Últimas

Quarta-Feira, 17 de Janeiro de 2007, 22h:20 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

JUDICIÁRIO

Processo contra Henry é o 1º a seguir para TSE

    Após ouvir a defesa de Pedro Henry, o presidente do Tribunal Regional Eleitoral, desembargador  Antonio Bitar Filho, encaminhou ao TSE o recurso que pede a cassação do diploma do deputado federal eleito. Henry é acusado pelo Ministério Público Eleitoral de cometer abuso de poder econômico, corrupção, fraude e compra de voto na campanha de 2006.

     Trata-se do primeiro de um total de sete recursos a serem encaminhados pelo TRE ao Tribunal Superior Eleitoral. Se Henry tiver o mandato cassado, a sua cadeira na Câmara ficará com o primeiro suplente Chico Daltro, hoje secretário estadual de Ciência e Tecnologia. Até sexta, será remetido ao TSE processo similar contra o deputado estadual reeleito Mauro Savi (PPS).  Além de Henry e Daltro, o procurador regional eleitoral Mauro Lúcio Avelar ingressou com recurso contra diplomação da deputada estadual eleita Chica Nunes (PSDB) e o reeleito José Riva (PP) e também contra o federal eleito Eliene Lima (PP). Todos negam as acusações.

Teor da denúncia

    No caso de Pedro Henry, o MPE o acusa de utilizar espaço dentro da grade de jornalismo da afiliada da TV Record de Cáceres para fazer propaganda subliminar, de forma privilegiada, a pretexto de destacar a instalação da agência da Caixa Econômica Federal em Pontes e Lacerda. No recurso, o procurador  Avelar escreve: "O requerido Pedro Henry fez uso indevido da televisão - certamente valendo de relações de compadrio com a emissora - para ressaltar suas qualidades como agente público e a importância de sua atuação para o povo da região de Pontes e Lacerda, notadamente para a consolidação desta como pólo de desenvolvimento. Na mesma sequência, sustentou a sua ação como responsável pela criação de empregos e a consequente melhoria de vida da população". Avelar ainda chama atenção para o fato do apresentador de TV fazer elogios a Henry, reeleito com 73.312 votos.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Políticos e prisões nos últimos 2 anos

gaspar lazzari 400 curtinha   Vários políticos, que exerceram mandatos eletivos, como de vereador, prefeito, deputado e de governador, foram em cana nos últimos dois anos em MT. Eis alguns deles com passagem pelo cárcere: ex-governador Silval Barbosa, ex-deputados José Riva, Mauro Savi e Gilmar Fabris e o hoje...

Contratos da MTI vão ser suspensos

kleber geraldino mti curtinha 400   O governador Mauro Mendes vai determinar que o presidente Kleber Geraldino Ramos dos Santos (foto) suspenda todos os contratos da Empresa Mato-Grossense de Tecnologia da Informação (MTI - ex-Centro de Processamento de Dados do Estado), após ser informado de irregularidades em pelo menos dois...

Diretor define contratos emergenciais

alexandre beloto 400 curtinha diretor hospital   O diretor-geral da Empresa Cuiabana de Saúde Pública, Alexandre Beloto Magalhães (foto), tem feito compras emergenciais de materiais hospitalares para surprir demandas, especialmente do São Benedito e do Hospital Municipal de Cuiabá (HMC), que detém uma...

Bancada garante R$ 10 mi para IFMT

neri 400 curtinha   O deputado Neri Geller (foto), coordenador da bancada federal mato-grossense, anunciou destinação de R$ 10 milhões em emendas para o Instituto Federal de Mato Grosso no orçamento de 2020. Dirigentes do IFMT promoveram duas reuniões para debater projetos para melhorar a estrutura física...

Juca e aval do prefeito a projeto social

juca do guaran� curtinha 400   Juca do Guaraná Filho (foto), do Avante, conseguiu sensibilizar o prefeito Emanuel Pinheiro a apresentar uma mensagem à Câmara isentando do pagamento de IPTU os portadores de câncer e HIV. O  projeto foi apresentado originalmente na Câmara Municipal da...

Supremo enterra pedido contra Maluf

maluf_400   A 1ª Turma do STF enterrou de vez um pedido do advogado Waldir Caldas (Novo), ex-candidato ao Senado, que tentava revogar os atos que conduziram o ex-deputado Guilherme Maluf (foto) a uma cadeira no Tribunal de Contas. Caldas queria, ele próprio, ter a chance de ser indicado ao cargo, que era de prerrogativa da Assembleia. O...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O que você acha das denúncias, principalmente sobre pagamento de propina, feitas pelo ex-presidente da AL José Riva, que tenta fechar delação?

São verdadeiras

Nem tudo é verdade

Acho que ele está mentindo

Não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.