Últimas

Quinta-Feira, 31 de Janeiro de 2008, 20h:32 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

VARIEDADES

Posse de Joaquim é regada à cerveja e música

  O novo presidente do Tribunal de Contas do Estado (TCE), conselheiro Antonio Joaquim, assumiu o cargo nesta quinta (31) com uma festa "pomposa" com direito à cerveja a "la vonté" e lagosta. Após a solenidade, o TCE contratou o trio cuiabano Henrique, Claudinho e Pescuma para dar sequência à comemoração. O trio fez um verdadeiro show na praça das Bandeiras, juntamente com a Orquestra da Câmara. Para prestigiá-lo estiveram presentes várias autoridades, dentre elas o governador Blairo Maggi (PR). Joaquim passa a comandar um orçamento de R$ 108 milhões por ano. O mandato é por dois anos.

   Além da festança, Antônio Joaquim foi empossado com o privilégio de presidir o TCE com o novo prédio do bloco das unidades de Controle Externo, denominado Edifício Marechal Rondon. A obra foi inaugurada nesta quarta (30). Na construção foram gastos nada menos que R$ 20 milhões. No roll de inovações também estão os dois novos conselheiros, Humberto Bosaipo e Waldir Teis.

   Em seu discurso de posse, o novo presidente prometeu que em sua gestão será verificado se os investimentos dos Poderes apresentarão resultados produtivos. "O meu propósito é maximizar a capacidade de fiscalização e controle sobre os gastos públicos. E a parceria e a harmonia com o Ministério Público e a Justiça são imprescindíveis", enfatizou. Destaca que o Tribunal passará a avaliar com mais atenção os setores de saúde, educação, renda, segurança e transporte. (Pollyana Araújo)

  • Confira aqui o discurso completo de Antônio Joaquim

    Autoridades durante a solenidade de posse da nova diretoria do TCE
    Joaquim é prestigiado pelo governador Blairo Maggi, senador Jaime Campos e pelo procurador-geral de Justiça, Paulo Prado

(01/02 às 18h25) - Tribunal de Contas tenta negar ostentação

   Apesar da evidente ostentação do dinheiro público no  evento, a assessoria de imprensa do TCE, agora sob o jornalista Américo Corrêa, contesta que tenha havido festança, mas admite que houve bebida alcoólica e variedades de quitutes.

   Abaixo a nota:

   "Depois da posse, no saguão da Escola de Contas, que é um local muito pequeno, por cerca de 40 minutos, foram servidos água, refrigerante, cerveja e algumas variedades de salgados, muito comuns àqueles oferecidos por buffet. Jamais seria lagosta.
 
    Em seguida, o conselheiro desceu até a Praça das Bandeiras, onde a Orquestra de Câmara de Mato Grosso estava gravando o show Cantos do Brasil, com participação do trio Pescuma, Henrique e Claudinho. O TCMT está apoiando o projeto. Para tanto, o conselheiro Antonio Joaquim cancelou o já tradicional jantar de gala, ou seja, trocou uma festa grandiosa por apoio a cultura. No local, a cerveja e refrigerante eram comercializados.
 
   No DVD, além do show, teremos informações as mais diversas de interesse do Tribunal de Contas, como LRF, Classificação de Irregularidades, Necessidade de Controle Externo, Controle Interno etc.
 
  Colega, o conselheiro Antonio Joaquim tomou todos os cuidados para evitar despesas com festas grandiosas etc e, infelizmente, o blog noticiou exatamente o inverso, provocando, como consequência, comentários negativos e críticas com base na informação de festança regada a muita cerveja e lagosta. O que, concretamente, não ocorreu".
 
Américo Corrêa
Assessor de Comunicação TCE-MT

Postar um novo comentário

Comentários (20)

  • Américo Corrêa | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • ALAERCIO GOMES | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    QUE VERGONHA... ESSES SENHORES PENSAM QUE ESTÃO NA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA. ISSO QUEIMA A IMAGEM JÁ QUEIMADA DO TCE.

  • Amado Amador | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    "Colega"? Quanta intimidade dos que militam no jornalismo cuiabano. Em que pese o bom relacionamento entre profissionais, o que une um e outro não é o compadrio e sim o profissionalismo, o que nesse caso significa o básico, ou seja, o custo do rega-bofe e o valor do patrocínio do DVD. Agora, por mais que se justifique a festa entendemos que tudo poderia ser um simples coquetel quando da transmissão da presidência. Mesmo pagando do próprio bolso a impressão seria ruim, lembrando mesmo o "Baile da Ilha Fiscal".

  • Amado Amador | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    "Colega"? Quanta intimidade dos que militam no jornalismo cuiabano. Em que pese o bom relacionamento entre profissionais, o que une um e outro não é o compadrio e sim o profissionalismo, o que nesse caso significa o básico, ou seja, o custo do rega-bofe e o valor do patrocínio do DVD. Agora, por mais que se justifique a festa entendemos que tudo poderia ser um simples coquetel quando da transmissão da presidência. Mesmo pagando do próprio bolso a impressão seria ruim, lembrando mesmo o "Baile da Ilha Fiscal".

