Últimas

Sexta-Feira, 29 de Junho de 2007, 08h:00 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:16

ARTICULAÇÃO

PR já testa Pagot e Sachetti para governador

   O recém-criado Partido da República (PR), sob a liderança nacional e regional de Blairo Maggi, já tem dois pré-candidatos a governador: Adilton Sachetti, prefeito de Rondonópolis, e Luiz Antônio Pagot, ex-secretário estadual de Infra-Estrutura, Casa Civil e Educação.

   Para manter as pretensões políticas, ambos, que já vivem rota de colisão, têm dois grandes desafios que vão servir de teste. Sachetti precisa, primeiro, garantir sua reeleição nas urnas de 2008. Se for derrotado, pode enterrar o projeto de disputar o Palácio Paiaguás. Já Pagot está prestes a ocupar a cadeira de diretor-geral do Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes (Dnit), que tem um orçamento de R$ 12 bilhões. Se conseguir fazer uma boa gestão, ganhará visibilidade eleitoral e passo importante para suceder Maggi. A expectativa é que Pagot destrave obras macro que há décadas vêm sendo reivindicadas pelos mato-grossenses, como a pavimentação das rodovias BR-163 (Cuiabá-Santarém) e 158 (Araguaia), além da hidrovia Paraguai-Paraná. Por outro lado, se não tiver o nome aprovado na sabatina do Senado, marcada para 4 de julho, Luiz Pagot, também pode esquecer o sonho de ser governador. Ficará desmoralizado politicamente.

    Entre Sachetti e Pagot, Maggi optaria hoje pelo apoio à pré-candidatura do primeiro. Empresário, Sachetti conduz a Prefeitura de Rondonópolis com mão de ferro. Enfrenta desgaste político por ter adotado medidas austeras e antipopulares. Mas, sob a ótica empresarial, o seu estilo agrada o governador. Além disso, ambos são amigos pessoais e do mesmo ramo na iniciativa privada. Já Pagot, mesmo com autonomia recebida enquanto foi secretário, é tratado por Maggi como um empregado.

   O PR conta, então, com um prefeito que enfrentará uma eleição difícil em Rondonópolis. Tem opositores fortes, como os deputados estaduais Percival Muniz (PPS), ex-prefeito, e também o peemedebista Zé do Pátio, derrotado em 2004 por uma pequena diferença. Enquanto isso, o outro republicano Pagot, com seu estilo trator, vive momentos de tensão para conquistar o cargo federal.

Postar um novo comentário

Comentários (6)

  • Graziela | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Isso só pode ser gozação né ? Gente governador tem de ser alguem que tenha ao menos prestigio , pessoa que saiba realmente o que fazer no cargo , espero que esta ideia do PR nao sai nunca do papel !!!!!

  • EDUARDO SILVA | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O PR ESTA TAO DESESPERADO PARA ARRUMAR UM SUCESSOR, QUE VENTILAR QUALQUER NOME, O ILMO SR PREFEITO DE RONDONOPOLIS ADILTON SACHETTI NAO GANHA NEM PARA A PREFEITO NOVAMENTE QUEM DIRIA PARA GOVERNADOR DE MT.
    AGORA SE ELES FALASSEM QUE APOIARIAM O PERCIVAL MUNIZ PARA GOVERNADOR TUDO BEM MAS ESSES DOIS SAO UNS NEFASTO DE CAMPANHA.

  • Michel Andrade | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Algumas pessoas deveriam se instruir mais e parar de emitir parecer sem conhecimento. Essa internauta Graziela que me desculpe, não entende nada de política. O ex-secretário Luiz Antonio Pagot seria um excelente governador do Estado. Tem todas as credenciais para exercer um cargo de tal relevância. Homem de bem, trabalhador e, acima de tudo, competente.Já provou todas essas qualidades. Portanto, seria prudente as pessoas se informarem antes de emitir comentários sem fundamento.

  • Graziela | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Meu caro Michel Andrade , pouco me interessa o que o senhor acha ou deixa de achar sobre o meu entendimento de politica , o que simplesmente mencionei em meu comentario foi que eu pessoalmente nao vejo nada de BRILHO nestes dois nomes para governador de meu estado ; Portanto se o senhor tem ligação ou não aos nomes relacionados , que guarde este BRILHANTISMO postumo para sua propria realização pessoal , porque para mim de nada serve ; Pelo ao contrario , nao serve nem para o que estao tentando ser atualmente !!!

  • Marcelo Souza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Não duvido nada que esse dois possam vim a Governar nosso Mato Grosso. O Atual Governo vem fazendo uma administração péssima, que o povo só irá descobrir depois que ele sair, mas a população aprova ele com 80%. Esse governo não investe nada no social, esta ai o alto ídice de violência que nunca cai, a Saúde coitado do Prefeito Wilson Santos que tem que socorrer todo mundo do interior. Industrias novas, quando consegue só para rondonópolis, a Ferrovia não andou um metro, pois é maior concorrente do Governador que tem empresa de transporte de navegação. viva a soja

  • Luiz | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Temos sim que mandar neste Estado, independente de ser um ou outro, temos que continuar, pois, Rondonopolitano merece administrar MT.

Pode recebe 2 já derrotados em BG

sandro saggin curtinha 400   O Podemos conseguiu juntar em Barra do Garças o grupo de dois já derrotados à prefeitura, Daltinho, que também foi deputado e em 2018 teve votação pífia na tentativa de reeleição, e Sandro Saggin (foto), um "eterno" candidato. Entregue ao ostracismo,...

Câmara de Barra devolve R$ 100 mil

joao rodrigues 400 presidente c�mara barra do gar�as   A Câmara Municipal de Barra do Garças devolveu à prefeitura R$ 100 mil para serem investidos em medidas de combate ao novo coronavírus. O presidente do Legislativo, vereador João Rodrigues de Souza, o doutor...

Auditor assume Secretaria de Controle

demilson nogueira 400   O auditor Newton Gomes Evangelista, servidor de carreira, é o novo secretário de Controle Interno da Assembleia. Ele já respondeu também pela Auditoria-Geral da Casa. Newton assumiu a Controladoria Interna no lugar do ex-prefeito de Ponte Branca, Demilson Nogueira (foto), que deixou o posto...

Cuiabá é a unica com tudo fechado

emanuel pinheiro curtinha   A pressão sobre o prefeito Emanuel Pinheiro (foto) fica agora mais forte para flexibilizar logo o decreto restrito por causa do coronavírus. Ele é o único dos gestores das maiores cidades mato-grossenses que ainda mantém decisão de fechar praticamente tudo na Capital, com...

Deputado põe aliado no lugar do irmão

ronaldo taveira 400 curtinha   Coube ao próprio deputado Wilson Santos indicar um nome para o lugar do irmão Elias Santos, que na última sexta (3) deixou a secretaria de Gestão de Pessoas da Assembleia para concorrer a vereador em Cuiabá. E o ex-prefeito emplacou no cargo que rende R$ 19,9 mil mensais o velho...

Sem alarde, vereador muda de partido

viniciys clovito curtinha   De última hora e sem alarde, o vereador pela Capital Vinicyus Hugueney (foto) resolveu deixar o PP e se filiou ao Solidariedade. Com isso, o PP não se torna o único com a maior bancada. Está com três vereadores, assim como o PV e o PSDB. No SD, Vinicyus vai concorrer internamente com...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você concorda com a decisão de prefeitos, que começam a decretar estado de emergência, fechando comércio, serviços públicos e o transporte coletivo?

sim

não

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.