Últimas

Sábado, 31 de Março de 2007, 15h:15 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

ARTICULAÇÃO

PR orienta deputados "infiéis" a contratar advogado

   Em reunião neste sábado em Rondonópolis, na residência do governador Blairo Maggi, membros da comissão provisória regional do PR aprovaram a idéia de orientar seus parlamentares a contratar advogados especializados em direito público para tentar salvar os mandatos.

     O partido recém-criado teme que os deputados estaduais João Malheiros, que hoje responde pela secretaria da Casa Civil do Estado, Mauro Savi, Wagner Ramos, Roberto França e Sebastião Rezende, além do federal Homero Pereira, sejam cassados devido à decisão do Tribunal Superior Eleitoral, que prevê perda do mandato daqueles que mudarem de legenda por entender que o mandato pertence ao partido e não ao parlamentar. Os cinco, eleitos e reeleitos pelo PPS no ano passado migraram para o Partido da República junto com o governador Maggi.

     Na reunião, Maggi comentou que a tendência é o Supremo Tribunal Federal manter a decisão do TSE. Por precaução, sugeriu que, desde já, os parlamentares do PR contratem bons advogados para o enfrentamento jurídico.

    Caso Homero, único dos oito deputados federais mato-grossenses que mudou de sigla, vier a perder o mandato por conta da "infidelidade" partidária, a cadeira ficará com o suplente Eduardo Moura, de Barra do Garças. Ele chegou a ensaiar mudança do PPS para o PR, mas recuou da idéia.

   Já em relação à Assembléia, a eventual perda do mandato de Malheiros, Rezende, Wagner, França e Savi, seriam contemplados com vaga no legislativo mato-grossenses os suplentes Pedro Satélite (PPS), Joaquim Sucena, Túlio Fontes, José Carlos de Freitas e Fábio Junqueira (os cinco do PFL). 

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Romoaldo, prescrição e elegibilidade

romoaldo junior 400 curtinha   Assim como Wilson Santos, o deputado Romoaldo Júnior (foto) assegura que hoje também está elegível porque uma condenação de dois anos e três meses de prisão, inclusive com perda do mandato, acabou prescrita. Ele disse que ainda não sabe se disputará...

Juca quer ex-deputado no Gabinete

roberto nunes 400   O presidente do Legislativo cuiabano, vereador Juca do Guaraná, disse que irá convidar o ex-vereador, ex-vice-prefeito e ex-deputado estadual Roberto Nunes (foto) para assumir a Chefia de Gabinete da Presidência. Enfatiza que Roberto é bem articulado politicamente, tem habilidade e experiência e,...

Governo "desmama" senador do Dnit

wellington fagundes 400   O Governo Bolsonaro conseguiu, enfim, "desmamar" Wellington Fagundes (foto) do Dnit. Há décadas, entra e sai governo e o ex-deputado federal por seis mandatos (24 anos) e no cargo de senador desde 2015 vinha indicando apadrinhados no cargo de superintendente regional do Dnit em MT. O último foi Orlando...

Ex-deputado demitido de assessoria

luiz soares 400   O ex-deputado Luiz Soares (foto), hoje com 63 anos, foi exonerado do cargo de assessor parlamentar do contemporâneo Wilson Santos. Ganhava quase R$ 10 mil brutos. Estava lotado no gabinete do deputado tucano havia quase dois anos. Soares é pensionista do extinto Fundo de Assistência Parlamentar, ganhando...

Arsec concede reajuste; prefeito veta

alexandro adriano arsec 400   No último dia 22, a diretoria-executiva colegiada da Agência Municipal de Regulação de Serviços Públicos Delegados de Cuiabá (Arsec), presidida por Alexandro Adriano Lisandro (foto), aprovou índice de reajuste de 2,21% nas tarifas de água e esgoto. E...

Novo ensaio do privilegiado Neurilan

neurilan fraga 400   Neurilan Fraga (foto) transformou mesmo a AMM não apenas num cabide de emprego, mas numa entidade para, em alguns casos, atender a seus interesses pessoais. Ali, investido no cargo de presidente, inclusive já pelo quarto mandato, mesmo não sendo mais prefeito, ele se articula politicamente o tempo todo....

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.