  • ROSINEIDE DANTAS | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    COMO ASSESSOR O SR AMÉRICO DEVERIA NÃO TENTAR JOGAR CORTINA DE FUMAÇA NO FATO. FOI REGABOFE MESMO, COM DINHEIRO PÚBLICO. DA PRÓXIMA VEZ, Q O ASSESSOR ALERTE PARA QUE NÃO HAJA ESSES ABSURDOS, POIS O BOM ASSESSOR NÃO É O PUXASACO, MAS O QUE ABRE O OLHO DO ASSESSORADO.

  • Ana Maria | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Caro Leandro, não se engane!!
    A posse do Dr. Paulo Prado foi regada a muito uisque! Em Clube chiquerrimo e tal... !
    Nós eleitores e que devemos cobrar os parlamentares, a midia, o executivo, para que essas festas acabem. Eu não sei como num país miserável como o nosso essas festas ainda roal soltas. e têm em todo Lugar.
    Pode, Américo, ser coxinha de frango e tubaína. Ainda assim é imoral.
    Há crinças morrendo de fome nesse país. Existem crianças sem escola, sem hospitais1
    NÃO TEM VACINA DE FEBRE AMARELA!!!!!!
    A tempos me enerva: Festa de fim-de-ano para servidores, festa de aniversário durante o expediente, posse de conselheiro, de desembargador, de prefeito, de governador...
    É muita falta de respeito com quem não tem!!
    Quer comemorar? Faz em casa e pague do próprio bolso!!

    Só pra não perder a oportunidade, sugiro ao Romilson que investigue como são sustentados os "clubes-de-classe": de Juizes, promotores, fiscais. Fala aí pra gente como são pagas essas contas????!!!!

  • Luis Carlos Guimarães | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Já me mandaram a conta desta festa. Não fiquem tristes a conta é de VCS que também pagam só não participam.

  • neide | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Desculpe se estou fazendo o comentario no lugar errado. Mas quando pergunta se o governador deve ou nao faze as mudanças no secretariado, devemos responder que isto eh o proprio governador quem tem de saber. Eu sei o que eh melhor para minha casa.Ele como um administrador tem que escolher a melhor equipe.E quem nao achar ruim que trate de trabalhar sireito, sequir as normas da casa ou saia para nao atrabalhar o trabalho dos outros. Eu dido ao governador que a casa eh dele ate as eleiçoes e deve fazer o de melhor, e isto eh eh bom.

  • RODRIGO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    POR FAVOR, ALGUEM ME TIRA UMA DUVIDA CRUEL, COM QUE DINHEIRO ESSA FESTANÇA TODA FOI PAGO?
    POR FAVOR SE NINGUEM DESSE SITE NAO SOUBER, PERGUNTEM AO NOVO PRESIDENTE DO TCE, EU PRECISO SABER POR FAVOR.

  • Pedro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0



    ....sem dúvida! o Tribunalde Contas terá uma maior maximilização e capacidade de fiscalizar!

    ...ainda mais com duas novas aquisições!

    ...HUMBERTO BOSAIPO - extena lista na justiça, de dar inveja a qualquer gangster americano.
    ...WALDIR TEIS - Contador das empresas AMAGGI/SA.

    Ufa!!! assim me sinto mais seguro!!!


Cuiabá paga fevereiro aos servidores

emanuel pinheiro 400   A Prefeitura de Cuiabá quitou nesta sexta (26), último dia útil do mês, a folha de fevereiro. Desde quando assumiu o Palácio Alencastro, em janeiro de 2017, o prefeito Emanuel Pinheiro (foto) tem conseguido pagar o funcionalismo dentro do mês trabalhado. Aliás, essa prioridade,...

3 deputados sob certa cordialidade

janaina riva 400 curtinha   Max Russi, Eduardo Botelho e Janaina Riva (foto), que mandam na Assembleia, demonstram entre eles um certo clima de cordialidade, mas chegaram a entrar em queda-de-braço até fechar um novo acordo político sobre a Mesa Diretora. Com a decisão do Supremo de veto a Botelho no comando do...

Expediente na AL só a partir do dia 8

max russi 400   Por causa do aumento da taxa de incidência de Covid-19 entre servidores e parlamentares, as atividades presenciais da Assembleia foram suspensas na quinta (25). O expediente só retoma em 8 de março. Neste período, estão sendo mantidas somente as atividades estritamente essenciais para o...

Estado paga os servidores nesta 6ª

mauro mendes 400 curtinha   Servidores do Estado recebem salário de fevereiro hoje, dentro do mês trabalho. É a sexta vez seguida que o governador Mauro Mendes consegue pagar a folha dos ativos, inativos e pensionistas antes da virada do mês, depois de promover reformas, redução da máquina e...

Sistema de saúde sob colapso em ROO

Em Rondonópolis, cidade-polo da região Sul, que abrange 17 municípios, não há mais leitos de UTI para socorrer pacientes em quadro grave de Covid-19. Todos os 30 do hospital Santa Casa estão ocupados, inclusive um leito de UTI reservado para atender outros casos, acabou destinado para paciente com o novo coronavírus. Há 10 leitos de UTI no Hospital Regional e todos também estão lotados. Várias pessoas em...

Deputado, Mesa da AL e incoerência

claudinei 400   Claudinei Lopes (foto), delegado de polícia que, na onda Bolsonaro, se elegeu deputado pelo PSL, em 2018, se mostra cada vez mais incoerente. É daqueles que gostam de levantar polêmicas e críticas, mas sem consistência. Ele se manifestou, por exemplo, contra a reeleição à Mesa...