PR). O posicionamento contundente de Pátio é um sinal claro que não só ele, mas seus secretários e seguidores já estão fazendo pré-campanha para Santos. Diante disso, a direção estadual do PMDB, sob o cacique Carlos Bezerra, se vê numa saia-justa. Justamente no município onde Bezerra foi prefeito por três mandatos não consegue convencer o ex-afilhado político a apoiar candidatura a governador lançada pelo próprio partido.

   O encontro do tucanato reuniu o pré-candidato Santos, a deputada federal Thelma de Oliveira, o estadual Guilherme Maluf e outras forças políticas locais, como o ex-governador Rogério Salles, a sua esposa e vice-prefeita Marília Salles, o ex-senador Antero de Barros e o prefeito de Itiquira Ernani Sander. Se juntaram aos tucanos alguns peemedebistas, como Pátio, que sentou-se ao lado de Santos, os vereadores rondonopolitanos Adonias Fernandes e Mariúva Valentim, a presidente do diretório municipal do PMDB, Terezinha da Silva, que comanda o Sanear, autarquia vinculada à prefeitura, e representantes do PC do B, PTB e PV. São partidos que compõem a base do prefeito Pátio e que já sinalizam, ao menos em Rondonópolis, para composição com o tucanato.

   Wilson Santos afirmou que fez acordo com o PMDB e que se sentiu traído na sua campanha vitoriosa à reeleição em 2008. Lembrou que em Rondonópolis, o PSDB fechou composição com a legenda peemedebista, indicando Marília de vice. Já na Capital, o prefeito lembrou que abriu três secretarias para o PMDB comandado por Bezerra e, de última hora, a legenda se juntou ao adversário Mauro Mendes (PR), sob as ordens do Paiaguás. Santos disputou e ganhou de Mendes no segundo turno.

   Numa referência à turma da botina, grupo ligado ao governador Maggi, Santos afirmou, em discurso, que tentaram dificultar o projeto de eventual candidatura a governador. "Os poderosos já tentaram me cooptar, oferecendo até a presidência da Agecopa, convênios, obras para eu ficar quieto, mas onde eu passo continuam me lançando como candidato. Agora, se eu for mesmo, vai ser pra ganhar". O encontro regional na sede da União Rondonopolitana de Associação de Moradores de Bairros (Uramb), no Jardim Guanabara, reuniu cerca de 500 pessoas de 14 municípios da região Sul. Terminou por volta de 14 horas.

   Denúncia

   Ao avistar sentado no dispositivo de autoridades o médico e ex-prefeito Alberto de Carvalho (ex-PMDB e hoje no PTB) e que renunciou ao mandato em 98 em meio a uma série de denúncias de irregularidades, Wilson Santos fez uma revelação, com teor de denúncia, que surpreendeu a todos. Declarou que havia na época pressão para Alberto renunciar ao mandato de prefeito e, se este resistisse, o Plano B seria eliminá-lo fisicamente. O prefeito cuiabano e pré-candidato a governador não declinou nome de quem supostamente estaria orquestrando a ação criminosa. Alberto, por sua vez, balançou a cabeça em concordância com a fala de Santos.

--------------------------------------
Santos disse que se o ex-prefeito Alberto
não tivesse renunciado ao mandato em
98 o Plano B seria eliminá-lo fisicamente
--------------------------------------

   A plateia se manteve em silêncio por alguns segundos e, depois, em coro, aplaudiou as declarações do prefeito cuiabano. Com a renúncia de Alberto o seu então vice Percival Muniz assumiu a prefeitura. Em 2000 Muniz disputou e ganhou a reeleição e hoje ocupa cadeira de deputado estadual e comanda o PPS em Mato Grosso. (Romilson Dourado)


Efraim Alves, presidente do PSDB, discursa, tendo à sua direita Terezinha Alves, dirigente do PMDB, Antero e o vice-prefeito de Jaciara Leopoldo e, à esquerda, Santos, Pátio, Thelma, Marília, Salles e Maluf

Público acompanha discursos de tucanos e peemedebistas e, logo atrás, faixas com nomes de Salles e Santos

Postar um novo comentário

Comentários (40)

  • Paim Toledo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • jao | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Sai fora Turma dos pinoquios

  • Marcos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0


    45, 45, 45, 45, 45, 45................

    E outro lado éééééé........sósósóoooo.........
    DESESPEROOOOOO.....................................

    Dá-lhe WILSON E ZÉ DO PÁTIO.

    Até a VITÓRIAAAA..............

