Últimas

Terça-Feira, 03 de Julho de 2007, 08h:49 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:16

SAÚDE PÚBLICA

Prefeito e secretário voltam a se reunir nesta 3ª

Guilherme Maluf, secretário de Saúde da CapitalWilson Santos, prefeito de Cuiabá   Após três horas de reunião nesta segunda à noite, o prefeito de Cuiabá Wilson Santos e o seu secretário de Saúde Guilherme Maluf voltam a se reunir nesta terça pela manhã na tentativa de resolver alguns impasses e chegar a um entendimento. Na bronca com o prefeito por falta de respaldo nas negociações salariais com os servidores, Maluf ameaçou entregar o cargo. Vários aliados entraram nas articulações para apagar incêndio, entre eles Carlos Avalone, que perderia a vaga de deputado caso Maluf deixasse a pasta e voltasse a ocupar o posto na Assembléia Legislativa.

    Segundo Maluf, houve avanço na reunião com Santos. "O prefeito está sensível com as nossas propostas de implantação do Plano de Cargos, Carreiras e Salários e também do prêmio". Além do encontro desta terça pela manhã, ele pretende se reunir também com os servidores. Quanto ao impacto na folha, os números do prefeito não batem com os dados levantados pelo secretário. Dentro do PCCS, que contempla a categoria com aumento de 25%, Maluf defende reajuste antecipado de ao menos 15%, o que daria um acréscimo na folha salarial de 4,5%. O prefeito apresenta uma outra planilha em que o impacto seria maior.

   Maluf deseja que o prêmio distribuído a todos os servidores da Saúde da Capital seja incorporado em definitivo. Essa premiação é garantida a partir de um repasse mensal de R$ 1,1 milhão do Estado. O prefeito, por sua vez, pondera. Teme, por exemplo, que em 2008, por ser um ano eleitoral, o governo Blairo Maggi possa vir a cortar o repasse, o que levaria a administração municipal a não pagar mais a gratificação.

    Nesse caso, o secretário adianta que vai procurar o governador. Buscará uma forma de, dentro da parceria, o repasse ser garantido em definitivo. Por enquanto, o médico, empresário e deputado licenciado Maluf não fala mais em deixar a Saúde, detentora de um orçamento de R$ 173 milhões.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Misael nem espera janela e sai do PSB

misael partido 400 curtinha   Misael Galvão (foto), presidente da Câmara de Cuiabá, nem esperou chegar a janela partidária de março para oficializar a saída do PSB, onde esteve filiado por três anos. Para não colocar o mandato em risco, o parlamentar consultou a Justiça Eleitoral e obteve...

TCE-MT aprova e elogia gestão Binotti

binotti 400 curtinha   O conselheiro interino do TCE, Isaías Lopes, rasgou elogios ao primeiro ano de mandato do prefeito e empresário Luiz Binotti (foto), de Lucas do Rio Verde. Relator das contas do exercício de 2018 da prefeitura, com aprovação unânime pelo Pleno, Isaías destacou que os resultados...

Primavera fará 4 intervenções na BR

leonardo 400 curtinha   Com recursos próprios, a Prefeitura de Primavera do Leste fará quatro intervenções na BR-070, no perímetro urbano, com readaptação e construção de trevos para ajustar o trânsito a uma nova e moderna realidade do município com quase 100 mil...

Vice do DEM-Cuiabá elogia gestão EP

joao celestino 400 curtinha   O advogado João Celestino (foto), vice-presidente da comissão provisória do DEM de Cuiabá e ligado ao senador Jayme Campos, se mostra simpático à gestão Emanuel Pinheiro, do MDB. Aliás, na segunda, Celestino fez uma visita ao prefeito e elogiou a...

Prefeito Beto faz mistério sobre apoio

beto farias 400 curtinha   O prefeito de Barra do Garças, Beto Farias (foto), que está no segundo mandato e com a popularidade em alta, não revela quem apoiará para a disputa à sucessão, nem para aqueles aliados mais próximos. Quando perguntado, o emedebista costuma dizer que não está...

Filho de ex-prefeito, enfim, é cassado

thomaz 400 curtinha   Quase dois anos depois de cassado, enfim, o vereador tucano de Chapada dos Guimarães, Thomas Jefferson Xavier (foto), deixa efetivamente o cargo. O juiz Ramon Fagundes Botelho, da 34ª Zona Eleitoral, determinou, em decisão da última quinta (7), que a presidência da Câmara convoque de...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Como você avalia a decisão do Supremo de suspender prisão imediata após julgamento em segunda instância?

Concordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.