Últimas

Terça-Feira, 22 de Janeiro de 2008, 12h:55 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

LEGISLATIVO

Poção dispensa R$ 1,6 mil por 2 sessões extras

   O vereador por Cuiabá, Luiz Poção (PP), adianta que vai recusar a verba de R$ 1,6 mil referente ao pagamento das duas últimas sessões extraordinárias realizadas no ano passado. Nelas foram aprovados vários projetos do Executivo que, segundo o progressista, sem nenhuma análise dos parlamentares. "Pedi a anulação dessas sessões na Justiça, então seria incoerente eu receber esse dinheiro", avalia Poção - leia mais aqui. O montante será liberado pela prefeitura, sob Wilson Santos (PSDB).

  O vereador de primeiro mandato reclama que essas sessões foram feitas de forma incorreta. "O Regimento Interno da Câmara foi atropelado". Pelo comparecimento de cada sessão será pago R$ 800, o que significa mais de 2 salários mínimos por apenas algumas horas de presença em plenário. Além disso, cada vereador cuiabano recebe um salário de R$ 7,5 mil e ainda usufrui de outras vantagens, como verbas indenizatórias e de gabinete. (Pollyana Araújo)

Postar um novo comentário

Comentários (10)

  • Patricia | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Jussania lendo seu comentário,e claro respeitando, digo que nao considero uma pessoa falsa no caso o Vereador Poção ,porque ele nao quiz dinheiro por baixo do pano para votar a favor das contas do antigo prefeito;uma pessoa que luta contra o aumento do vale transporte;e se essa tal sessão extraordinaria foi realizada realmente atropelando o regimento da Camara ,acredito eu que assim como o Ver.Poção os demais vereadores deveriam fazer o mesmo. Nao conheço o Ver. Poção mais admiro o trabalho dele pelo transporte coletivo,pois sou estudante e vejo o quanto é importante para nós.

  • ASSESSORIA LUIZ POÇÃO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Senhor Leonardo,

    Todas as críticas são bem vindas porque sempre as considemos como construtivas, já que muitas vezes são elas as responsáveis por fazer com que as coisas aconteçam no mundo político.
    A Assessoria do Ver. Luiz Poção convida o Sr. para conhecer nosso Gabinete, onde teremos satisfação em lhe apresentar os projetos do Vereador e também onde terá a oportunidade de tirar todas as suas dúvidas.
    Aguardamos sua visita!

  • Olga | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    ACREDITAR!!!!! Esta palavra tem sido a marca registrada dos brasileiros e ela nos leva a outra: “Esperança”. Que seria de nós, num país de tantas desilusões sociais, políticas e ambientais, não fosse essa palavrinha mágica. Precisamos acreditar! Mas o que se percebe é que quando a honestidade bate à porta de algum estabelecimento, seja ele público ou não, a descrença chega ao mesmo tempo. Isso tem acontecido freqüentemente no meio político.

    Não posso, enquanto cidadã brasileira, acreditar que não exista “ninguém” honesto no meio parlamentar. Seria uma desgraça para o país! Além de se tratar generalização, um erro geralmente cometido por pessoas que opinam sem conhecer o suficiente o assunto opinado, neste caso, o meio político. A crítica sempre é boa, desde que construtiva e isso supõe conhecimento de causa. Criticar sem conhecimento de causa é cometer erro.

    Tenho acompanhado algumas pesquisas de opinião e, na última, feita pelo IPEC, o Vereador Luiz Poção aparece em primeiro lugar. Será que a população quando deu sua opinião a respeito do vereador Luiz Poção, colocando-o neste patamar, fez isso por acreditar na sua “desonestidade”? Penso que água, mesmo que seja “um pingo”, é sempre mais limpa, portanto melhor que “um mar de lamas” !!! É possível, e digo “possível” porque não posso acusar qualquer cidadão sem ter provas, que existam parlamentares desonestos, mas prefiro ainda ACREDITAR na honestidade de muitos.

    Lembro-me, aqui, de algumas pesquisas que nos apresenta a história de um Brasil colonizado pela “escória européia”. Séculos se passaram e nossa identidade vem sendo construída através de lutas, principalmente a luta por um país melhor.

    Deixemos que a honestidade entre quando ela bater à nossa porta. Mesmo sabendo que na nossa história os políticos honestos parecem não ter vida parlamentar longa, deixemos que aqueles que assim se mostram trabalhem, pois isso beneficiará a própria população. Ou então, estaremos merecendo ouvir que CADA POVO TEM O POLÍTICO QUE MERECE. Fazer o papel de cidadão é “denunciar” as irregularidades às autoridades competentes, e não apenas fazer comentários críticos sem fundamento.

