Últimas

Quinta-Feira, 10 de Maio de 2007, 18h:25 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

ARTICULAÇÃO

Pela 1ª vez, 3 senadores se unem por projeto

Serys, Jonas e Jaime querem inclusão do Projeto Brasil Central no PAC para atender ramais da ferrovia

Numa ação conjunta, os três senadores mato-grossenses Serys Marly (PT), Jaime Campos e Jonas Pinheiro (ambos DEM) ignoraram as diferenças políticas e defenderam nesta quinta (10) a inclusão do Projeto Brasil Central no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). O projeto prevê a construção de três ramais da Ferrovia Norte-Sul na Região Centro-Oeste (Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Rondônia, Goiás e Tocantins) e em áreas próximas à região em Minas Gerais, Bahia, Pará, Piauí, Maranhão e Paraná.

    O Brasil Central foi discutido em audiência pública na Comissão de Serviços de Infra-estrutura do Senado, com o diretor-geral da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), José Alexandre Nogueira Rezende; e do autor do projeto e diretor da ANTT, Gregório Rabelo; além de consultores da Universidade Federal de Santa Catarina, que trabalharam na elaboração do projeto.

     Serys, Jaime e Jonas chegaram a sugerir que a bancada, incluindo os deputados federais, vá até o presidente Lula para apresentar o projeto e pedir sua inclusão no PAC. Gregório Rabelo disse que, se o Projeto Brasil Central não for efetivado, "vai ser pior para o desenvolvimento da região e do país".

    José Alexandre Nogueira Rezende, que defende o modelo ferroviário para escoar as produções do Centro-Oeste e de estados limítrofes à região, disse que o Brasil já poderia estar produzindo mais de 300 milhões de toneladas de grãos, se tivesse optado pela ferrovia, e não as atuais 120 milhões de toneladas.

    Jonas Pinheiro lembrou que a região Centro-Oeste está a mais de dois mil km de distância de qualquer porto e que essa situação leva o produtor de soja a pagar até 50% sobre o custo final do produto em algumas regiões de MT, quando o custo final do produtor americano representa apenas 4%. Serys Marly  disse que a péssima situação das estradas no Estado e no resto do país tirará quase 50% dos lucros dos produtores de soja na região. (Com Agência Brasil)

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

3 ex-prefeitos se juntam em Poconé

meire pocone 400 curtinha   Em Poconé, o prefeito Tatá Amaral, filiado ao DEM do governador Mauro e apoiado pelo ex-federal Fábio Garcia, está disposto a buscar a reeleição, mesmo com uma gestão pífia, isolado politicamente e com alto índice de rejeição. Enquanto isso, as...

Máquinas para reciclar garrafas pets

maquina 400 curtinha   Sob iniciativa da secretaria de Inovação e Comunicação da Capital, dentro dos projetos que buscam a sustentabilidade, a prefeitura vai colocar máquinas de reciclagem de garrafas pets em 15 pontos da cidade e com possibilidade de ampliar os locais de recolhimento. Em troca, o cidadão...

4 fora da reeleição em Rondonópolis

jailton 400 vereador curtinha   Em Rondonópolis, quatro dos 21 vereadores não devem ir à reeleição, sendo eles Thiago Muniz (DEM), Rodrigo da Zaeli (PSDB), Hélio Pichioni (PSD) e Jailton do Pesque e Pague (foto), do PSDB. Thiago e Rodrigo têm esperanças de concorrer a...

Prefeito apoia vice à briga em Cáceres

eliene liberato 400 curtinha   Francis Maris vai mesmo declarar apoio oficial à pré-candidatura da empresária Eliene Liberato à sucessão em Cáceres. Em público, o prefeito faz mistério para não contrariar outros pretensos candidatos do grupo e que têm esperanças de receber...

Preparando um dos aliados a federal

mauro carvalho 400 curtinha   Embora não comente publicamente, o governador Mauro Mendes está "costurando" acordos políticos com líderes mais próximos, visando não só o pleito de 2020, mas também às eleições gerais de 2022. Em época de busca de projetos e de...

Salvando 1º ano de mandato no cargo

selma arruda 400 curtinha   Embora "sangrando" e com a imagem arranhada, a juíza aposentada e senadora cassada pelo TRE-MT Selma Arruda, que trocou o PSL pelo Podemos, consegue concluir este primeiro de oito anos de mandato. E vai se licenciar nos próximos dias para ceder espaço aquele que financiou a sua campanha,...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Como você avalia a decisão do Supremo de suspender prisão imediata após julgamento em segunda instância?

Concordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.