Últimas

Terça-Feira, 05 de Fevereiro de 2008, 02h:40 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

VALE A PENA RECORDAR

Povo de MT pode confiar em mim, dizia Henry

   Na campanha de 2006, Pedro Henry (PP), em busca do terceiro mandato de deputado federal, mandava o seguinte recado aos eleitores: "O povo de Mato Grosso tem motivos para confiar em mim. Já fiz muito por todo esse Estado e vou fazer muito mais. Vou retribuir como sempre com muito trabalho".

   À época, ele já sofria bombardeios por causa das acusações de envolvimento nos escândalos do mensalão (esquema de propina entre o governo Lula e a base governista) e das sanguessugas (negociata também envolvendo propina para apresentação de emendas junto ao orçamento com vistas à compra de ambulâncias superfaturadas). Mesmo assim, se reelegeu com 73.312 votos, longe dos 120.840 obtidos em 2002. Depois, enfrentou investigação de uma CPI e acabou absolvido.

    Quando se preparava para reconquistar espaço políticos, eis que um novo processo, desta vez sobre compra de votos em Cuiabá referente à campanha de 2006, resulta na cassação do mandato. Henry recorreu ao TSE, onde obteve uma liminar. Assim, vem se "segurando" no cargo até que se julgue o mérito, o que pode demorar um bom tempo - saiba mais aqui.

   No horário eleitoral de 2006, Henry, irmão do prefeito cacerense Ricardo Henry (PP), fez questão de elencar as obras que havia viabilizado nos oito anos de mandato. Citava 1,5 mil casas construídas, R$ 5 milhões em investimentos na Universidade Estadual Unemat, R$ 22 milhões em asfalto, 320 laboratórios de informática e 34 postos do Programa de Saúde da Família. (Pollyana Araújo)

   Se de um lado é acusado de corrupção e de comprar votos, conforme o MPE e, de outro, se intitula o parlamentar que mais traz recursos para MT, conclui-se, então, que Pedro Henry faz jus à velha frase atribuída a Paulo Maluf: "rouba, mas faz".

   Clique no play e confira o recado do hoje deputado cassado Pedro Henry, no horário eleitoral de 2006.

Postar um novo comentário

Comentários (9)

  • Lourival Ribeiro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0


    Apesar da "chacota" que o jornalista tende imprimir sistematicamente contra o deputado inimigo do grupo Gazeta de Comunicação, é fato que o Deputado vem de longe em relação aos demais ´parlamentares, carreando recursos fundamentais para o desenvolvimento do estado, e que por esse e outros motivos virou alvo da imprensa subsidiada de MT.

  • Pedro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0


    ...REGIÃO DE CÁCERES ELEGE, E O POVO DE MATO GROSSO PAGA!
    ...O MESMO ACONTECE COM VÁRZEA GRANDE!!! E O RESTO DO ESTADO TEM QUE AGUENTAR COM PREJUÍZO NA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA.

  • Pedro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0



    ...lOURIVAL RIBEIRO! SÃO PESSOAS COMO VOCÊ É QUE FAZ DA REGIÃO DE CÁCERES UMA DAS MAIS POBRES DO ESTADO!!! VOCÊ DEVERIA TER VEGONHA NA CARA AO FAZER ESTE COMENTÁRIO...

  • Pedro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0



    ...FALTOU FALAR DAS AMBULÂNCIAS, E CLARO EXPLICAR SUAS ATIVIDADES DENTRO DOS MINISTÉRIOS E CONGRESSO PARA A LIBERAÇÃOS DESTES RECURSOS.
    ...SEM CONTAR QUE jOSÉ GERALDO RIVA + TAISIR + PEDRO HENRY = UNEMAT COM CONTAS REPROVADAS PELO TCE NOS ÚLTIMOS 4 ANOS, E GESTÃO FALIDA.

  • jandir | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É UMA VERGONHA.