    Conheci há pouco tempo o Vereador Luiz Poção, que colocou seu Gabinete à minha disposição, como o coloca à disposição de qualquer cidadão. Lá, pelo que pude ver, qualquer um é bem recebido e pode falar pessoalmente com o Vereador. Fui tirar todas as minhas dúvidas pessoalmente, talvez as mesmas dúvidas de muitos de vocês e, a partir daí, posso dizer que vou continuar acreditando nele, até que me PROVEM o contrário.

    Dizem que se conselho fosse bom não seria dado, seria vendido, mas vou usar esse termo assim mesmo: Aconselho a todos aqueles que tenham qualquer dúvida a respeito da moral de seus parlamentares, que busquem todas as respostas. No caso do Vereador Luiz Poção, que aceitem o convite dele e de sua Assessoria, fazendo uma visita a seu Gabinete para esclarecer quaisquer dúvidas existentes.

    Parabéns pela iniciativa Vereador!

  • MONICA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    POÇÃO LARGA DE CONVERSA FIADA

  • Valdeir Gomes Vieira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Parabéns Vereador

    São atitudes como essas que faz a diferença, entre os coerente com sua história e os puxa-saco do R$.

  • DONIZETE | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    JA ESTA CHEGANDO HORA DA CAMPANHA TODO MUNDO AGORA QUER SER BOMZINHO COM A POPULAÇAO. HA. HA. HA. HA. HA. HA.

  • Artur Rocha Oliveira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Eu queria saber da histórinha que me contaram de um cidadão que teve o veículo furtado em frente da Câmara dos Vereadores e não pode comunicar a polícia que dentro do carro havia uma maleta com R$ 30.000,00 - isso mesmo, trinta mil reais!!! Se esse cidadão, que levou 30 mil do poder público negasse receber dinheiro da câmara eu diria que era um tremendo picareta demagogo. Mas como é o Poção que está fazendo isso, tenho que cumprimentá-lo pela atitude, né? Abraços Romilson!!!

  • Silvia | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Receber por poucas horas trabalhada é uma indecência. Por que então não desconta dos salários dos vereadores quando as sessões são canceladas por falta da presença deles?

  • Leonardo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Não aguento mais tanta demagogia. O pior é ver gente (fora os cabideiros colocados pelo Poção, é claro) que ainda acredita nesse gesto tão bondoso, acreditando ser esse ilustre vereador um homem de moral ilibada.

  • Jussania Dias Moura | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É um pingo d agua num mar de lama.
    Diante da classe política ele não é considerado uma pessoa confiável, devido as inúmeras traíções a companheiros do passado e presente. Deve ter ganho muito e tá sobrando.consciência não é por que ele não tem.

Chefe do Escritório de ROO em Cuiabá

mario marques 400 curtinha   O prefeito de Rondonópolis, Zé do Pátio, que iniciou neste mês o 3º mandato, mantém como parte da estrutura da administração um cargo de chefe do Escritório de Representação do município na Capital. E Pátio nomeou para esta...

Prefeito cria comitê pra debater modal

emanuel pinheiro 400 curtinha   Mesmo o governador Mauro Mendes já tendo anunciado que vai implantar o BRT na Região Metropolitana, em detrimento do VLT, o prefeito cuiabano Emanuel Pinheiro (foto) criou um comitê de análise técnica para, segundo ele, definir o modal de transporte para a região. Emanuel...

Desembargadores recebem 6 auxílios

maria helena povoas 400   O Tribunal de Justiça de MT, presidido pela desembargadora Maria Helena Póvoas (foto), vai pagar uma série de direitos e vantagens que "engordam" substancialmente o subsídio de seus magistrados e que foram programados pelo ex-presidente Carlos Alberto para liberá-los no orçamento...

Hospital cobra R$ 2,4 mi da prefeitura

luiz carlos pereira 400 tce   O Instituto de Saúde Santa Rosa recorreu ao TCE, na esperança de encontrar respaldo para receber R$ 2,4 milhões da secretaria de Saúde da Capital. Argumenta que a prefeitura, com quem mantém contrato desde 2019, está inadimplente, pois não teria pago integralmente os...

Definido novo presidente do Sanear

hermes avila 400   O prefeito Zé do Pátio nomeou à presidência do Serviço de Saneamento Ambiental de Rondonópolis (Sanear) o engenheiro Hermes Ávila de Castro (foto), que tende a se efetivar no cargo. Hermes ocupa a cadeira que, desde janeiro de 2017, pertencia à Terezinha Silva de Souza,...

Afilhado de Bezerra nomeado adjunto

clovis cardoso 400   O MDB, sob o cacique político Carlos Bezerra, "emplacou" mais um filiado histórico em cargo relevante na gestão Mauro Mendes. O advogado e ex-superintendente regional do Incra-MT, Clovis Figueiredo Cardoso (foto), foi indicado e já nomeado para o cargo de secretário-adjunto de Agricultura...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.