Últimas

Sábado, 04 de Julho de 2009, 17h:44 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:23

DEBATE

Prisões de oficiais mancham a PM e expõe poder paralelo

  Mesmo em silêncio, a sociedade reage com indignção diante de notícias como a que revela prisão de oficiais da polícia, que custam caro ao Estado, por envolvimento em crimes contra a vida, contra a administração pública, contra o meio ambiente, além de grilagem de terras da União, corrupção, peculato, prevaricação, extorsão e ameaça. Mato Grosso ainda carrega fama do passado de terra do Faroeste. Quadrilhas como a que foi desbaratada pela Polícia Federal nesta sexta reforçam o temor da convivência num Estado com poder paralelo.

    Quantos trabalhadores rurais não morreram na luta pela posse de terra nos grotões, principalmente no Nortão e Araguaia, regiões que mais sentem a ausência do poder público? Quantos grileiros não tiraram proveito econômico de áreas invadidas? Quantos latifundiários e empresários faturam altos até hoje com ações criminosas? Quantos policiais coagem, torturam e matam por dinheiro?

   O coronel da reserva Adaildon Evaristo de Macedo, um dos presos por ligação com a quadrilha, foi comandante-geral da PM. Isso quer dizer que, por alguns meses, mais de 6 mil homens estiveram sob suas ordens. Não se quer dizer, com isso, que trata-se de um homem da alta patente que fez uma gestão desastrosa. O que está em discussão nesse momento é a investigação que veio à tona e o apontou como uma pessoa criminosa. A corporação reserva policiais dignos de vestir a farda e defender a sociedade, mas tem infiltrados, infelizmente, muitos bandidos. Com essas ações paralelas, o cidadão de bem não sabe a quem recorrer porque as instituições de um modo geral, por causa de alguns de seus integrantes mal intencionados, estão caindo no descrédito.

    Leitores indignados

   São muitas as reações nesse sentido. Em comentário postado numa das matérias sobre a operação da PF desta sexta, o leitor João Honesto defende um novo modelo de segurança pública. Segundo ele, seria passo importante para evitar que verdadeiras quadrilhas se instalem no aparelho repressivo estatal. "A sociedade brasileira não pode permitir que privilégios e prerrogativas das patentes dos oficiais PMs cubram práticas de atividades ilícitas no desempenho profissional. A unificação das polícias com controle externo seria o primeiro caminho para impedir abusos, arbitrariedades e perseguições políticas cometidos contra o público interno, especialmente contra os praças (soldados e sargentos", destaca.

   Paulo Sérgio se mostra envergonhado. "Eu acho muito vergonhoso o que está acontecendo com a PM de MT, uma instituição que deveria ser a exemplo de combate ao crime e à corrupção, mas, infelismente, estão encabeçando manchetes jornalísticas de cometimento de crimes". Ele lembra que o coronel Elielson Metello, outro acusado de ligação com a quadrilha, "tinha o hábito de se intitular pessoa honesta e que gostava de acusar os outros PMs e agora está comprovada a sua conduta criminosa."

    O leitor Arci Gallo da Silva escreve que "isso é pouco diante do escândalo da muamba apreendida em Cuiabá, cuja suspeitas recaem em oficiais da PM que atuam na fronteira de Cáceres com a Bolívia, algo milionário que a PM deveria esclarecer à sociedade mato-grossense, afinal de contas, essa instituição é paga com dinheiro do contribuinte e tem seus bons serviços reconhecidos, mas precisa extirpar de seus quadros pessoas que não estejam comprometidas com a missão constitucional da corporação." Em outros comentários, Osmar Júnior e Luis Carlos vão na mesma linha do questionamento ao secretário de Justiça e Segurança Pública, Diógenes Curado, sobre como fica a imagem da PM e da Segurança do Estado diante de um episódio vergonhoso como esse da prisão de oficiais.

   Carlos Gonçalves alerta que na região Sudeste do Estado acontecem também barbaridades envolvendo autoridades e pede para a PF também agir na região porque certamente "vai encontrar muita gente graúda (envolvida em crimes)". Jonail da Costa considera que "a sociedade tem razão de ficar indignada com esses criminosos". "Afinal, pagamos os salários e os benefícios que todos têm". Em seguida, o leitor pondera que não se pode crucificar todos, pois a PM é uma instituição constituída, na maioria, por pessoas sérias.

   O leitor Ronaldo de Souza Brandão, leitor de Tangará da Serra, bate duro, em comentário a uma das matérias postadas pelo RDNews: "(...) Além da ação penal, os oficiais devem ser submetidos ao Conselho de Justificação e excluídos da corporação, pois vossas condutas são indignas e incompatíveis com o oficialato. Quanto maior o posto e a patente, maior deve ser o exemplo e a responsabilidade. Eles não cobravam pelo exemplo, os discursos não eram coerentes com prática, tanta hipocrisia. Sinto-me envergonhado e que sejam tomadas providências enérgicas e efetivas." Brandão lembra também que o hoje comandante-geral da PM, coronel Campos Filho, foi adjunto na época em que a corporação tinha como comandante-geral Adaildon Evaristo. Ele cobra explicações de Campos Filho.

Postar um novo comentário

Comentários (55)

  • carlos jose dos santos | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Não é dificil perceber como a incredulidade nos rodeia por todos os lados.Pergunto oque é incredulidade? Cada vez mais, a gente ouve dizer que hoje não se pode confiar em mais ninguém. Existem muitas causas que faz alguém ser incrédulo. A arrogância é uma marca da nossa sociedade e, uma sociedade arrogante, é um campo fértil para a incredulidade. Obrigado pela oportunidade incredula de relatar uma verdade que nem sempre é aceita.