  • luis alberto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    é silval, tá na hora de tirar o time de campo, senão vai perder feio. vamos fazer as contas eleitorais nas maiores cidades do estado: a grande maioria do eleitorado de cuiabá, várzea grande, rondonópolis, cáceres, sorriso e parte significativa de sinop (50%) e barra do garças já estão com wilson santos/jaime campos e que a cada semana avançam em mais cidades, e inclusive cooptando até membros e prefeitos do próprio pmdb e até do pr, que não declararam publicamente nada ainda por medo de represália.

  • Carlos Augusto Maia | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0


    É, quem critica a administraçao Zé do Pátio, deveria primeiramente criticar os representantes Estadual e Federal com base em Rondon porque aqui em Rondon a de ver que o Prefeito esta sozinho, sem ajuda de ninguem e ao contrario esta sofrendo represalias e ainda ganhando apoio de certos politicos para criticar e fazer manifestaçoes de promessas de campanha. Ao meu ver esta administraçao so nao esta melhor pq o Zé faz tudo sozinho e agora é a hora do PSBD dar apio ao Zé aos projetos do municipio.

    Parabéns Zé do Povo.

  • jose | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    as pessoas se juntam pelo cheiro!


  • DALMO MOREIRA SILVA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    SÓ PODERIA ESPERAR ESTA ATITUDE DO PREFEITO PÁTIO...HOMEM HONRADO E DIGNO...COMPARÁVEL DENTRO DO PMDB ÀS FIGURAS IMPOLUTAS DE JARBAS VASCONCELOS(PMDB-PE) E DE UM PEDRO SIMOM (PMDB-RS). ESTÁ CERTO ZÉ DO PÁTIO, ZÉ DO POVO...O SR E O PREFEITO WILSON É O QUE HÁ DE MELHOR NA POLÍTICA DE MT. JÁ NÃO EXISTE MAIS AS QUESTÕES IDEOLÓGICAS QUE TANTO MARCOU O SÉC XX E MESMO QUE AINDA EXISTISSEM ZÉ DO PÁTIO E WILSON ESTÁ SENTADO DO MESMO LADO DA MESA, ISTO É, NO CENTRO ESQERDA OU A CHAMADA TERCEIRA VIA...DEVEMOS JULGAR O HOMEM PÚBLICO PELA SUA HISTÓRIA E SUA ESTATURA MORAL...E NESTE ASPÉCTO OS DOIS SE EQUIVALEM...PARABÉNS PREFEITO ZÉ DO PÁTIO!!!!

  • pedro paulo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    melhor inicio de gestão de Roo! isso é que o Zé Carlos do Pátio está fazendo aqui. portanto
    com essa dupla ( W. Santos e ZÉ do Pátio) os
    adiversários não terão chance, o Wilso Santos pode se considerar eleito.

  • Eduardo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    BRAVO, BRAVO, BRAVO, BRAVO, BRAVO, BRAVO, BRAVO, BRAVO, BRAVO, BRAVO, BRAVO,BRAVO, BRAVO, BRAVO, BRAVO, UMA MILHÃO DE BRAVOS PARA JOSÉ CARLOS DO PÁTIO, DIGNO, ÉTICO, DECENTE, NÃO SE VENDE NEM POR UM MILHÃO DE SACOS DE SOJA. SÃO PESSOAS ASSIM, DETERMINADAS POR MUDANÇA DE RUMO NA POLITICA MATOGROSSENSE É QUE ESTÃO QUERENDO WILSON SANTOS GOVERNADOR, CHEGA DE GOVERNO DE ARAQUE, PARA APENAS UM SEGMENTO ECONÔMICO, CHEGA DE GOVERNO SEM POLITICA SOCIAL (CASAMENTO COMUNITÁRIO NÃO PODE SER CONSIDERADO FAZER POLITICA SOCIAL), UM GOVERNO DE DESMANDOS ADMINISTRATIVOS, COM ACUSAÇÕES DE LICITAÇÕES FRAUDULENTAS E E ISENÇÃO DE LICITAÇÃO EM OBRAS DE MILHÕES DE REAIS, UM GOVERNO DE ESCANDALOS VERGONHOSOS NA ÁREA AMBIENTAL, TOTALMENTE SUBSIRVIENTE A POLITICA AGRÍCOLA, UM GOVERNO DE SECRETÁRIO DENUNCIADO NA JUSTIÇA POR AMEAÇAR AGREDIR EMPREGADA DOMÉSTICA, UM GOVERNO QUE SUCATEOU A EMPAER, POUCO SE IMPORTANDO COM OS PEQUENOS PRODUTORES RURAIS, UM GOVERNO QUE SÓ PAVIMENTA RODOVIAS ONDE ESTÃO INSTALADAS EMPRESAS DE GRUPOS EMPRESARIAIS DELE PRÓPRIO, UM GOVERNO QUE ESTIMULA O AVANÇO DA FRONTEIRA AGRICOLA SOBRE A FLORESTA E QUE DETONOU O PROGRAMA BIDPANTANAL PORQUE NÃO SE PREOCUPA COM O PANTANAL, ENFIM, O POVO NÃO AGUENTA TANTOS DESMANDOS NUM GOVERNO SÓ DESTA TURMA DA BOTINA, UM GOVERNO DA INCOMPETENCIA NA GESTÃO PÚBLICA. PARABÉNS ZÉ DO PÁTIO PELA CORAGEM E ÉTICA POLÍTICA, E MUITOS PREFEITOS JÃ ESTÃO ADERINDO AO WILSON PORQUE A SOCIEDADE LOCAL ESTÁ PRESSIONANDO POR MUDANÇAS, POR UM GOVERNO SENSIVEL A QUESTÃO SOCIAL, QUE DISTRIBUA RENDA E QUE RESPEITE O MEIO AMBIENTE.

