Últimas

Domingo, 10 de Fevereiro de 2008, 15h:50 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

ARTICULAÇÃO

PT abre debate com candidatos e busca alianças

   Em reunião neste sábado (2), a Executiva Municipal do PT de Cuiabá, agora sob Vilson Aguiar, decidiu que vai chamar para o debate todos os pré-candidatos do partido a prefeito e a vereador. Serão realizados vários seminários. Aprovou também a idéia de abertura de diálogo com outras agremiações partidárias, com vistas à política de alianças para a disputa à sucessão do prefeito Wilson Santos (PSDB).

   Já no decorrer desta semana, o diretório petista da Capital pretende se reunir com PDT, PSB e PC do B. Segundo Vilson, é possível construir uma frente de oposição na corrida pelo Palácio Alencastro. Ele defende que o PT promova seminários com seus candidatos e, ao mesmo tempo, busque aproximação com algumas legendas partidárias.

   O PT conta com nada menos que 56 pré-candidatos a vereador, entre eles a ex-deputada Vera Araújo, a sindicalista Helena Bortolo e os atuais vereadores Lúdio Cabral e Enelinda Scala, que vão à reeleição - saiba mais aqui.

   Na lista de "prefeitáveis" petistas estão Vicente Vuolo, o Vuolinho, Alencar Farina, Jairo Rocha e o deputado federal Carlos Abicalil, novo presidente da agremiação petista no Estado.

    Os seminários temáticos nas áreas da educação, saúde, transporte e regularização fundiária vão ser coordenados pelo secretário-geral da Executiva, Benedito Santana, o Ditinho. Ele tem 30 dias para apresentar um estudo e planejamento sobre esses eventos.

    Vilson Aguiar, que sucede Jairo Rocha no comando do PT municipal, observa que vai conversar com o dirigente Abicalil no sentido do partido mergulhar logo nos debates internos com vistas à definição de uma candidatura a prefeito. Ele defende projeto próprio, mas sem fechar as portas para o diálogo com outras siglas.

   Nas últimas eleições municipais em Cuiabá, o PT tem priorizado candidatura própria. Nunca conquistou a prefeitura. O que reuniu maiores chances foi Alenxadre Cesar, em 2004, quando disputou o segundo turno com o tucano e hoje prefeito Wilson Santos.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Silvio provoca debandada no PTB-VG

silvio fidelis 400 curtinha   Silvio Fidélis (foto), afilhado político de Chico Galindo e que se tornou fiel escudeiro da prefeita várzea-grande Lucimar Campos, de cuja gestão é secretário de Educação, provocou debandada geral no PTB local. Inconformado com a decisão de Emanuelzinho de...

PTB tem 25 e deve eleger 2 à Câmara

misael galvao 400 curtinha   O PTB lançou 25 nomes a vereador em Cuiabá. E a tendência é de eleger entre um e dois. As maiores apostas são os seus próprios vereadores: Misael Galvão (foto) e Adevair Cabral, respectivamente, presidente e primeiro-secretário da Mesa Diretora da Câmara....

Retorno à Câmara após 6 mandatos

fulo 400 curtinha   Figura bastante popular, especialmente na região da Vila Operária, Lourisvaldo Manoel de Oliveira, o Fulô (MDB), que foi vereador de Rondonópolis por seis mandatos, está de volta. Hoje suplente, ele assume provisoriamente nesta segunda a cadeira do titular Thiago Muniz, que pediu licença...

Bolsonaro nem aí para políticos de MT

nelson barbudo 400 curtinha   O cerimonial da Presidência da República deu de ombros para os políticos, inclusive para a bancada federal mato-grossense, na visita de Bolsonaro, sexta, em Sinop e Sorriso. Alguns tentaram, de forma insistente, tirar foto com o presidente. E até conseguiram. Mas o capitão preferiu...

Tião com Flávio e "pau" nos Campos

tiao da zaeli 400 curtinha   A maior bronca dos Campos em Várzea Grande hoje é com o ex-prefeito Tião da Zaeli (foto), que motivou o amigo e empresário Flávio Vargas, dono do frigorífico Frical, a entrar na disputa à sucessão municipal. E Flávio conseguiu construir um amplo arco de...

A única dos maiores fora da reeleição

rosana martinelli 400 curtinha   Seis dos 10 prefeitos dos maiores municípios de MT poderiam disputar a reeleição neste ano por estarem no primeiro mandato ou já tendo exercido outros não consecutivos. E, destes, somente Rosana Martinelli (foto), de Sinop, não se recandidatou. Percebeu dificuldades...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.