  • Kaka | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A minha preocupação, como a de muita gente, é a proliferação maciça desta notícia por muito na mídia, fazendo com que começe a cair no esquecimento o caso LUTERO PONCE !! Eu comentei isto dias atrás ! O cara já não é mais considerado foragido, está jurando de pé junto que tudo não passa de intriga do atual Presidente do Legislativo Municipal !!! Eu estou avisando: O caso LUTERO não vai dar em nada !!!!

  • José Roberto Bezerra | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Imagina em que mundo estamos. Quando a gente ve a policia, ao invés de nos sentirmos seguro, a gente sente medo. É esse o sentimento que tenho hoje. Só resta Deus para nós.

  • Antonio Carlos da Silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O Comandante Geral da PMMT, excluiu vários policiais que na sua visão, participaram das manifestações para revendicar aumento salarial. Quero ver o que vai acontecer com esses oficiais. Tenho certeza que vai acabar como outros casos, em pizza!

  • Sou Oficial da PM | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É lamentavel que isso veio a tona somente agora, pois quem é polícia, sabe que coisas como essa ocorre a muito tempo. Nos Batalhões comiamos ossos nos para facilitar o desvio do dinheiro da etapa alimentação. A solução seria renovar esse alto comando da PM, começando pelo comandante geral aos comandantes de CRs.

  • Ricardo Gonçalves da Cunha | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É lamentavel o que vem ocorrendo com a Segurança nos últimos meses. Primeiro acabaram com a ROTAM e FORÇA TÁTICA, única Polícia que os bandidos respeitavam, depois baixaram a Portaria que impedem a divulgação de imagem de autores de crimes e agora isso. Os bandidos agradecem e a população lamenta. Espero que o próximo comandante consiga mudar essa imagem negativa que a polícia passa no momento.

  • Reginaldo Aguilera Haddad | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas.
    Queira, por gentileza, refazer o seu comentário.

  • jose duarte | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Sei sim que é muito triste esses comentarios, mais tenho que faser um pedido, que crucifique apurem com urgençia, e puna os homens que teverem culpas, mais não punem a INSTITUIÇÃO, (POLICIA MILITAR) porque por éla ja passou , passa e irá passar homens e mulheres de grandes ideais e respeito

  • Hellen Pinheiro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Essa e a ATENÇÂO que o Sr. Blairo Maggi da a segurança de nosso Estado, Parabéns Blairo você colocou nosso estado na mídia Nacional mais uma vez

    --------------------------------------------------------------------------------

  • JEDAE | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    POIS É BLAIRO, QUE BELO TRABALHO SEU GOVERNO VEM FAZENDO NO SETOR DE SEGURANÇA, A COISA ANTES NÃO ERA BOA, HOJE É PÉSSIMA. BLAIRO CONSEGUE SER MUITO RUIM NO BÁSICO. ACABOU COM A PRE, COM A ROTAM, ACABOU COM A CREDIBILIDADE DE UMA SOCIEDADE! AINDA TEM GENTE QUE FALA EM FAZER OUTRO GOVERNO! DA LICENÇA!!!!

França elegível; CNJ desatualizado

roberto franca 400 curtinha   O advogado Rodrigo Cirineu, que assumiu a assessoria jurídica da campanha a prefeito de Cuiabá de Roberto França (foto), assegura que o ex-prefeito está elegível. Explica que o cadastro de inelegibilidades do Conselho Nacional de Justiça, constantando ainda o nome de...

Candidato da família Oliveira à Câmara

luluca 400 curtinha   O jovem advogado Luluca Ribeiro (foto) é uma das apostas do MDB por renovação na Câmara da Capital. Concorre a vereador e tende a "herdar" o espólio político da família Oliveira, dos tios Dante, ex-governador que morreu em 2006, e Thelma, prefeita de Chapada dos Guimarães....

Deputado tenta censura e sem êxito

xuxu 400 curtinha   Em duas tentativas, o deputado estadual Xuxu Dal Molin (foto), candidato a prefeito de Sorriso pelo PSC, tentou, sem êxito, censurar o portal Rdnews. Na 1ª Vara Cível da Comarca de Sorriso, Xuxu ingressou com pedidos de antecipação de tutela, pleiteando retirada do ar de matérias que...

Rei do Gado entra numa difícil disputa

mauricao 400 curtinha   O leiloeiro Maurição Tonhá (foto), chamado por muitos de "Rei do Gado", está de volta à disputa eleitoral. O pecuarista com bens avaliados em R$ 19 milhões é candidato pelo DEM a prefeito de Água Boa, muncípio já administrado por ele por dois mandatos. Em...

Ajudando a enterrar CPI do Paletó

luciana zamproni 400 curtinha   O Palácio Alencastro está convicto de que, assim como na primeira votação, o relatório da CPI do Paletó que propõe punição ao prefeito Emanuel e vai ser votado nesta terça, será arquivado pela maioria dos vereadores cuiabanos. O desfalque do...

8 candidaturas e Thelma com chances

thelma de oliveira 400 curtinha   Mesmo sem apoio de nenhum outro partido, a não ser do seu PSDB, enfrentando forte desgaste político e rejeição popular e ainda problemas de saúde, se recuperando de tratamento de câncer de mama, a prefeita Thelma de Oliveira (foto) ainda tem chances de...