Últimas

Sábado, 03 de Outubro de 2009, 07h:50 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:24

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA

PR continua com mais vagas; 3 dividem a 2ª maior bancada

Articulador Mauro Savi, do PR, que tem 6 deputados  Sob a força da máquina do governo Blairo Maggi, o PR, que surgiu da fusão do PL com o Prona após as eleições gerais de 2006, é o dono da maior bancada na Assembleia e, mesmo com a dança partidária de dois deputados no decorrer desta semana, continua com o maior número de cadeiras. Das 24, seis são ocupadas por republicanos, sendo eles Sérgio Ricardo, Mauro Savi, João Malheiros, Wagner Ramos, Sebastião Rezende e Jota Barreto.

   O PP do presidente da AL José Riva chegou a ser dono do maior número de vagas. Foi a partir de setembro de 2007, oito meses do início da atual Legislatura, quando o então deputado Walter Rabello havia trocado o PMDB pela legenda progressista. Devido à regra pró-fidelidade do TSE, Rabello teve o mandato cassado. Cinco dos seis filiados hoje ao PR vieram do PPS, seguindo o mesmo destino de Maggi. Já Barreto, então suplente e que virou titular com a eleição de Juarez Costa à Prefeitura de Sinop, é oriundo do velho PL.

  Em meio às articulações visando o pleito de 2010, Wallace Guimarães deixou o DEM e migrou para o PMDB, enquanto Chica Nunes trocou o PMDB pelo DEM, mesmo sob risco de cassação por infidelidade partidária. Com essas mudanças, a segunda maior bancada é dividida hoje entre PP, DEM e PMDB. Cada uma tem quatro representantes. Wallace se juntou aos peemedebistas Adalto de Freitas, o Daltinho, Antonio Brito e Nilson Santos. Chica pertence agora ao partido de Dilceu Dal Bosco, José Domingos e Gilmar Fabris. O PP permanece com Riva, Maksuês Leite, Airton Rondina, o Português, e Antonio Azambuja.

  O PT se mantém com duas vagas, ocupadas por Ademir Brunetto e Alexandre Cesar, que vem legislando desde 2007 no lugar do titular Ságuas Moraes, secretário de Estado de Educação. O PSDB do prefeito cuiabano e pré-candidato a governador Wilson Santos fica apenas com Guilherme Maluf. Outras três legendas detêm apenas uma cadeira, que são representadas por Percival Muniz (PPS), Otaviano Pivetta (PDT) e Vilma Moreira (PSB).

   O PPS e o extinto PFL tinham saído das urnas de 2006 com as maiores bancadas, cada um com quatro deputados. A desfiliação do governador da legenda socialista provocou debandada. Independente de sigla partidária, o governo Maggi, que está no sétimo e penúltimo ano de mandato, é praticamente unanimidade na Assembleia. Mesmo que o seu partido, o PR, abrigue parlamentares descontentes, nenhum deles se arriscou em mudar de sigla para não correr risco de perder a cadeira.

  Com exceção de Mauro Savi, líder do governo no Legislativo, os demais vão buscar a reeleição. Savi concorrerá a deputado federal. Cada deputado ganha próximo de R$ 15 mil mensais. Tem direito ainda à verba indenizatória de até R$ 15 mil, a dezenas de assessores, um veículo Corolla à disposição do gabinete e outros privilégios e regalias.

   Sete dos que ocupam cadeira saíram do pleito de 2006 como suplentes. São eles: Antonio Azambuja (PP), Antonio Brito e Nilson Santos (PMDB), Wagner Ramos e Jota Barreto (PR), Alexandre Cesar (PT) e Vilma Moreira (PSB). Azambuja assumiu o lugar de Campos Neto, que virou conselheiro do TCE, a exemplo de Wagner, que passou a ser titular com a nomeação de Humberto Bosaipo no mesmo Tribunal. Antonio Brito ocupa a vaga de Zé do Pátio, prefeito de Rondonópolis. Barreto virou titular com a saída de Juarez, prefeito sinopense. Alexandre legisla no lugar de Ságuas, enquanto  Vilma se beneficiou com a eleição do petebista Chico Galindo como vice-prefeito de Cuiabá.

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • Sergio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    mas por onde anda esse BANDO DE CAITITUS


    tem nome nessa lista q mta gente nunca ouviu falar


    outros são bem conhecidos por causa das falcatruas!!!!

  • Jenefer | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    CAITITUZÃO GORDO HEIMMMM.

  • noemi agostinetto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    o PT tem APENAS E TÃO SOMENTE 01 vaga para Deputado na Assembléia Legislativa de MT. O Alexandre César é um suplente que ocupa a vaga do Deputado Ságuas, que está Sec. Estado.

  • ELIZEU | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    RDNEWS ERROU NA CONTA, POIS O CORRETO NESTE CASO É O PSDB GANHOU A SAÍDA DA CHICA NUNES, EM SENDO ASSIM OS TUCANOS FORAM OS MAIORES BENEFICIADOS COM ESTAS MUDANÇAS, EM CONTRAPARTIDA O DEMOCRATAS PERDEU RECEBENDO A ENTRADA DA CHICA NUNES E MAIS AINDA COM A SAIDA DO DR. WALLACE.
    NINGUÉM MERECE!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    É A TREVA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Ibope vê falha na pesquisa de Cuiabá

abilio 400   A  última pesquisa Ibope sobre intenção de voto para prefeito de Cuiabá, divulgada na sexta passada (16) pela TVCA, cujo resultado destoa muito de outras amostragens, foi feita por telefone. E, por causa disso, o próprio instituto, em nota de esclarecimento publicada no próprio site,...

Medeiros x Fernanda e o bolsonarismo

jose medeiros 400 curtinha   Não são apenas Carlos Fávaro (PSD) e Nilson Leitão (PSDB), que se auto-combatem, com um tentando desconstruir a candidatura do outro na corrida pela única vaga em disputa ao Senado. Como num ringue de boxe, José Medeiros (foto), do Podemos, e coronel Fernanda (Patriota)...

Leitão x Fávaro sob efeito-Bolsonaro

nilson leit�o 400   O ex-vice-governador e hoje senador interino Carlos Fávaro (PSD) e o ex-prefeito sinopense e ex-deputado federal pelo PSDB Nilson Leitão (foto) travam uma guerra eleitoral, com críticas mútuas, como se só existissem os dois na disputa para o Senado, quando, em verdade,...

Leverger e ex em palanque separado

francieli magalhaes 400 curtinha   Dois candidatos em chapas majoritárias em Santo Antonio de Leverger, hoje em palanques diferentes, já estiveram juntinhos na vida particular. O empresário Ademilson Dantas de Matos (PV), vice da chapa de Franklin Luis Carvalho (PSDB), foi casado com a petebista Francieli Magalhães...

Prefeito cuiabano vira saco de pancada

emanuel pinheiro 400 curtinha   O prefeito cuiabano Emanuel Pinheiro (foto), que busca a reeleição e havia iniciado a campanha como grande favorito, inclusive com expectativa de ganhar no primeiro turno, se transformou em saco de pancada. Além de Abílio Júnior que o critica e ataca o tempo todo, o que acabou o...

Dal Bosco com 3 na disputa em Sinop

dilceu dal bosco 400 curtinha   Neste pleito eleitoral, a família Dal Bosco se dividiu em três grupos de apoio em Sinop, a chamada capital do Nortão. O ex-deputado estadual Dilceu Dal Bosco (foto) coordena no município e região a campanha à reeleição do senador Carlos Fávaro (PSD). O...

MAIS LIDAS