Últimas

Segunda-Feira, 02 de Março de 2009, 10h:33 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:22

RUMO A 2010

Pátio também ignora Silval para governador

    A exemplo do que ocorre em âmbito nacional, o PMDB em Mato Grosso caminha para uma divisão interna. Tanto o principal cacique da sigla no Estado, deputado federal Carlos Bezerra, como o líder emergente Zé Carlos do Pátio, que assumiu a Prefeitura de Rondonópolis em janeiro deste ano, evitam citar o nome do vice-governador peemedebista Silval Barbosa para a disputa ao Palácio Paiaguás.

    Único candidato declarado do PMDB ao governo, Silval tem dificuldade em "aparar as arestas" na relação conturbada entre o governador Blairo Maggi (PR) e Carlos Bezerra, que desde 2007 tece críticas ao republicano por avaliar que o PMDB tem pouca participação no governo. A intransigência de Bezerra com lideranças internas que desejam lançar candidatura própria é antiga. Contudo, o que chama atenção é a resistência de lideres "emergentes", sobretudo o prefeito de Rondonópolis, em citar o nome de Silval na corrida pelo Palácio Paiaguás. No fundo, trata-se de uma birra com Maggi, a quem Silval é fiel.

    Presente à posse do desembargador Mariano Travassos à frente do Tribunal de Justiça de Mato Grosso, no sábado (28), no Hotel Fazenda Mato Grosso, Zé do Pátio evitou, por quase meia-hora, as insistentes perguntas dos jornalistas sobre uma possível candidatura de Silval. "Não podemos negar que há lideranças emergentes dentro do PMDB, mas respeitamos todos os nomes. O partido precisa se posicionar e apontar qual é o caminho para, somente então, cogitar uma candidatura própria", desconversou o prefeito, sem esclarecer quais seriam as lideranças emergentes aptas à disputa ao governo e o motivo do descontentamento com Silval.

    Questionado pelo RDNews se há esforço do vice-governador em destinar recursos para Rondonópolis, principal cidade mato-grossense gerida pelo PMDB, Pátio desconversou novamente limitando-se a dizer que "o partido tem uma postura independente", numa clara demostração de descontentamento com Silval. O vice-governador não apoiou Pátio em Rondonópolis. Para não desagradar o governador Maggi, Silval defendeu a reeleição do então prefeito Adilton Sachetti (PR). Ao ser indagado sobre a possibilidade de encabeçar a chapa majoritária do partido, Pátio foi taxativo: "tenho compromisso com Rondonópolis". (Andréa Haddad)

Postar um novo comentário

Comentários (18)

  • Zeca da Colina | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0



    -Tadinho do Luizinho,perdeu aquela boquinha,não é mesmo safadinho?

  • Berinho Donato | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Pessoas sérias, de algum prestígio, a exemplo de Pátio, situam-se numa saia-justa quando o assunto é PMDB.
    Depois do desabafo público de Jarbas Vasconcellos, o que se vai falar do partido diante das trapalhadas de nomes como Carlos Bezerra, Silval Barbosa...?
    Provavelmente, a vontade é de confirmar tudo aquilo que disse o senador Jarbas.

  • Ronan Jackson Costa | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Mais uma vez o PMDB de MT abdica de uma candidatura própria viavel (a do vice-governador Silval Barbosa) ao Governo do Estado para transformar o partido em uma legenda de aluguel com um único objetivo:atender os interesses próprios de uma minoria que comanda o partido.
    É chegada a hora da militancia realmente comprometida com os verdadeiros ideais do partido dar uma basta nessa situação.Chega de oportunismo!! Candidatura própria já!!

    Ronan Jackson Costa
    Militante filiado ao MDB/PMDB desde 1974.

  • Denilson | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O Silval deveria se filiar logo ao PR. Não dá apoio nenhum ao PMDB mesmo.

  • Angelo de Sá Salgado | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • Mitico de Souza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Acho mesmo mo que o colega Luizinho disse antes que o Zé é doido a mesa anda cheia de documentos e grita com todo mundo sem ter um pingo de educação,isso é o espelho de quem quis um governo desse modo,loco igualzinho a Bezerra viciados em poder,o Jarbas esta repleto de razão,besta é quem não encherga,agora falo uma coisa mto certa se eu fosse o vice gov Silval saia fora desse povo o mais ra´pido possivel.

