Últimas

Quinta-Feira, 26 de Abril de 2007, 14h:17 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

BASTIDORES

PPS define modelo de ofício para cassar infiéis

   O presidente nacional do PPS, Roberto Freire (PE), está tão determinado a cassar o mandato dos parlamentares infiéis que até elaborou um modelo de requerimento a ser entregue aos presidentes das câmaras municipais e das assembléias legislativas. Somente na AL de Mato Grosso, o PPS quer empossar seis suplentes nos lugares dos que deixaram a legenda. Vai exigir também 140 vagas de vereadores no Estado dos chamados infiéis.

   De acordo com a orientação de Freire, baseada na interpretação do TSE de que os mandatos pertencem os partidos e não aos eleitos, os diretórios estaduais e municipais do PPS devem requisitar às ALs e às câmaras  de todo o país as vagas dos deputados e vereadores que se elegeram pela sigla e depois migraram para outra sigla.

Confira o modelo do ofício sugerido pela direção nacional do PPS para cassar os parlamentares infiéis

 Excelentíssimo Senhor Presidente da ....
     
     Requeremos a posse do ... suplente na vaga pertencente ao Partido Popular Socialista decorrente da desfiliação do ..., eleito pela legenda nas eleições de ..., conforme decisão do Tribunal Superior Eleitoral referente à Consulta nº 1.398.
     
     Justificativa
     A Consulta 1.398, indagou se os partidos e coligações teriam "o direito a preservar a vaga obtida pelo sistema eleitoral proporcional, quando houver pedido de cancelamento de filiação ou de transferência do candidato eleito por um partido para outra legenda".
     
     O Pleno daquele Tribunal, no dia 27 de março de 2007, seguindo o voto do Sr. Ministro Cesar Asfor Rocha, concluiu por uma resposta afirmativa à Consulta 1.398, estabelecendo que os Partidos Políticos e as coligações conservariam o direito à vaga obtida pelo sistema eleitoral proporcional, em razão do pedido de cancelamento de filiação e conseqüente transferência do candidato eleito por um partido para outra legenda.
     
     Nesses termos, tendo em vista a perda de (tantos...) mandatos por parte do Partido Popular Socialista em decorrência de desfiliações partidárias, requeremos que Vossa Excelência dê posse aos respectivos suplentes do PPS e/ou coligações que o mesmo formou nas últimas eleições, nos termos do ....(Regimento da Casa.
     
     ..., em ... de 2007.
     
     ...
     Presidente ... do PPS

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Helio Silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    o PPS NACIONAL MOSTRA MAIS UMA VEZ QUE, SEU DISCURSO ESTA EM SINTONIA COM SUAS PRATICAS; QUANTO AO PPS DE MATO GROSSO, GOSTARIAMOS DE VÊR A POSTURA DO GRANDE LIDER PERCIVAL MUNIZ, ATÉ AGORA ELE ESTA SÓ NO LÉRO-LÉRO.

    HELIO SILVA
    O CAÇA-CORRUPTO

  • Dérick Christel S Vasconcelos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Acredito que a Direção do PPS deve sim e sem sombra de duvidás pedir de volta os mandatos que estão nas mão dos "infiéis", o Diretorio Nacional do PPS, já o fez depois de muita analise juridica e tambem analise do ponto de vista politico. Acredito que o PPS de Mato Grosso deve tambem requerer esses cargos, mas e preciso que acha coerência nesse processo. E quando chegar ao ponto de que não se tenha mais duvidas entrar com esse processo visando, o bem da população mato grossense terá sem duvidas o apoio da mesma.

Nezinho, nova derrota e aposentadoria

nezinho 400   Aos 69 anos, o petebista Carlos Roberto da Costa, o Nezinho (foto), considerado da velha guarda política, tentou, mas foi reprovado nas urnas em Nossa Senhora do Livramento. Ele concorreu a prefeito em quatro pleitos. E já exerceu dois mandatos. Nezinho já foi secretário-adjunto de Fazenda do Estado,...

EP cresce 5; Abílio perde 3, diz Ibope

emanuel pinheiro 400 curtinha   Pelos números do Ibope, revelados nesta sexta à noite pela TV Centro América (Globo), Abílio Júnior (Podemos) oscilou negativamente 3 pontos percentuais em menos de uma semana, de 48% para 45% das intenções de voto. Já o emedebista Emanuel Pinheiro (foto)...

Sob arrogância, ataque e desrespeito

abilio junior 400 curtinha   O candidato Abílio Junior (foto), que disputa o segundo turno em Cuiabá com o prefeito Emanuel, chegou bastante nervoso e irritado para o debate nesta sexta, na TV Vila Real (Record). Demonstrando arrogância, ignorou o superintendente do Grupo Gazeta de Comunicação, Dorileo Leal, na...

Candidatos, tensão, debate e bate boca

antoniocarlos   Em debate tenso, na TV Vila Real (do grupo Gazeta) e, após troca de acusações sobre atos de corrupção e servidores fantasmas, os candidatos à Prefeitura de Cuiabá Abílio Júnior (Pode) e Emanuel Pinheiro (MDB) protagonizaram bate boca por mais de uma vez. O clima ficou...

Abílio contrata 400 fiscais para eleição

A campanha do candidato Abílio Júnior (Pode) decidiu contratar 400 fiscais para atuar nesta eleição de domingo. Isso derruba o discurso do candidato do Podemos de que todos atuam de forma voluntária em prol da sua vitória. Aliás, quando questionado sobre a grande estrutura que montou neste segundo turno, inclusive sobre a equipe de marketing, disse que todos são colaboradores. Na sua versão, ninguém recebe pelo trabalho,...

Entrando na briga à AMM muito tarde

maurao curtinha 400   Mauro Rosa, o Maurão (foto), que está encerrando o segundo mandato como prefeito de Água Boa, é o único candidato no duelo com Neurilan Fraga, que busca mais um mandato no comando da AMM, entidade que representa as prefeituras mato-grossenses. O problema é que Maurão entrou...