Últimas

Quarta-Feira, 03 de Junho de 2009, 14h:47 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:23

JUDICIÁRIO

Pleno elege nesta 5ª Teomar como novo desembargador

 Em sessão extraordinária nesta quinta (4), às 9h, o Pleno do Tribunal de Justiça vai eleger o juiz Teomar de Oliveira Correia, que responde pela 3ª Vara Cível de Várzea Grande, como novo desembargador, dentro do critério de antiguidade. Ao todo 14 juízes de inscreveram. Nos bastidores, o comentário é de que desta vez Teomar será promovido. Primeiro, porque é o mais antigo dos magistrados de entrância especial. Segundo, porque contra ele não pesa nenhum processo que venha servir de entrave.

   Teomar deve ocupar a cadeira de Benedito Pereira do Nascimento, o Pereirão, que se aposentou compulsoriamente aos 70 anos. Ele estava no cargo de desembargador desde março de 1979. O presidente Mariano Travassos coordena o processo de votação. Todos desembargadores analisam os nomes dos magistrados inscritos. Só pode haver recusa do juiz mais antigo pelo voto fundamentado de dois terços. Para a votação, todos receberam, com antecedência, a lista de antiguidade e o quadro demonstrativo de produtividade dos candidatos à vaga. Depois de concluído o procedimento de votação, o presidente do TJ deve baixar o ato de acesso e definir a data da posse no cargo. Entre os candidatos, além de Teomar, estão Círio Miotto, Cleuci Terezinha Chagas e Dirceu dos Santos.

Juízes-candidatos à cadeira de desembargador
(critério de antiguidade)
Cezar Francisco Bassan
Círio Miotto
Cleuci Terezinha Chagas
Dirceu dos Santos
Fernando Miranda Rocha
Graciema Ribeiro de Caravellas
Helena Maria Bezerra Ramos
Maria Erotides Kneip Baranjak
Nilza Maria Pôssas de Carvalho
Pedro Sakamoto
Rondon Bassil Dower Filho
Sebastião de Arruda Almeida
Serly Marcondes Alves
Teomar de Oliveira Correia

  Na próxima semana, o presidente do TJ, desembargador Mariano Travassos, vai definir a data de eleição dos juízes-candidatos à vaga no Pleno pelo critério de merecimento. A cadeira a ser preenchida é da desemgargadora aposentada Shelma Lombardi de Kato, primeira mulher a ocupar o cargo no Brasil e a presidir o TJ-MT (91/93). Ela ingressou na magistratura em novembro de 1969 e tornou-se desembargadora em novembro de 1979. Dezoito juízes concorrem à cadeira de Shelma. A disputa está acirrada, mas a tendência é que seja promovido José Zuquim ou Dirceu dos Santos

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • aluizo lima pereira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    o antonio sempre foi um exemplo como vereador, agora fara mais ainda como deputado,felicidades amigo azambuja.

Apoiado por deputados bolsonaristas

jose medeiros 400 curtinha   Um dos vice-líderes do Governo Bolsonaro na Câmara, o deputado José Medeiros (foto), do Podemos, vem recebendo apoio na disputa ao Senado de vários parlamentares bolsonaristas. O chamado núcleo duro do presidente no Congresso Nacional está com Medeiros, entre eles os deputados...

Justiça barra ficha suja em Poconé

clovis martins 400   A Justiça Eleitoral barrou em Poconé o ex-prefeito Clovis Damião Martins (foto), considerado ficha suja. Está inelegível por oito anos. Filiado ao PTB, ele foi condenado pelo TCU por irregularidade insanável que configura ato doloso de improbidade administrativa. Enquanto...

3 estão fazendo pesquisa em Cuiabá

Três institutos de pesquisa entraram em campo na capital nesta semana para levantar as intenções de voto para prefeito. São eles: Malujoa Comunicações, que geralmente divulga os resultados no site Olhar Direto; a Voice Pesquisas e Comunicação, do site Midianews; e Real Time Big Data. A Voice poderá tornar públicos os números apurados da pesquisa a partir de segunda (26), enquanto os outros dois estão autorizados...

Marino enaltece Leitão para o Senado

marino franz 400 curtinha   O empresário e ex-prefeito de Lucas do Rio Verde, Marino Franz (foto), anunciou apoio a Nilson Leitão (PSDB) para o Senado. Disse que conhece o candidato tucano de longa data, desde quando este foi prefeito de Sinop e assegura que Leitão é preparado, representa muito bem a região e o...

Magali de fora em General Carneiro

magali vilela 400   A ex-prefeita de General Carneiro, Magali Vilela (foto), que se lançou novamente à disputa ao Executivo, foi barrada pela Justiça. Teve o registro indeferido, já que está inelegível por ter sido condenada à suspensão de seus direitos políticos em...

Kalil, ausência e críticas de educadores

gilmar ferreira 400 curtinha   O candidato a prefeito de Várzea Grande Kalil Baracat (MDB) não foi a um evento realizado pelo Sintep para apresentar suas propostas aos técnicos e professores da educação básica. A ausência e sem apresentar justificativa deixou professores na bronca. O sindicalista...