Últimas

Quarta-Feira, 23 de Maio de 2007, 11h:05 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

RONDONÓPOLIS

Pátio terá Carla de vice; Muniz sai a governador

   O deputado Zé Carlos do Pátio será candidato a prefeito de Rondonópolis, com a ex-secretária de Estado de Educação, Ana Carla Muniz, de vice da chapa. Esse entendimento já está amarrado, selando aliança PMDB-PPS. Em moeda de troca, o PMDB assumiu compromisso de apoiar a pré-candidatura a governador, em 2010, do deputado Percival Muniz, presidente regional da legenda socialista.

    O acordão entre os grupos de Muniz e do cacique peemedebista Carlos Bezerra, padrinho político de Pátio, busca derrotar o projeto à reeleição do prefeito Adilton Sachetti (PR), candidato do governador Blairo Maggi. O resultado dessas articulações já reflete na mudança de posicionamento de Pátio na Assembléia.  Legislativa. Antes, fazia críticas a Muniz. Agora, passou a elogiá-lo.

  Na sessão vespertina deste terça (22), por exemplo, o peemedebista subiu a tribuna para destacar o encontro do PPS em Rondonópolis, organizado pelo colega deputado. O ato marcou a filiação de 684 pessoas no PPS e teve a presença do presidente nacional, ex-senador Roberto Freire (PE). Já em pré-campanha à sucessão municipal, Pátio disse que Muniz estava de parabéns por reorganizar o PPS, após a debandada geral com a desfiliação do grupo de Maggi, e que "é assim que se constrói grupo político".

   O deputado afirmou que Muniz conseguiu unir vários partidos e lideranças e dessa discussão pode sair "um grande projeto" para as eleições de 2010, uma demonstração de que a refrega política contra o socialista já é coisa do passado. Muniz, por sua vez, admite a pretensão de concorrer ao Palácio Paiaguás, principalmente após receber apoio de Roberto Freire. "Estou pronto para contribuir. O Freire endossou o nosso trabalho", destaca Muniz. 

   Outro grupo

   Enquanto os deputados Pátio e Muniz se unem, o Sachetti recebe adesão do grupo do deputado federal Wellington Fagundes, que virou aliado, após duas derrotas para prefeito de Rondonópolis. Já está em discussão nos bastidores a idéia do prefeito tentar a reeleição, tendo como vice a empresária Mariene Fagundes, esposa de Wellington, com as bênçãos do governador.

    Pátio e Muniz já estão com discurso pronto. Afirmam que PMDB e PPS representam as camadas mais populares, enquanto a chapa Sachetti/Mariene seria identificada com das elites. A briga promete.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Carmem Soares | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Como pode só na politica mesmo uma mulher tão incompetente,como foi quando Secretária de Educação do estado alçando vôos maiores, além de tudo fez da maquina publica trampolim para desviar dineiro para suas empresas.
    é por isso que MT TA SEMPRE EM NOTICIÁRIO NACIONAL COMO LÍDER EM CORRUPÇÃO..................

  • João Abilio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Ficarei decepcionado se está união se concretizar, tinha o Dep. Ze C. do Pátio como uma pessoa de postura íntegra e independente, dos parlamentares o único a ser questionador e combativo. Agora Ana Muniz não preciso nem comentar é só olha as licitações feitas enquanto Secretaria de Educação, e também em eleição ela não aguentará um mes de invetigações.

  • marco polo pinheiro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O Deputado Pátio e o Deputado Percival estão no caminho certo para enfrentar as eleições ano que vem em Rondonópolis. O que estará em jogo será o Estilo e não a quantidade de obras inauguradas.

Apostas do PTB para vereador em VG

silvio fidelis 400 curtinha   Detentor da segunda maior bancada na Câmara de Várzea Grande, com cinco assentos, atrás somente do DEM da prefeita Lucimar, que conta com sete vereadores, o PTB aposta na hipótese de ao menos manter as cinco vagas. E todos os seus vereadores vão à reeleição, sendo...

Despesas e o uso eleitoreiro de CPI

marcelo bussiki 400 curtinha   Buscando visibilidade pela reeleição em ano eleitoral, alguns vereadores da Capital, vergonhosamente, usaram e abusaram de dinheiro público para promoção pessoal na esteira da CPI do Paletó. A tendência é do relatório paralelo que pede afastamento do...

Sorriso incentiva 40 projetos culturais

ari lafin 400 curtinha   A seis meses de concluir o mandato, o prefeito de Sorriso, Ari Lafin (foto), estabeleceu, dentro do Plano Municipal de Cultura, o "PROMIC - Festival da Cultura 2020" para contemplar 40 projetos cujos valores somam R$ 340 mil, envolvendo artes visuais, artes cênicas, cultura popular, música, audiovisual,...

Quase R$ 2 mi para o Lucas Protegida

binotti 400 curtinha   A Prefeitura de Lucas do Rio Verde, sob Luiz Binotti (foto), contratou, por R$ 1,9 milhão, um consórcio formado pela Rocha Comércio de Equipamentos, que ficará com a maior "fatia" de R$ 1,4 milhão, e a Airplates Tecnologia da Comunicação, com R$ 521,7 mil, para desevolver o...

Silêncio sobre operação e elo com MBL

ulysses moraes 400 curtinha   O deputado de primeiro mandato Ulysses Moraes (foto), que deixou o DC e se filiou ao PSL, coordenador em Mato Grosso do Movimento Brasil Livre (MBL) e chamado por muitos de paladino da moralidade, mesmo sendo bastante ativo nas redes sociais, não usou a internet para comentar a operação da...

Nomes do DEM para vereador de VG

pablo 400 curtinha   O DEM do casal Jayme-Lucimar, senador e prefeita, respectivamente, é dono da maior bancada na Câmara de Várzea Grande, com sete dos 21 vereadores. Destes, cinco já estão trabalhando projeto de reeleição, sendo eles Gisa Barros, que era do PSB; Valdemir Bernadino, o Nana; Pedro...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Em Cuiabá, o prefeito suspendeu a decisão de implantar rodízio de veículos entre placas pares e ímpares devido à Covid-19. Mas quer debater a ideia. Você concorda com rodízio?

concordo

discordo

tanto faz

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.