Últimas

Sexta-Feira, 04 de Janeiro de 2008, 13h:14 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

GÁS NATURAL

Presidente viaja, enquanto crise afeta a MTGás

Helny de Paula, presidente da MTGás  O presidente da MTGás, vereador licenciado Helny de Paula (PR), está viajando em férias com a família, enquanto um "pepino" o aguarda na Capital. O presidente da Bolívia Evo Morales decidiu romper o contrato com o Estado e não enviará mais gás natural à usina termelétrica Mário Covas, em Cuiabá, por um período de um ano. Morales alega se tratar de um "mercado pequeno". Com essa decisão, 18 funcionários da empresa devem ser demitidos nos próximos dias.  

    Desta forma, a MTGás criada em 2003 pelo governo Blairo Maggi com o objetivo de explorar exclusivamente o serviço público de distribuição de gás natural, pode estar com os dias contados. Em 2007, o Estado pagou cerca de  R$ 7,3 milhões à Bolívia, após um reajuste de 253% ocorrido no início do ano. O primeiro contrato com os bolivianos foi firmado em 1998.

    Hoje existem quatro postos na grande Cuiabá que fornecem gás natural. São eles: posto Vip, localizado na avenida Miguel Sutil, o Metropolitano, na Fernando Correa da Costa, o Santa Eliza, situado na General Mello e o posto Zero, na avenida da Feb, em Várzea Grande. A companhia ainda entrega o gás diretamente à empresa Sadia, Várzea Grande.

    Evo Morales comunicou sua decisão em entrevista coletiva nesta quinta (3). Confira na reportagem abaixo. (Pollyana Araújo) 

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • DONIZETE | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    VEJAMOS O SEGUINTE SE A BOLIVIA FORNECE GAS PARA MT. NAO E DE GRAÇA PAGAMOS PELO O PRODUTO. O QUE O GOVENO TENHE QUE FAZE NÃO FORNECE ENERGIA ELETRICA PARA A BOLIVIA BALA TROCADA NAO DOI??????????

  • Carlos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    E o Presidente Lula ainda foi a Bolívia anunciar a volta dos investimentos da Petrobras.
    Nosso país não tem comando mesmo!!!

Ex-prefeito no páreo em Alta Floresta

robson silva 400 curtinha   Alta Floresta, uma das cidades pólos do Nortão, tem sete candidatos a prefeito. Um deles é Robson Silva (foto), empresário, ex-prefeito entre 93 e 96 e que concorre pelo MDB, mesmo partido do prefeito Asiel Bezerra, que está encerrando o segundo mandato e se tornou um dos principais...

Vice sinopense quer retornar à Câmara

gilson de oliveira 400 curtinha   O vice-prefeito de Sinop e apresentador de TV, Gilson de Oliveira (foto), resolveu concorrer a vereador, cadeira já ocupada por ele por dois mandatos, o primeiro pelo PSDB, entre 2005 e 2008, e, depois, pelo PSD (2009/2012). Foi candidato a deputado estadual duas vezes (2006 e 2010) e, como suplente da...

Vice que morreu na praia em Tangará

renato gouveia 400 curtinha   Assim que percebeu que não seria escolhido pelo prefeito Fabio Junqueira (MDB) como o candidato governista na briga pela Prefeitura de Tangará da Serra, ainda em junho, o vice-prefeito Renato Gouveia (foto), do PV, correu para os braços do tucano Vander Masson. Levou com ele uma chapa de 21...

Câmara chama secretária para vaga

chico 2000 curtinha   Após a destituição de Ralf Leite (MDB) da vaga de Chico 2000 (foto), licenciado, por força de decisão judicial, a Câmara de Cuiabá convocou a primeira suplente Luciana Zamproni (MDB) para assumir mandato temporário no Legislativo, menos de 30 dias. Ela atua como...

PTB perdeu uns, mas ganhou outros

emanuelzinho 400   Em Várzea Grande, enquanto alguns militantes do PTB, puxados pelo secretário jaymista Silvio Fidelis foram para os braços do candidato a prefeito Kalil Baracat (MDB), que tem Hazama (DEM) de vice, militantes de outras legendas decidiram abraçar a candidatura do petebista Emanuelzinho (foto). São...

PT de Cuiabá passivo; ROO, autêntico

kleber amorim 400 curtinha   O PT de Rondonópolis se organizou melhor, mobilizou a militância, se tornando mais autêntico do que o núcleo petista de Cuiabá. Para se ter ideia, o partido, numa posição de coragem e levando preocupação ao prefeito Zé do Pátio, que tinha...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.