Últimas

Sexta-Feira, 25 de Janeiro de 2008, 15h:46 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

MEIO AMBIENTE

Prefeitos discordam dos dados sobre desmates

  Os prefeitos do primeiro e do terceiro município que aparecem no ranking dos que tiveram mais desmatamento ilegal entre agosto e dezembro do ano passado na Amazônia, deram a mesma explicação: o grande número de queimadas no ano passado pode ter sido confundido com a realização de desmatamentos. Nesta quinta (24) o governo federal divulgou uma lista de 36 municípios, sendo 19 de Mato Grosso - confira aqui. Esses 19 terão prioridade nas ações de prevenção e controle de desmatamento, identificados com base em monitoramentos por satélite.

    O mato-grossense Adalberto Diamante, prefeito de Marcelândia, que foi apontada como a cidade que mais desmatou nos últimos cinco meses de 2007, diz que há um controle intenso da secretaria estadual de Meio Ambiente na região e que não houve desmatamento no ano passado. “Tivemos queimadas descontroladas no município, que estão aparecendo nas imagens de satélite como desmatamento”, afirma. O prefeito diz que irá fazer um levantamento detalhado da situação do município, em parceria com organizações não-governamentais e institutos.

     O gestor de Querência, Fernando Goergen, outro município de MT que ficou em terceiro lugar na colocação, também contesta a informação do Inpe. “Devem ter confundido queimadas de pasto com desmatamentos”, afirma, lembrando que no ano passado houve um grande número de áreas queimadas na cidade. “É uma inverdade o que estão publicando”, diz o prefeito. Segundo ele, tanto o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) quanto à Sema fazem uma fiscalização bastante rigorosa em relação aos desmatamentos na região.

    “Qualquer ocorrência de desmatamento é imediatamente denunciada”, alega. O prefeito garante que no município, que tem a economia baseada na agricultura e pecuária, “o meio ambiente e a agricultura vivem em harmonia, desde que seja obedecida a legislação ambiental”.

Izaura Alfonso, prefeita de Alta Floresta    A prefeita de Alta Floresta (MT), Maria Izaura Alfonso, também discorda da inclusão do município na lista dos mais desmatados. “Não sabemos de derrubadas no nosso município. Estamos nos sentindo injustiçados por esta medida”, afirma. A cidade ficou em 23º lugar no ranking das que mais desmataram ano passado. Segundo ela, a prefeitura vai fazer uma reunião com a Sema e com o governador Blairo Maggi para definir ações conjuntas. “Vamos fazer um levantamento, ver o que aconteceu. Não podemos ser penalizados dessa maneira, de jeito nenhum”, diz a prefeita. (Com Agência Brasil)

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • DONIZETE | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    AGORA TODO MUNDO DESCORDA A PROVEITARÃO QUE A SEMA ESTAVA SENDO ENVESTIGADO PELA CPI - E DESMATARÃO AGORA NÃO QUER RESPONSABILIDADE TODO MUNDO NEGA SOU INOCENTE EU FIZ NADA?

  • Francisco França de Campos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    SERÁ QUE ESSES PREFEITOS PENSAM QUE O POVO É BOBÓ? ESSE JOGUINHO É ORQUESTRADO, SÓ QUE O TIRO SAIU PELA CULATRA, POIS CARECEM DE CREDIBILIDADE, ALGUNS INCLUSIVE ESTÃO SENDO INVESTIGADOS POR IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA.

  • ezequiel roque abatti zico | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    também vocês querem oque deram moto serra de ouro pro homem...rsrsrs

  • Josiane Alves Pereira | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    As desculpas não colaram. É só olhar em volta da cidade para perceber que o crime ambiental. Tudo bem tem que se pensar nos produtores, mas as soluções tem ser imediata

Definido novo presidente do Sanear

hermes avila 400   O prefeito Zé do Pátio nomeou à presidência do Serviço de Saneamento Ambiental de Rondonópolis (Sanear) o engenheiro Hermes Ávila de Castro (foto), que tende a se efetivar no cargo. Hermes ocupa a cadeira que, desde janeiro de 2017, pertencia à Terezinha Silva de Souza,...

Afilhado de Bezerra nomeado adjunto

clovis cardoso 400   O MDB, sob o cacique político Carlos Bezerra, "emplacou" mais um filiado histórico em cargo relevante na gestão Mauro Mendes. O advogado e ex-superintendente regional do Incra-MT, Clovis Figueiredo Cardoso (foto), foi indicado e já nomeado para o cargo de secretário-adjunto de Agricultura...

MPE suspende censo previdenciário

jose antonio borges 400 curtinha   O procurador-geral de Justiça, promotor José Antonio Borges (foto), suspendeu o censo previdenciário cadastral dos membros e servidores inativos e pensionistas do MPE. O recadastramento deveria ter iniciado no último dia 11 para ser concluído no final de fevereiro. Borges tomou...

Juca e os 7 secretários da Câmara

andre pozetti 400 curtinha   O presidente Juca do Guaraná definiu sete dos nove secretários que vão ajudá-lo a administrar a Câmara de Cuiabá. O secretário de Administração é Bolanger José de Almeida. O coronel PM da reserva Edson Leite conduz o Patrimônio e...

Morre mais um pastor da Assembleia

pastor jose alves de jesus 400   A Covid-19 transforma mais um pastor da Igreja Assembleia de Deus em vítima fatal. Morreu nesta terça José Alves de Jesus (foto), que presidia há vários anos o Campo Eclesiástico Autônomo da Igreja de Primavera do Leste e região. Ele estava hospitalizado com o...

Mauro e os "cabeças chatas" do CE

mauro mendes 400   O governador Mauro Mendes está disposto a conhecer a experiência da  educação pública  do Ceará, que há anos apresenta os melhores índices no Ideb e é orgulho dos irmãos Ciro e Cid Gomes, ex-prefeitos de Sobral e ex-governadores. Até pretende...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.