Últimas

Sábado, 19 de Maio de 2007, 15h:24 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

INVESTIGAÇÃO

PF prende empresário por engano, diz advogado

    O empresário e acadêmico de Direito, Elvis Antonio Klauk Júnior, 24, foi preso por engano pela Polícia Federal na última quarta, durante a Operação Mapinguari. É o que garante o advogado Joaquim Spadoni. Segundo ele, Elvis Júnior nada tem a ver com um outro Elvis, que reside em Feliz Natal e que estaria envolvido em extração, transporte e comércio ilegal de madeira no Parque Indígena do Xingu. Na operação, foram presas 30 pessoas.

    Segundo o advogado, os familiares de Elvis Júnior estão muito revoltados com a prisão indevida do empresário. Spadoni culpa o Ministério Público Federal, para quem "foi extremamente negligente e precipitado ao, antes de tomar qualquer decisão, não conferir quem é a pessoa citada num depoimento".

   O advogado observa que teve acesso aos autos e a única referência ao nome de Elvis foi feita por um caminhoneiro. Este delatou uma pessoa como sendo Elvis, um explorador ilegal de madeira no Parque Nacional do Xingu. Para Joaquim Spadoni, a acusação recai sobre um Elvis que trabalha com tratorista na derrubada de árvores e não de Elvis Júnior, dono de uma rede de concessionárias em Cuiabá e estudante de Direito.

     Destaca que seu cliente adquriu uma área no entorno da reserva, mas que, como não tomou posse oficialmente, a última vez que visitou a propriedade foi em 2001.

    O advogado se diz seguro de que houve erro de identificação e agora prepara uma série de recursos junto ao Tribunal Regional Federal da 1ª Região, em busca da liberdade de Elvis Júnior.  Além de pedir a revogação da prisão temporária, a defesa solicitará uma acareação entre Elvis Júnior e os índios da região, uma forma de provar, segundo o advogado, que o empresário não tem qualquer envolvimento com a quadrilha desbaratada.

    A investigação da PF durou cerca de um ano. Foram expedidos 57 mandados de buscas e apreensão e 47 mandados de prisão. As 30 pessoas pesas em Mato Grosso residiam em Feliz Natal, Paranatinga, Sinop, Sorriso, Vera, Cuiabá, Chapada dos Guimarães, Canarana.

   Em Cuiabá, agentes da PF prenderam a servidora da Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Sema) Célia Pereira de Carvalho e também Elvis Júnior, cuja indentificação, segundo o assessor jurídico Spadoni, está equivocada. A organização era composta por grileiros, proprietários rurais e arrendatários de fazendas em torno do Parque do Xingu.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Ibope mostra acirramento Abílio x EP

abilio junior 400 curtinha   O primeiro resultado da pesquisa Ibope deste segundo turno, revelado hoje pela TVCA, apontando Abílio (foto) com 48% e Emanuel com 40% das intenções de voto, empatados tecnicamente dentro da margem de erro de 4 pontos percentuais para mais ou para menos, é uma mostra do quanto está...

Ricardo atuando pela reeleição de EP

ricardo adriane 400 curtinha   O ex-vereador Ricardo Adriane (foto), um dos dirigentes do Republicanos da Capital e do quadro de assessores do presidente da Assembleia, deputado Eduardo Botelho, está fazendo campanha pela reeleição do prefeito cuiabano Emanuel Pinheiro. Numa reunião ampliada, Ricardo deixou claro que...

Única petista eleita define apoio a EP

edna sampaio 400 curtinha   Única vereadora eleita pelo PT na Capital, a professora Edna Sampaio (foto) resolveu declarar apoio à reeleição do prefeito Emanuel Pinheiro (MDB). E mandou mensagens aos servidores públicos, que passarão a ter a petista como espécie de porta-voz na Câmara Municipal....

Batista agora aparece pra pedir voto

joao batista 400 curtinha   Único deputado do Pros com assento na Assembleia e presidente estadual do partido, João Batista (foto) resolveu aparecer nestas eleições em Cuiabá, mas no segundo turno. No primeiro, foi escondido pela candidata do Pros, Gisela Simona, que ficou em terceiro lugar. Nos bastidores,...

Derrotado a vereador se junta a Abílio

elias santos 400   O irmão do deputado estadual Wilson Santos, Elias Santos (foto), que concorreu a vereador por Cuiabá e só conseguiu 1.143 votos, agora faz campanha para Abílio neste segundo turno, no confronto entre o candidato do Podemos e o prefeito Emanuel. Elias estava no PSDB e correu para o DEM do governador...

Surra de votos no prefeito e no irmão

meraldo sa 400 curtinha   Na pequena Acorizal, com menos de seis mil habitantes, o ex-prefeito de dois mandatos, ex-presidente da AMM e ex-deputado estadual Meraldo Figueiredo Sá (foto) garantiu mesmo, nas urnas, o seu retorno ao cargo. Concorrendo pelo PSD e agora sem ajuda do antigo padrinho político José Riva, Meraldo...