Últimas

Quarta-Feira, 18 de Março de 2009, 11h:16 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:22

RONDONÓPOLIS

Projeto que cria passe-livre não fica pronto e causa polêmica

    A demora na apresentação do projeto que institui o passe-livre para estudantes em Rondonópolis, uma das promessas de campanha do prefeito Zé do Pátio (PMDB), está gerando polêmica na Câmara Municipal. A proposta ainda está sob análise do Poder Executivo e não há previsão para ser encaminhada ao Legislativo. "Trata-se de um projeto complexo e precisamos levar várias coisas em consideração. É um benefício importante, mas que precisa caber no bolso da prefeitura", argumenta o secretário de Trânsito e Desenvolvimento Urbano, Donizete Aparecido Alves. Ele prefere nem arriscar uma data para que o levantamento seja concluído. "Estamos tentando agilizar. Espero que tudo termine no início do segundo semestre, mas ainda não sei".

    Hoje cerca de 21 mil estudantes estão cadastrados na empresa responsável pelo transporte urbano da terceira maior cidade do Estado. Eles pagam R$ 0,90 por passagem. São beneficiados pela lei federal que prevê que todos os discentes têm direito a 50% de desconto no valor do passe. A tarifa rondonopolitana é de R$ 1,80. Caso Pátio opte pelo mesmo sistema implantado em Cuiabá, onde são concedidos pelo menos 2 passes diários por estudante gratuitamente, cada aluno custará ao município R$ 36/semana, o que equivale a R$ 756 mil mensais. Por ano são investidos cerca de R$ 9 milhões em transporte estudantil. O orçamento de Rondonópolis é de R$ 298 milhões.

   O líder do PR na Câmara, vereador oposicionista Mohamed Zaher, critica a demora na finalização do projeto. Ele disparou as críticas durante sessão da Câmara nesta terça (17). Segundo o parlamentar, está havendo muita morosidade."Não dá para entender a demora para mandar o projeto à Câmara. Será que vão esperar acabar o ano letivo para finalizar a proposta?", dispara. O líder do governo na Câmara, vereador Lourisvaldo Manoel de Oliveira, o Fulô (PMDB), rebate as criticas. "Temos que entender que esse projeto é complexo. Requer atenção e precisamos que seja feito adequadamente". (Patrícia Sanches)

-----------------------------------------------------------------------------

Clique no play e veja mais sobre a polêmica do passe-livre

Postar um novo comentário

Comentários (10)

  • Zeca da Colina | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0


    -Tá todo mundo meio louco.

    -Procurar político com palavra é perder tempo.

    -Um tal de Sachetti prometeu 400 Km de asfalto na cidade.Deixou buracos.

  • Roseli | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Aqui vai meu alerta, ao povo de rondonopolis
    não aceite o passe livre, estão fazendo politica com o dinheiro do povo, como aqui em Cuiaba , na minha opinião esta errado o passe livre, meia esta de bom tamanho, pq , acarreta para o trabalhador, ele quem paga conta, passe livre so para aluno dO primario.

  • mauro de ramos silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    VAMOS RESOLVER ISTO RAPIDO POVO DE RONDONOPOLIS....


    CASSAÇÃO JÁ!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    VAMOS SALVAR RONDONOPÓLIS URGENTE!


    ZÉ ENTREGA O BONÉ, SE VOCE AMA RONDONÓPOLIS COMO DIZIA , ESTA É A OPORTUNIDADE ....

    AGORA SIM O POVO TA CONHECENDO O VERDADEIRO ZÉ DO POOOOOVO.

    ESTE POVO NÃO MERECE TANTA INCOMPETENCIA....POR FAVOR NOS POUPE!!!

  • jose theotonio | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    E dali dali dali 15! esse lado eh o despreparo e esse lado é o despreparo esse ladooo eh o despreparroooo!

  • Luizinho | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Este Zeca da Colina, não pode falar no nome Sachetti, pois este zeca é um bobalhão, não entende de nada.
    O Adilton falou em sua campanha que iria fazer na cidade de Rondonópolis 400 kms de asfalto, portonto, seu beiçudo realmente não fez 400km, na realidade ele fez 453km de asfalto e bom, fora a lama asfaltica que rendeu mais 60km entendeu seu parasita?.

