Últimas

Quinta-Feira, 01 de Fevereiro de 2007, 06h:23 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

LEGISLATIVO

Presidente, Sérgio controla R$ 12 mi mensais

     O deputado Sérgio Ricardo (PPS) se elegeu presidente da Assembléia em sessão nesta quinta pela manhã com apoio de 21 dos 24 parlamentares. A chapa única só não teve voto de Otaviano Pivetta (PDT), Percival Muniz (PPS) e Saguas Moraes (PT). Mauro Savi (PPS), único que tentou viabilizar candidatura para contrapor a de Sérgio, recuou e virou aliado do bloco majoritário. Com estilo populista, Sérgio terá a missão de conduzir pelos próximos dois anos um dos Poderes mais complexos e desgastados perante a opinião pública. Sob Sérgio e José Riva, reeleito, pela terceira vez, na primeira-secretaria da Mesa Diretora, estará o controle de um duodécimo mensal de R$ 12 milhões.

    Com uma renovação de 58%, a 16ª Legislatura promete debates mais polêmicos e acirrados, apesar de, em relação ao governo, quase todos os deputados serem da base aliada. Jornalista, empresário e apresentador de TV, Sérgio está no segundo mandato de deputado. Se elegeu em 2002, pelo PMN, com 32.092 votos. No ano passado, garantiu a reeleição com 32.615 votos, já pelo PPS. Antes de se tornar deputado foi vereador pela Capital. Tentou, em 2004, candidatura de prefeito de Cuiabá e ficou em terceiro lugar. Além do PMN e PPS, Sérgio Ricardo teve uma passagem meteórica pelo PFL. Agora, vai se filiar ao PR.

    A nova Mesa Diretora para o biênio 2007/2010 estará assim constituída:

Sérgio Ricardo (PPS) -  Presidência
Dilceu Dal Bosco (PFL) - Primeira Vice-Presidência
João Malheiros (PPS) - Segunda-Vice-Presidência
José Riva (PP) - Primeira- Secretaria
Walter Rabello (PMDB) - Segunda-Secretaria
Chica Nunes (PSDB) - Terceira-Secretaria
Ademir Brunetto (PT) - Quarta-Secretaria

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Erros estratégicos e fim de mandato

niuan ribeiro 400   Niuan Ribeiro (foto) termina melancolicamente o mandato de vice-prefeito da Capital, marcado pela ambiguidade, erros estratégicos e vacilações. Logo no início da gestão, resolveu romper politicamente com o prefeito Emanuel, a quem passou a criticar, achando que se consolidaria como...

Retorno ao TCE ou cargo no governo

marcelo bussiki 400 curtinha   A partir de 1º de janeiro, com o fim do mandato de vereador pela Capital, Marcelo Bussiki (foto) retorna ao cargo efetivo de auditor do TCE-MT. Mas é possível que ele seja convidado por Mauro Mendes para compor o quadro de principais assessores do chefe do Executivo estadual. Bussiki foi...

DEM, bate-cabeça e plano B frustrado

fabinho garcia 400 curtinha   O ex-deputado federal e empresário Fábio Garcia (foto) acabou deixando o DEM órfão de candidatura a prefeito da Capital. Numa conversa com o governador Mauro, seu padrinho político, Fabinho o assegurou que iria sim disputar o Palácio Alencastro, mesmo pedindo trégua por...

Mauro sofre 2 derrotas para Emanuel

mauro mendes 400 curtinha   Mauro Mendes (foto), principal estrela do DEM em MT, acabou amargando duas derrotas em Cuiabá para o prefeito Emanuel, neste ano, embora não tenha sido candidato nas urnas. Em princípio, buscou candidatura própria com o seu partido, mas todos os nomes possíveis, como de Gilberto, Gallo,...

Três derrotas do marqueteiro Antero

antero de barros curtinha 400   O ex-senador, jornalista e marqueteiro Antero de Barros (foto) não levou sorte nas campanhas eleitorais as quais coordenou nestas eleições. Em Lucas do Rio Verde, empurrou à reeleição o prefeito Luiz Binotti que, mesmo com o poder da máquina, perdeu para o...

Lideranças jogaram duro contra EP

carlos favaro 400 curtinha   Emanuel Pinheiro teve uma reeleição sofrida em Cuiabá. Lutou contra os principais líderes políticos, que se juntaram em torno da candidatura de Abílio, uns publicamente, outros nos bastidores. O governador Mauro Mendes, por exemplo, jogou pesado para tentar derrotá-lo....

MAIS LIDAS