Últimas

Terça-Feira, 20 de Maio de 2008, 11h:30 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:20

LEGISLATIVO

PCCS domina discussão na sessão desta terça

  O senador Gilberto Goëllner visita a Câmara Municipal de Cuiabá nesta terça. A sessão que foi suspensa por cinco minutos pelo presidente, vereador Lutero Ponce, retornou há pouco.

  Antes da interrupção, a discussão estava em torno do Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS) aprovado pelos próprios vereadores, mas que não agradou a categoria, que se sente prejudicada em função do tempo de serviço. Quem já tinha mais de 20 anos de carreira, agora voltou ao nível I, perdendo todo o período trabalhado.

  A presidente da Associação dos Servidores de Nível Superior da Prefeitura Municipal de Cuiabá (Ansef), Cácila Pires Narssaden, se faz presente à sessão. Servidora de carreira há 27 anos, era sub-prefeita  da regional Oeste, mas pediu demissão por não aceitar as condições impostas pelo PCCS.

  O vereador Edivá Alves (PSDB), líder do governo na Câmara, defendeu o prefeito e disparou várias críticas ao colega Francisco Vuolo (PR), que vê menosprezo de Wilson Santos (PSDB) em relação aos servidores. “Eu só não acho que o vereador possa vir aqui e dizer que respeita os servidores. Eu fiz parte do governo Roberto França e fui único secretário que deu reajuste para os servidores em 99, ai sim, posso dizer que respeito servidores". Em seguida o parlamentar tucano completa: "quando vem aqui perguntar onde foi o dinheiro pago a empresa responsável por fazer o plano, que tinha erros e eu mesmo critiquei. Acho que prejuízos maiores que esses foram dados ao povo e aos servidores na gestão anterior". Edivá aproveita para culpar Vuolo por pertencer a gestão anterior que deixou salários atrasados e não implantou o PCCS.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • PAULO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    No meu entender, tanto o Poder Executivo quanto o Legislativo erraram na aprovação do PCCS. O Executivo por enviar um plano com falhas, e o Legislativo por não conseguir identificá-las e corrigi-las. Espero que agora não seje necessário entrar judicialmente para que a Prefeitura e Câmara corrijam as falhas encontradas; até porque o Executivo tem o dever de rever seus Atos que atentem contra a Legalidade. Desta forma, o mais sábio é que, quem cometeu o erro o corrija e não espere o Judiciário determinar as correções.

  • Jackson | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Que bom assim não vou ver nem ouvir bobagem.

  • adildo jacinto de oliveira filho | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É lamentável a conivência do Legislativo em relação ao Executivo. O PCCS do Município contém tantas irregularidades e maldades para com o servidor que se mantido como está, mesmo que a economia do país mude, os servidores de Cuiabá não terão poder aquisitivo nenhum.
    Não devemos esquecer que, no Município, o poder Legislativo é dotado de condições de impor ao executivo a vontade do povo a qual representa. Se A PROPOSTA DO eXECUTIVO FOSSE ALTERADA e o prefeito tivesse vetado a melhor legislação para os funcionários,esses legisladores poderiam derrubar o veto, porém nada disso aconteceu e o prejuízo ficou com os trabalhadores Quem são os culpados?

Jayme incomodado com Flávio em VG

jayme campos 400 curtinha   A candidatura a prefeito de Várzea Grande do empresário Flávio Frical (PSB), principal aposta da oposição, passou a incomodar a família Campos, que apoia o ex-vereador Kalil Baracat, concorrente ao Executivo pelo MDB. Em uma noite que seria de festa, em comemoração...

Acordo com Euclides partiu de Allan

allan kardec 400   Otaviano Pivetta, vice-governador licenciado por 30 dias para cuidar de problemas de saúde, disse que nada tem a ver com o tal acordo "costurado" pelo presidente regional do PDT, deputado Allan Kardec (foto), com Euclides Ribeiro, candidato a senador pelo Avante. Explica que só apresentou Euclides para Allan e...

Família Maia tenta retomar o poder

martha maia 400   O ex-prefeito de Alto Araguaia por quatro vezes, Maia Neto, não entrou na disputa de novo ao Executivo, mas lançou a irmã Martha Maia (foto), cuja filha Sylvia Maia é vereadora. Filiada ao PP, Martha entra como principal candidata da oposição ao prefeito Gustavo Melo, que vai à...

Welinton fará grande ato em Barra

welinton marcos 400 curtinha   Welinton Marcos (foto) lança sua candidatura a prefeito de Barra do Garças, na segunda (28), em um grande ato. Mesmo pelo sistema drive-in, devido à necessidade de adotar medidas sanitárias contra a Covid-19, são esperadas na solenidade cerca de mil pessoas, num espaço amplo,...

Irmão de Riva está na disputa em Juara

priminho riva 400 curtinha   O irmão do ex-deputado José Riva, Priminho Riva (foto), filiado ao PL, será mesmo candidato a prefeito em Juara, posto já ocupado por ele por duas vezes (1997/2004). Priminho pertence a uma famíliade políticos. Além de Riva, que foi prefeito e deputado, é...

PSB deve ficar fora da aliança de EP

max russi curtinha 400   O PSB, presidido pelo deputado Max Russi (foto), pulou mesmo do barco de Emanuel Pinheiro. Deve formalizar apoio à candidatura de Roberto França ao Alencastro. O PSB não consta na lista oficial de siglas que estão com o prefeito, que busca à reeleição. Os 11 que estão...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.