  • Dicão | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Ai tem discurso. Juntos os dois falam, falam, falam, prometem, prometem, prometem, e nunca cumprem. Infelizmente os Rondonopolitados foram enganados pelos discursos preparados por marqueteiros profissionais e agora vivem o que já viviamos em Cuiabá: uma das piores administrações que a cidade pode ter. Também pudera um incapaz jamais conseguirá compor uma equipe capaz daí tem que se alimentar de mentiras, enganações, propagandas mentirosas na televisão.

    Mato Grosso merece coisa melhor. Nós cuiabanos conscientes não queremos que essa gestão pífia do Wilson Santos e sua turma tomem conta do estado. Isso seria um regresso imperdoável.

3 ex-prefeitos viram cabos eleitorais

percival muniz 400 curtinha   Dois candidatos de oposição em Rondonópolis têm ex-prefeitos como principais cabos eleitorais. O empresário Luiz Fernando, o Luizão (Republicanos), conta com apoio de Adilton Sachetti, que já comandou o município e perdeu na tentativa de reeleição, e...

3 candidatos competitivos em Sinop

roberto dorner 400   Apesar da "inflação" de candidatos a prefeito de Sinop, com cinco no páreo, a disputa tende a se acirrar mesmo entre o empresário Roberto Dorner (foto), do Republicanos e apoiado pela prefeita Rosana Martinelli (PL), o ex-prefeito e deputado Juarez Costa, que atraiu 10 partidos para o palanque, e o...

Ex-prefeito no páreo em Alta Floresta

robson silva 400 curtinha   Alta Floresta, uma das cidades pólos do Nortão, tem sete candidatos a prefeito. Um deles é Robson Silva (foto), empresário, ex-prefeito entre 93 e 96 e que concorre pelo MDB, mesmo partido do prefeito Asiel Bezerra, que está encerrando o segundo mandato e se tornou um dos principais...

Vice sinopense quer retornar à Câmara

gilson de oliveira 400 curtinha   O vice-prefeito de Sinop e apresentador de TV, Gilson de Oliveira (foto), resolveu concorrer a vereador, cadeira já ocupada por ele por dois mandatos, o primeiro pelo PSDB, entre 2005 e 2008, e, depois, pelo PSD (2009/2012). Foi candidato a deputado estadual duas vezes (2006 e 2010) e, como suplente da...

Vice que morreu na praia em Tangará

renato gouveia 400 curtinha   Assim que percebeu que não seria escolhido pelo prefeito Fabio Junqueira (MDB) como o candidato governista na briga pela Prefeitura de Tangará da Serra, ainda em junho, o vice-prefeito Renato Gouveia (foto), do PV, correu para os braços do tucano Vander Masson. Levou com ele uma chapa de 21...

Câmara chama secretária para vaga

chico 2000 curtinha   Após a destituição de Ralf Leite (MDB) da vaga de Chico 2000 (foto), licenciado, por força de decisão judicial, a Câmara de Cuiabá convocou a primeira suplente Luciana Zamproni (MDB) para assumir mandato temporário no Legislativo, menos de 30 dias. Ela atua como...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.