  • Luizinho | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Este pátio é um prefeito incompetente na sua mesa está uma pilha de documentos, e ele doido andando para cima e para baixo, gritanto, chamando atenção com aquela educação que ele tem.
    A cidade está parada, ninguém vê nada de novo na cidade, só obra do Adilton, a cidade está suja, a fábrica de remédios está parada.
    SISPMUR- após a reunião com o Rubens de Oliveira, o zé falou que o sindicato está perdendo tempo, pois não vai ter aumento nenhum. Sendo assim, vamos preparar para a greve. O zé tem duas casas para esconder das pessoas, uma é aquele que conhecemos, a outra é próximo ao Mariela.

  • Amador Perez | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    NORMAL,ELE FAZ BEM,AFINAL O SILVAL NAO FOI LÁ APOIA-LO,NAO É JUSTO Q VENHAM COBRAR POSTURA QUE ELES NAO TIVERAM,COMPANHEIRISMO,ELE DEVE SIM LEVAR A BANDEIRA DE QUEM FOI LEAL Á ELE ---------- RIVA GOVERNADOR

  • oscar meirelles | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O zé precisa vim em cuiaba pagar suas contas,tem gente que ja esta perdendo a paciencia...

  • Cristiano Lourenço | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Pelo amor de DEus Bezerra pare de reinar na politica já é hora de vc cuidar das sua fazenda e aposentadoria ou então ir pro INSS,ver os cp que vc comprou por ou ver a questão do Bemat enfin são mtas coisas que vc fatiou e levou sua poupuda porcentagens.

Niuan de fora da suplência ao Senado

niuan ribeiro 400 curtinha   O deputado federal José Medeiros não conseguiu segurar o vice-prefeito de Cuiabá, Niuan Ribeiro (foto), como primeiro-suplente de sua chapa ao Senado. Há alguns dias, o filho do ex-vice-governador e ex-deputado Osvaldo Sobrinho vinha demonstrando desejo de pular fora, em meio a...

Jayme incomodado com Flávio em VG

jayme campos 400 curtinha   A candidatura a prefeito de Várzea Grande do empresário Flávio Frical (PSB), principal aposta da oposição, passou a incomodar a família Campos, que apoia o ex-vereador Kalil Baracat, concorrente ao Executivo pelo MDB. Em uma noite que seria de festa, em comemoração...

Acordo com Euclides partiu de Allan

allan kardec 400   Otaviano Pivetta, vice-governador licenciado por 30 dias para cuidar de problemas de saúde, disse que nada tem a ver com o tal acordo "costurado" pelo presidente regional do PDT, deputado Allan Kardec (foto), com Euclides Ribeiro, candidato a senador pelo Avante. Explica que só apresentou Euclides para Allan e...

Família Maia tenta retomar o poder

martha maia 400   O ex-prefeito de Alto Araguaia por quatro vezes, Maia Neto, não entrou na disputa de novo ao Executivo, mas lançou a irmã Martha Maia (foto), cuja filha Sylvia Maia é vereadora. Filiada ao PP, Martha entra como principal candidata da oposição ao prefeito Gustavo Melo, que vai à...

Welinton fará grande ato em Barra

welinton marcos 400 curtinha   Welinton Marcos (foto) lança sua candidatura a prefeito de Barra do Garças, na segunda (28), em um grande ato. Mesmo pelo sistema drive-in, devido à necessidade de adotar medidas sanitárias contra a Covid-19, são esperadas na solenidade cerca de mil pessoas, num espaço amplo,...

Irmão de Riva está na disputa em Juara

priminho riva 400 curtinha   O irmão do ex-deputado José Riva, Priminho Riva (foto), filiado ao PL, será mesmo candidato a prefeito em Juara, posto já ocupado por ele por duas vezes (1997/2004). Priminho pertence a uma famíliade políticos. Além de Riva, que foi prefeito e deputado, é...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.