Últimas

Sábado, 05 de Maio de 2007, 08h:19 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

LEGISLATIVO

Projeto por transparência cria impasse na AL

   Um projeto de resolução apresentado pelo deputado e empresário Otaviano Pivetta (PDT) acabou criando polêmica e constrangimento a maioria dos parlamentares. O pedetista propõe que, a seu exemplo, todos passem a divulgar as despesas com verba de gabinete. Por enquanto, Pivetta só conseguiu um aliado, o também empresário Chico Galindo (PTB).

    De acordo com o projeto, cada parlamentar pode utilizar o seu próprio portal ou fazer publicação, inclusive listando nome dos servidores do gabinete e os salários. Disse que, agindo assim, será mais um passo importante por transparência. Pivetta já começou a fazer esse tipo de divulgação em sua página na internet www.otavianopivetta.com.br

    Cada um dos 24 deputados recebe mais de R$ 55 mil dos cofres públicos para custear a atividade parlamentar, além de salário mensal de R$ 9,5 mil. A proposta sugerida à Mesa Diretora da Assembléia enfrenta resistência da maioria. "A divulgação desses dados deve ser obrigação nossa, enquanto parlamentares. Devemos satisfação à sociedade", destaca Pivetta. Destaca o inciso IV do artigo 3º da Constituição Estadual, que diz o seguinte: "Cabe ao Estado criar mecanismos que oportunizem o controle, pela coletividade, da legalidade de seus atos e da transparência de suas ações".

   A idéia foi inspirada na Câmara Federal, que também publica em seu site detalhes sobre os gastos dos 513 deputados. Na sua prestação de contas de fevereiro e março, os dois primeiros meses da atual Legislatura, cada um dos 24 deputados estaduais por Mato Grosso recebeu R$ 110 mil. Eles têm à disposição um automóvel modelo Clio Renault.

Postar um novo comentário

Comentários (9)

  • Samir Sebastião da Costa Ribeiro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Apoio esta proposta do Deputado Otaviano Pivetta, pois o recurso vem dos cofres públicos e todo cidadão tem o direito e o dever de fiscalizar como estão sendo gasto o dinheiro recolhido através de seus impostos e contribuições sociais. Parabéns Otaviano

  • Danilo Hellmanns | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Antes de posar de bom mocinho, o deputado Otaviano Piveta precisa mostra como chegou, a cerca de 20 anos, como caminhoneiro e se transformou numa dos homens mais ricos de Mato Grosso. É preciso esclarecer as suas operações com o Banco do Brasil e com a Cooperlucas, onde foi aplicado um golpe bilionário.

    O seu Piveta tem um passado obscuro. Basta lembrar que o ex-gerente do Banco do brasil foi seu secretário de Fazenda na Prefeitura de Lucas. Será porque?

    Falta ao seu Piveta credibilidade e honradez. Ninguém, em qualquer lugar do mundo, fica bilionário da noite apra o dia, a não ser em duas hipóteses: ganhar na loteria ou receber uma herança.

    Como nenhuma dessas alternativas ele se enquadra, não se pode negar que "há algo de podre no reino da Dinamarca", ou melhor, no império Piveta.

  • pedro noronha | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    BELA INICIATIVA DEPUTADO PIVETTA.

  • José Alcantara | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    TODO PROJETO PARA MORALIZAÇAO E TRANSPARENCIA DO PODER PUBLICO MERECE NOSSOS APLAUSOS. VALEU DEPUTADO PIVETTA.

  • Adriano Luis A Souza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Nossa Assembléia precisa de iniciativas como esta. A transparência deveria ser obrigação de todo homem público para com a população. E a Assembléia, pelos tristes fatos que todos sabemos que ocorreram em ocorrem, necessita com urgência de transparência. Parabéns Deputado.

  • Adriano Luis A Souza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Nossa Assembléia precisa de iniciativas como esta. A transparência deveria ser obrigação de todo homem público para com a população. E a Assembléia, pelos tristes fatos que todos sabemos que ocorreram em ocorrem, necessita com urgência de transparência. Parabéns Deputado.

