Últimas

Quarta-Feira, 04 de Março de 2009, 07h:40 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:22

CÂMARA DE CUIABÁ

Prefeito cassado e fantasma passa a ganhar R$ 8 mil

    Fernando Ordakowski Clique na imagem para ampliação
Ex-vereador e prefeito cassado de Barão de Melgaço, Marcelo Ribeiro é um dos privilegiados com PCCS

  Um dos últimos atos de Lutero Ponce (PMDB) como presidente da Câmara Municipal de Cuiabá foi contemplar, no bolso, 25 servidores tidos como seus amigos. Ele concedeu reajuste aos "mais chegados" de até 500%. Entre os beneficiados está nada menos que o ex-vereador e hoje prefeito cassado de Barão de Melgaço, Marcelo Ribeiro (PP), que aparece na folha como efetivo mas, no fundo, é considerado fantasma por não comparecer à Câmara para trabalhar. Com o novo Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS) apresentado por Lutero e aprovado no apagar das luzes de 2008, o subsídio mensal pago a Marcelo subiu de R$ 2,8 mil para R$ 8 mil.

   Esse novo PCCS, espécie de trem da alegria com vagão de privilégios, fez tão bem para Marcelo que ele próprio encaminhou um pedido à Mesa Diretora, sob Deucimar Silva (PP), comunicando que fez opção por continuar recebendo pagamento pela Câmara em detrimento do subsídio de prefeito de Barão de Melgaço. Como chefe do Executivo do município vizinho, o salário não chegaria aos R$ 8 mil. Além do mais, o marido da ex-vereadora e hoje deputada Chica Nunes (PSDB) parece que já previa que seria cassado pelo crime de compra de votos.

   Em janeiro, a Mesa trouxe publicação da Portaria 071, para lembrar que Marcelo deveria optar ou pelo salário de servidor da Câmara ou pelo de prefeito. O curioso é que o documento, assinado por Lutero, não especifica a função que o ex-parlamentar exerce. Foi a senha para suspeita de que se tratava de um fantasma. Marcelo vai continuar embolsando quase R$ 100 mil por ano da Câmara da Capital, caso o privilégio do reajuste concedido a ele, dentro do PCCS, seja mantido.

  Tanto Marcelo quanto sua esposa Chica Nunes enfrentam desgaste político por causa de denúncias de envolvimento num rombo de R$ 6 milhões na Câmara de Cuiabá no período em que a tucana foi presidente (2005/2006). Ambos foram denunciados por vários crimes.  

  Em Barão de Melgaço, a situação para o filho do ex-prefeito João Batista se complicou. Eleito com 2.098 votos, Marcelo foi cassado em dois processos e agora o comando do município fica sob Antonio Ribeiro Torres (PSB), segundo colocado nas urnas. A posse deve ocorrer até sexta (6). A Justiça Eleitoral só não autorizou esse procedimento porque Marcelo está "fugindo" da notificação. A oficial de Justiça o procura desde o último final de semana.  

5/03/09 - (15h13) - Lutero diz que Ribeiro não teve reajuste

       O ex-presidente da Câmara Municipal de Cuiabá, vereador Lutero Ponce (PMDB), usou a tribuna nesta quinta (5) para esclarecer que o prefeito cassado de Barão de Melgaço, Marcelo Ribeiro (PP), não foi beneficiado pelo Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS) dos servidores do legislativo municipal. Isto porque a efetivação de Ribeiro como servidor da Câmara, ocorrida durante a gestão do ex-vereador Luiz Marinho (DEM), foi alvo de denúncia anônima na Delegacia Fazendária. "Devido há suspeita de ilegalidade na efetivação do servidor Marcelo Ribeiro, ele não pôde ser enquadrado no PCCS e, com isso, não teve a recomposição salarial", reagiu Lutero.

   Ele também contestou a informação de que concedeu reajuste de até 500% aos servidores. Segundo ele, desde 1996 não há recomposição salarial. "Se observarmos a inflação registrada pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) no acumulado dos últimos 13 anos, o reajuste deveria ser de 250%. O PCCS, contudo, só estabelece recomposição de 20% desse total porque, por uma série de fatores, a Câmara não tem condições de arcar com um reajuste desse porte", ponderou.

Postar um novo comentário

Comentários (38)

  • botelho pinto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    ATENÇAO POVO DE CUIABÁ EXISTEM MAIS

    FUNCIONÁRIOS FANTASMAS NA CAMARA

    MUNICIPAL ALEM DO MARCELO RIBEIRO.

    INCLUSIVE UMA MULHER DE UM EX:

    VEREADOR QUE FOI EFETIVADA SEM

    CONCURSO PÚBLICO EM 2001.

  • adailton | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    parabens ronilson realmente vc conseque tirar esta materias do fundo do poço, porque os outros não publição estes tipos de escandalo essa materia tem de ficar no seu blog pelos mesmo um mes, para que nossa justiça leia e toma alguma decisão contra esta quadrilha, pois isso e uma formação de quadrilha, cade nosso MPE, que não toma nehuma decisão, nosso presidente da camara mucnicipal, cade o presidente da comissão de etica verador POP que não faz nada contra seu lutero.

  • jerry adriani | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Eta..a verdade esta vindo á tona. O Jornalista Clovis Roberto,sempre que vem a barao,fica hospedado na casa do tal ribeiro torres.Estranho ,nao. sE FOSSE SÓ ELE. E OUTRAS TORIDADES. Gente chega de conversa fiada, Marcelo deu uma surra nas urnas, com uma expressiva diferença de mais de 500 VOTOS, num universo de menos de CINCO MIL ELEITORES, disputados por quatro candidatos.Parabens MARCELO, Vencedor.