  • barrichelo | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    os vereadores estao achando o que!!!!
    alguns ignorantes nao devem saber!!!!
    voces podem apresentar projetos!!!!!

  • Luiza Amaral da Silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Como eleitora do Zé me sinto lesada.Estudo na UFMT,acreditando nele principalmente na questäo do passe livre,votei e pedi votos .Agora só me resta repetir o que o próprio Zé sempre dizia nas reuniöes que fazia junto com nós-PROMETER E NAO CUMPRIR É PIOR DO QUE MENTIR.

  • Dico | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Alunos e pais de alunos vamos para a rua e pedir o cumprimento da promessa de campanha do prefeito zé do pátio sobre o vale transporte.
    Prometeu tem que cumprir.
    Acontece que o zé do pátio não cumpre nada, nadica de nada.
    Vamos marcar uma data e faremos nossa manifestação pode ser até em frente da prefeitura. Êta zé do pátio que não tem palavra.

  • Gessica | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esse Mohamed pensa que é bonito fazer oposição só criticando e falando coisas pros quatro cantos,já que está tão preocupado com a população, dê sujestões, faça sua parte como vereador e também cidadão, a responsabilidade é de todos.
    Sempre fui da opnião que todos devem fazer sua parte, nesse caso do passe livre, o mais importante não é cobrar do prefeito e sim apresentar sugestões, vc é vereador e foi eleito para trabalhar em prol da população, então faça isso,faça a sua parte.

  • Luizinho | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Passe Livre para os estudantes, temos que cobrar sim o vereador Mohamed está corretíssimo em seus pronunciamentos na câmara de vereadores.
    Pois o prefeito que aí está prometeu a todos os estudantes recebendo os votos dos estudantes e das famílias, agora depois de eleito não tem interesse de implantar, cade a palavra, Cadê a UMES agora é a hora, pega uma carona com os vereadores.
    O zé do pátio já disse para alguns que vai implantar o passe livre, mas somente no último mês de mandato. Isto é correto senhores vereadores? Peço urgência na cobrança do referido passe livre.

Esforço e a contemplação no IFMT

adriano breunig 400   Quem está comemorando exaustivamente e feliz da vida com a vitória de Júlio Cesar para reitor do IFMT é o professor Adriano Breunig (foto), atual diretor de Políticas, Projetos e Avaliação Institucional. Adriano mergulhou na campanha de Júlio. Fez visitas, pediu voto, se...

2 da AL em chapas distintas à AMM

nininho 400   Dois deputados estaduais estão divididos em chapas de honra da eleição da AMM, que acontece no próximo dia 15. O curioso é que Ondanir Bortolini, o Nininho (foto), filiado ao PSD e hoje presidente de honra da entidade comandada pelo segundo mandato consecutivo por Neurilan Fraga (PL), caiu fora da...

Trentini perde de novo para Pitucha

roland trentini 400 curtinha   Na queda-de-braço nos bastidores, o ex-prefeito por três mandatos de Alto Garças, Roland Trentini (foto), perdeu de novo para o rival político histórico, o também ex-prefeito Júnior Pitucha. Ambos, que já protagonizaram disputas acirradas, tensas e...

2 maiores líderes sob crise partidária

mauro mendes 400 curtinha   Os dois maiores chefes de Executivos em MT hoje enfrentam problemas partidários internamente. O governador Mauro Mendes (foto), mesmo sendo a principal estrela do DEM no Estado, não está confortável dentro do partido por causa de conflitos com os irmãos Júlio e Jayme Campos....

MM e deputados derrotados do MDB

carlos bezerra 400 curtinha   Por coincidência, deputados do MDB que tiveram seus candidatos derrotados nas urnas estão de afagos com o governador Mauro. E até convidaram-no para deixar o DEM e migrar para o MDB, numa articulação do cacicão do partido, o federal Carlos Bezerra (foto), que puxou a corda da...

Os Maia fincam força no Legislativo

silvio maia 400   O ex-prefeito por quatro vezes de Alto Araguaia, Maia Neto, perdeu nas urnas na majoritária, mas ganhou na proporcional. De um lado, a irmã Martha Maia, seu braço-direito durante todos os mandatos, foi derrotada à prefeita por Gustavo Melo, que se reelegeu. Por outro, Maia Neto viu dois dos seus...