Últimas

Quarta-Feira, 21 de Novembro de 2007, 08h:55 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

JUSCIMEIRA

Presidente da Câmara agride policiais e é preso

 Esta é a segunda vez que Arthur se envolve em confusão neste ano

   Embriagado, o presidente da Câmara Municipal de Juscimeira (a 142 km de Cuiabá), vereador Arthur Queiroz Neto, foi detido nesta terça (20), por volta das 23h. O parlamentar, que é visto como "baderneiro" pelos moradores, é acusado de ter agredido dois rapazes, que estavam num bar. Assim que recebeu voz de prisão, o vereador reagiu e lutou com os policiais. Até às 8h30 desta quarta, Arthur Queiroz "amargava" na cadeia pública da vizinha Jaciara a ressaca do feriado prolongado. Esta é a segunda vez que o vereador foi preso neste ano. Em junho, foi acusado de peculato.

   Agora, em mais uma confusão, o parlamentar é visto em estado de embriaguez. Ele estava acompanhado de um menor. Segundo o boletim de ocorrências da PM, os dois começaram a agredir Adilton Bassanezi e Ivan Batista. Além disso, testemunhas disseram que quando a PM chegou no bar onde estava armada a confusão, o vereador começou a provocar os policiais, com palavras ofensivas e chegou a dizer que não admitia ser detido por se tratar de uma autoridade. Não teve jeito. Foi parar na prisão. (Pollyana Araújo com a colaboração de Luis Carlos Guimarães)  

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Donizeth | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    È realmente vergonhoso.
    O povo de Juscimeira merecer coisa melhor, basta saber escolher nas eleições de 2008.
    Chega de irresponsáveis, vamos dar um BASTA.

  • Clayton Cruz | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Como legislador, o Sr. Arthur Queiroz deveria saber que a lei é para todos; mais do que isso, tem obrigação moral de dar exemplo aos munícipes. Se os demais vereadores não quiserem receber o mesmo rótulo dado à Queiroz, devem pedir ao corregedor daquele poder que abra processo administrativo contra seu presidente e ao final, tire-lhe o mandato por descarada falta de decoro parlamentar. Infelizmente, aqui em Sinop em caso parecido, fecharam os olhos para o acontecido.[ ]

  • Lucia Agripina | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    BEM FEITO PARA ESSE VEREADOR. ATE QUE ENFIM ALGUM POLITICO É PRESO NESSE ESTADO.

Sob efeito-cavalo paraguaio em ROO

thiago muniz 400 curtinha   Em Rondonópolis, o candidato a prefeito, vereador e empresário Thiago Muniz (foto), se transformou num cavalo paraguaio, expressão muito usual no futebol quando se refere a um time que dispara no início do campeonato mas, lá pela metade, começa a cair pelas tabelas. Acreditava-se...

Lula na TV deve afundar mais Julier

lula 400   O advogado Julier Sebastião da Silva, que disputa pela segunda vez a Prefeitura de Cuiabá - na primeira, em 2016, pelo PDT, ficou em terceiro lugar e, agora, pelo PT -, levou para o seu horário eleitoral o ex-presidente Lula (foto). A participação, com pedido de voto para Julier, da maior...

Na contramão dos investimentos

jose wenceslau 400 curtinha   Ao invés de reconhecer e aplaudir a iniciativa do governo estadual, que anunciou investimentos de R$ 9,5 bilhões em obras e ações, sendo R$ 6 bilhões (63%) de recursos próprios, a Fecomércio-MT, sob José Wenceslau Júnior (foto), reagiu com críticas....

Filho de ex-deputado rumo a vereador

willy taborelli 400   O coronel PM da reserva e ex-deputado estadual Perry Taborelli, que concorreu e perdeu para prefeito de Várzea Grande em 2016, lançou de novo o filho à cadeira de vereador. Trata-se do jovem advogado Willy Jacyntho Taborelli (foto), de 32 anos. Desta vez, ele concorre pelo PV. Na eleição...

Beto vê aliado como mais preparado

wellington marcos 400   O prefeito de Barra do Garças, Beto Farias (MDB), tem sido um cabo eleitoral fundamental para o candidato à sucessão municipal, advogado e atual vice-prefeito Wellington Marcos (foto), do DEM. Beto, que está concluindo o segundo mandato consecutivo com 80% de aprovação popular,...

Produtores e a unificação de eleições

antonio galvan 400 curtinha   Mato Grosso pode ter três eleições no mesmo dia, 15 de novembro. Isso porque, além das municipais e a suplementar ao Senado, alguns produtores rurais se movimentam para que a escolha do novo presidente da Aprosoja também seja na mesma data das eleitorais. Inicialmente, o pleito da...