  • carlos josé dos santos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Todos os políticos tinham que parar de criar em si o seu próprio destaque, pois à partir do momento que se coloca a disposição em concorrer a um cargo público é colocar a disposição para SERVIR - TRABALHAR, pelo povo de um modo geral. Não tendo que fazer ou escolher os campos que irá atuar!!!? Sendo assim, Esses(candidatos à candidatos) teria que refletir sobre a escolha que fez e ter a consciência de dedicar-se aos anseios dos mais necessitados, porém como avaliar que é necessitado no momento atual em que estamos vivenciando à toda ora;Pois bem, o Pedro Henry, tinha que colocar a mão em sua consciência e deixar que suas atitudes e atos expressem suas ações e que o povo tenha o direito de manifestar seu apoio ou não,também, acredito que nunca deveriamos esquecer a história e Ele possa olhar para o passado daqueles que construiram esta história, hoje posso acertar, porém, amanhã poderei errar? Lembro ainda que todos que se interessarem pela Política, deveriam olhar para àqueles que nos deixaram um legado de verdadeiros conquistadores do povo pela sua dedicação excusiva do povo, e de um verdadeiro Líder que deveriamos espelahr em seus atos:JESUS CRISTO, isso enfoco em qualquer credo religioso. Por fim, parabenizar este espaço e a pessoa que a criou, bom seria que isso fosso de exclusividade de todos.Pedro Henry é apenas um de tantos que se escondem dentro de si memso a sua imagem e seu prórpio interesse!Obrigado.Cordialmente
    Carlos. Paz e Bem!!!!!!

  • ALBUCASSIS RAMIRES | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É NECESSÁRIO QUE OS POLITICOS TENHAM A CONSCIENCIA QUE JÁ ESTAMOS NO SECULO 21(vinte e um)E QUE O POVO HOJE SABE MUITO BEM QUANTO OS POLITICOS RECEBEM PARA EXERCEREM OS SEUS MANDATOS,E OS DEVERES CONSTITUCIONAIS DE CADA UM , APÓS SUA POSSE.

    PARA NÃO ME ALONGAR,NÓS POVO,ELEGEMOS UM PARLAMENTAR PARA QUE ELE VÁ PARA BRASILIA,TRAZER RECURSOS DO ORÇAMENTO DA UNIÃO,QUE É DINHEIRO DO POVO,DE NÓS QUE PAGAMOS NOSSOS IMPOSTOS,E APLICAR EM OBRAS E NAS AREAS DE EDUCAÇÃO , SAUDE E SEGURANÇA, É PARA ISSO QUE ELES SÃO REGIAMENTE REMUNERADOS.

    SE NÃO FIZEREM ISSO,NÃO ESTÃO CUMPRINDO COM SUAS OBRIGAÇÕES, E COMO EMPREGADOS DO POVO, DEVEM SER COBRADOS DURAMENTE,E NÃO REELEITOS NA PROXIMA ELEIÇÃO,POIS NÓS POVO,TEMOS O PODER DE CASSAR QUALQUER MANDATO ATRÁVES DO VOTO,ESSA É A NOSSA GRANDE ARMA,QUE SÓ A DEMOCRACIA NOS DÁ.

    SENHORES POLITICOS, VAMOS ABAIXART ESSA BOLA,QUEM MANDA É O POVO,OS VOSSOS MANDATOS DEVEM EXERCIDOS EM NOME DO POVO, E, EM BENEFICIO DO POVO, E NÃO DE VOSSAS EXCELENCIAS,QUE ENTRAM NA POLITICA,COM UMA MÃO ATRÁS E UMA NA FRENTE , E LOGO JÁ ESTÃO COMPRANDO AVIÕES,EMISSORAS DE RÁDIO E TELEVISÃO,SEM CONTAR COM AS VINTE E SEIS FAZENDAS DE UM CERTO SENADOR,EX-BALCONISTA DE ARMAZEM.

    FICA O RECADO , PARA UMA REFLEXÃO,POIS AS NOVAS ELEIÇÕES ESTÃO CHEGANDO.