  • Juliano Carvalho | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Que propostas como esta sirvam de EXEMPLO para os agentes políticos do nosso querido Estado. Parabéns, Deputado Otaviano Pivetta.

  • Adriano | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É o sujo falando do mau lavado, mas valeu a iniciativa do Deputado.
    Piveta pede para a Secretaria(Dep Riva) da Assembléia explicar sobre uma Nota Fiscal de Combustivel do mês de março que daria pra abastecer toda a Assembléia durante os próximos 04 anos e tudo isso aprovado pelo pastor marreteiro Sérgio Ricardo

  • Otaviano Pivetta | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Quero agradecer às pessoas que se utilizaram desse espaço para prestar apoio às ações que venho realizando como deputado estadual. É com respeito a essas pessoas e também para esclarecer àqueles que de forma caluniosa se utilizaram desse espaço, que tenho a dizer:

    Desde muito jovem, quando comecei as minhas atividades econômicas, sempre prestei contas à Receita Federal, a quem devo explicações da minha evolução patrimonial.

    Também sempre estive à disposição da justiça para qualquer esclarecimento sobre os meus atos. E não existe até hoje, nenhuma denúncia formal contra minha pessoa.

    O que existiu foi muita calúnia por eu ter sido um homem destemido e ter assumido claramente minha postura na vida pública e privada. Fato que, certamente, contraria muitos interesses.

    A exemplo do que fiz como prefeito por oito anos em Lucas do Rio Verde e nos 33 anos da minha vida de empreendedorismo, já que comecei a trabalhar aos 15 anos, vou honrar os compromissos assumidos com os mato-grossenses.

    É isso que posso garantir: como Deputado vou honrar os votos das pessoas que confiaram em mim, sem receio de contrariar interesses.

    Otaviano Pivetta

Pivetta promete permanecer no PDT

allan kardec 400 curtinha   O empresário Otaviano Pivetta, que se tornou o mais badalado nesta fase de pré-campanha ao Senado por causa da grande logística em torno do seu nome, se encontra numa saia-justa. Para líderes do Podemos com os quais passou a ter afinidade política, como os senadores Álvaro Dias e...

Ao Senado, 2 partidos e apoio para EP

elizeu nascimento 400 curtinha   Elizeu Nascimento (foto), terceiro-sargento PM licenciado, não é nada bobo. Ex-vereador pela Capital e no mandato de deputado estadual, Elizeu hoje controla o DC-MT e ainda levou aliados de confiança para o PSL-MT, partido que ainda está ligado ao presidente Bolsonaro e que só de...

Digital de Selma no apoio para Pivetta

olga lustosa curtinha 400   Mesmo com laços antigos de amizade com Otaviano Pivetta, Olga Lustosa, que está se desligando do cargo de assessora do gabinete da senadora cassada Selma Arruda em Brasília, causou aquele climão dentro do Podemos quando apareceu no encontro do PDT, neste sábado. O ato marcou o...

Fritado ao Senado, Galvan deixará PDT

antonio galvan 400 curtinha   Como já esperado, o presidente da Aprosoja, Antonio Galvan (foto), foi mesmo patrolado dentro do PDT estadual na tentativa de concorrer ao Senado na suplementar de abril. Com a decisão oficial do partido de lançar o vice-governador Otaviano Pivetta à disputa, Galvan agora pensa em sair da...

Contratos suspensos de 7 prefeituras

domingos neto 400 curtinha   O conselheiro do TCE-MT, Domingos Neto, determinou, até julgamento do mérito, a suspensão de pagamento por sete prefeituras à Oscip Tupã. Ele é relator de uma representação feita pelo Ministério Público de Contas contra as prefeituras de Vera,...

Contrariando estatística do governador

silvano amaral 400 curtinha   Mais um secretário de Estado contraria a estatística do governador Mauro, que no ano passado se orgulhou de anunciar que nenhum dos integrantes do primeiro escalão respondia por condenação judicial. O emedebista Silvano Amaral (foto), ex-deputado, ex-secretário de...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Bolsonaro...

excelente

bom

razoável

ruim

péssimo

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.