  • KEISSON JÚNIOR | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Há!!! agora me lembro de uma conversa que tive alguns dias atrás com o Dr. Luiz Otávio Negrão, naquela ocasião ele me dizia que o Marcelo Ribeiro Amava tanto mas tanto Barão, que governaria o municipio e não queria receber nenhum salário pelo seus serviços.....Também com um salário desse que o Luthero lhe ofertou na Câmara de Cuiabá até eu queria.
    Da Licença meu.......

  • joacir | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    ESSE LUTERO PONCE FAZ O QUE QUER NA CAMARA, ´SERÁ QUE NÃO TEM ÓRGÃO COMPETENTE P/ INVESTIGAR ESSA CACHORRADA, CADE O MINISTERIO PUBLICOOOOO,

  • MARCIO | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Pois é seu Marcélo depois do rombo na camara de cbá achei até que nada eria te acontecer, eu já estava com dó da cidade de Barão de Melgaço, bem dito este juiz que te cassou ele é mesmo um heroi Barão te deve um favor imenço. Pois voÇês estavão preste a sofrer o mesmo golpe de cbá mais isso não vai ser possivel graças a Deus e ao Juiz Lideo parabens .

  • Michelle | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    UFFFFFAAAA....
    Vamos lá....

    Queridos leitores do rdnews... principalmente o senhor Fernando Poção!!! Não vamos confundir alhos com bugalhos....

    O PCCS é um direito de todo servidor público, adquirido através da sua qualificação profissional, uma vez que este busca a sua aprimoração para uma melhor prestação de serviço.

    O que infelizmente aconteceu foi o aproveitamento de tal direito, para uma pessoa que ser tem o direito de estar recebendo o salário pela Câmara Municipal, uma vez que lá nem trabalha....

    Não vamos aproveitar de erros anteriores para justificar os erros do presente... O que deve ser feito é JUSTIÇA!

    Ou seja, se houve erro, que o erro seja corrigido e o culpado punido. Mas não vamos nos aproveitar dessa bandidagem para tapar o sol com a peneira e retirar dos servidores que realmente merecem, para apoiar o Sr. Deucimar na sua tirania, uma vez que este simplismente esta fazendo e acontecendo.

    SR. Fernando Poção, dá próxima vez que deixar um comentário, não se esqueça de dizer que o seu tão honrado Presidente da Câmara, pagou os cargos de DAS conforme o PCCS apresentado pelo ex-presidente Lutero Ponce.

  • cesar | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    QUERO dizer a esse cidadao se assim devemos chamar!
    Que se ele acha o marcelo tao honesto assim que o compre e leve p/ sua casa! participei do processo eleitoral de barao e confesso nunca vi algum tao absurdo assim!! bebedeiras bancadas por candidatos festa de aniversarios e candidatos entrando e saido de seçao, eleitores indo votar bebado e outras coisas assim´isso um dia antes da eleiçao ! agora pegunto a onde estava a justiça eleitotal? vamos a onde vai essa decisao judicial!

  • Rodrigo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    vamos invadir a camara e quebrar tudo!!!! só assim esses que se dizem vereadores vão se tocar que o povo cansou e que não aceita mais essa roubalheira sem fim!!!! Quando digo quebrar tudo, isso inclui os vereadores!!!

  • botelho pinto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

Trentini perde de novo para Pitucha

roland trentini 400 curtinha   Na queda-de-braço nos bastidores, o ex-prefeito por três mandatos de Alto Garças, Roland Trentini (foto), perdeu de novo para o rival político histórico, o também ex-prefeito Júnior Pitucha. Ambos, que já protagonizaram disputas acirradas, tensas e...

2 maiores líderes sob crise partidária

mauro mendes 400 curtinha   Os dois maiores chefes de Executivos em MT hoje enfrentam problemas partidários internamente. O governador Mauro Mendes (foto), mesmo sendo a principal estrela do DEM no Estado, não está confortável dentro do partido por causa de conflitos com os irmãos Júlio e Jayme Campos....

MM e deputados derrotados do MDB

carlos bezerra 400 curtinha   Por coincidência, deputados do MDB que tiveram seus candidatos derrotados nas urnas estão de afagos com o governador Mauro. E até convidaram-no para deixar o DEM e migrar para o MDB, numa articulação do cacicão do partido, o federal Carlos Bezerra (foto), que puxou a corda da...

Os Maia fincam força no Legislativo

silvio maia 400   O ex-prefeito por quatro vezes de Alto Araguaia, Maia Neto, perdeu nas urnas na majoritária, mas ganhou na proporcional. De um lado, a irmã Martha Maia, seu braço-direito durante todos os mandatos, foi derrotada à prefeita por Gustavo Melo, que se reelegeu. Por outro, Maia Neto viu dois dos seus...

Reeleito, Gustavo derruba o clã Maia

gustavo melo 400   O jovem prefeito de Alto Araguaia, Gustavo de Melo (foto), de 36 anos, manteve mesmo o "apertado" favoritismo, conforme mostrou na reta final a pesquisa do instituto Analisando, e derrotou o clã Maia. Venceu por 962 votos de diferença. Filiado ao PSB, Gustavo chegou a 4.805, enquanto Martha Maia (PP) registrou 3.840...

Nivelando para cima o debate em VG

emanuelzinho 400   Em discurso na Câmara Federal, Emanuelzinho (foto), 3º colocado a prefeito de Várzea Grande, disse ter ajudado a nivelar, por cima, o debate eleitoral, com grandeza e altivez e se mostra entusiasmado. Destaca que "política se faz com seriedade, transparência e com o coração sintonizado...