  • marcelo das neves | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    esse modelo de trazer recurso para os municipios não é atribuição de deputado federal isso foi inventado pelo FHC e mantido pelo governo atual para comprar votos no Congresso. O parlamentar hoje não defende mais nada não se discute tema nenhum e em recompensa ele é pago com essas Emendas para não pensar e só aprovar o que o governo deseja nas suas inumeras Medidas Provisórias.Pedro henry é o simbolo desses deputado "operadores" e nós vimos o que deu e esta dando para esse parlamentar matogrossense. Romilson, vc esqueceu do escanda-lo da GAUTAMA em que o nosso campeão mundial "travessuras" foi citado para não fugir a regra.A turma operadora em Brasilia era: Pedro Henry,Wellinton Fagundes,Ricart de Freitas, Celcita Pinheiro e Lino Rossi, 3 dessa patota ja rodoram só faltam 2 que o tempo se encarregará.

  • Milton Ribeiro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Romilson, "O eleitor sem vergonha vende o voto e depois reclama dos políticos", não quero dizer que o Deputado Pedro Henrry seja culpado ou inocente, o processo tramita, tem seu rito normal, e o poder judiciario o julgará, mas temos que admitir uma coisa: com o Estado de Mato Grosso, Ele cumpriu sua obrigação, trouxe muito recurso para este Estado; Infelizmente a legislação politica Brasileira é uma vergonha, è um sistema extremamente capitalista, onde os politicos, ao final de cada eleição, mentem que prestam contas e o TRE finge que acredita! facilita para que os politicos corruptos, dominem orçamentos, licitam (ou dirigem) obras, porque é aí que se faz caixa de campanha( e todos fingem que não estão vendo!), palahaçada é isso! Quando acabarmos com a farra com o dinheiro público, aí sim, creio, teremos e começaremos a praticar justiça social.

Rejeição a Abílio sobe e cai a de EP

abilio junior 400 curtinha   Nos últimos 15 dias, o candidato a prefeito da Capital, Abílio Júnior (foto), do Podemos, viu a rejeição aumentar 12 pontos percentuais, quase um por dia, saindo de 19% para 31%, de acordo com a nova rodada da pesquisa Ibope, divulgada nesta sexta pela TV Centro América....

Fávaro deixa governador em saia-justa

carlos favaro 400 curtinha   O senador interino do PSD, Carlos Fávaro (foto), que busca a reeleição, deixou o governador Mauro Mendes (DEM) em uma saia-justa em Barra do Garças. Mendes, que já declarou apoio no horário eleitoral ao candidato à sucessão municipal Wellington Marcos, do mesmo...

Sob efeito-cavalo paraguaio em ROO

thiago muniz 400 curtinha   Em Rondonópolis, o candidato a prefeito, vereador e empresário Thiago Muniz (foto), se transformou num cavalo paraguaio, expressão muito usual no futebol quando se refere a um time que dispara no início do campeonato mas, lá pela metade, começa a cair pelas tabelas. Acreditava-se...

Lula na TV deve afundar mais Julier

lula 400   O advogado Julier Sebastião da Silva, que disputa pela segunda vez a Prefeitura de Cuiabá - na primeira, em 2016, pelo PDT, ficou em terceiro lugar e, agora, pelo PT -, levou para o seu horário eleitoral o ex-presidente Lula (foto). A participação, com pedido de voto para Julier, da maior...

Na contramão dos investimentos

jose wenceslau 400 curtinha   Ao invés de reconhecer e aplaudir a iniciativa do governo estadual, que anunciou investimentos de R$ 9,5 bilhões em obras e ações, sendo R$ 6 bilhões (63%) de recursos próprios, a Fecomércio-MT, sob José Wenceslau Júnior (foto), reagiu com críticas....

Filho de ex-deputado rumo a vereador

willy taborelli 400   O coronel PM da reserva e ex-deputado estadual Perry Taborelli, que concorreu e perdeu para prefeito de Várzea Grande em 2016, lançou de novo o filho à cadeira de vereador. Trata-se do jovem advogado Willy Jacyntho Taborelli (foto), de 32 anos. Desta vez, ele concorre pelo PV. Na eleição...