Últimas

Sexta-Feira, 20 de Junho de 2008, 13h:17 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:21

EXCLUSIVO

PT Nacional mantém Portocarrero e deixa o PR

   A Executiva Nacional do PT decidiu nesta sexta (20) em reunião em Brasília, que vai manter a candidatura a prefeito da Capital do arquiteto João Afonso Portocarrero. Com isso, o PT se vê obrigado a desfazer a coligação já firmada com o PR do pré-candidato Mauro Mendes e tira também a chance da ex-deputada Vera Araújo, a Verinha (PT), de ser a vice de Mendes. Portocarrero, que havia vencido as prévias contra o médico Alencar Farina e, por isso deveria disputar a sucessão municipal havia sido "engolido" pelos petistas que são favoráveis à aliança com os republicanos.

    A retirada da candidatura de Portocarrero provocou a revolta em alguns dirigentes da sigla, como, por exemplo, no ex-deputado Gilney Viana e na vereadora Enelinda Scala, que lideraram o "movimento" em defesa do restabelecimento do projeto próprio.

    Agora, com a resolução da Nacional em mãos, os petistas Enelinda, Gilney e o próprio Portocarrero retornan à Cuiabá para anunciar que o PT terá candidatura própria na disputa pelo Palácio Alencastro. (Pollyana Araújo)

(Às 13h35) - Vera não pode mais ser vice de Mendes

Vera Araújo fica impedida de compor chapa com PR  As correntes Articulação de Esquerda e Unidade na Luta (ex-Campo Majoritário), mesmo sendo majoritárias dentro do PT, assistem mais uma derrota no embate sobre a sucessão municipal em Cuiabá. José Portocarrero venceu as prévias, com apoio das tendências Graúna, do vereador Lúdio Cabral, e da Utopia e Vida, do ex-deputado Gilney Viana e da vereadora Enelinda Scala. Mesmo assim, o pré-candidato petista acabou vetado pelos grupos comandados por Jairo Rocha e Vilson Aguiar, que se uniram aos deputados Carlos Abicalil, Alexandre Cesar e Ságuas Moraes. Acontece que o encontro dos delegados municipais, que serviria para referendar o nome de Portocarrero, não aconteceu por falta de quórum. A decisão foi empurrada para a direção estadual, sob Carlos Abicalil. Este, por sua vez, levou o PT para os braços do pré-candidato Mauro Mendes. Nas negociações, os petistas emplacaram Verinha de vice. Agora, diante da decisão da direção nacional de aprovar projeto próprio, o PT terá de desconsiderar o acordo com o PR e, com isso, Verinha, que até pediu exoneração do cargo de secretária-adjunta da secretaria estadual de Educação para ganhar legitimidade na disputa, se vê fora do páreo.

(14h20) - Mauro Mendes diz que nada muda sobre PT

   O pré-candidato do PR, empresário Mauro Mendes, disse que a informação que ele recebeu do PT é o contrário do que foi divulgado pelo RDNews acima. Segundo o republicano, que aposta na manutenção de Vera Araújo de vice da chapa, a resolução baixada pela Executiva Nacional anula a prévia, da qual José Portocarrero saiu vitorioso, exclui o próprio Portocarrero da disputa e a decisão agora sobre o rumo do PT na Capital será decidida em conjunto pelos diretórios estadual e nacional. "Foi essa a informação que a direção do PT de Cuiabá passou para a gente. Então, nada deve mudar", enfatiza Mauro Mendes.

(Às 12h31)PT respeitou as prévias, comemora Enelinda

   A vereadora Enelinda Scala comemora a permanência da candidatura de Portocarrero. Ao contrário do que disse Mendes, a petista declara que a resolução da Executiva Nacional da sigla determina a anulação do acordo firmado com o PR. "Essa aliança foi desfeita pelo Nacional em respeito ao nosso estatuto". Ela diz ainda que agora a Nacional é quem conduzirá o processo na Capital. "Todas as questões vão ser conduzidas em Cuiabá. Estamos vitoriosos porque o PT Nacional respeitou as prévias".

   Enelinda conta que já esperava por essa decisão favorável a Portocarrero. "Tínhamos essa  expectativa tanto que lutamos até o último minuto pela homologação do nosso candidato a prefeito". Segundo Enelinda, essa resolução determina que Portocarrero discuta com as forças do PT e que ainda converse com o PR sobre essa decisão.

(16h) - Composição será mantida, garante Abicalil

Carlos Abicalil, presidente estadual do PT  O presidente do PT regional, deputado federal Carlos Abicalil, divulgou o conteúdo da resolução da Executiva Nacional, que julgou o recurso impetrado pelo arquiteto José Portocarrero, sobre a escolha de candidatura a prefeito em Cuiabá. A decisão desmente as informações fornecedidas pela vereadora Enelinda Scala, porta-voz de Portocarrero, já que caberá à direção estadual, com intervenção da nacional, definir o rumo do partido. De acordo com Abicalil, vai prevalecer a decisão da maioria, que é manter composição com o PR e com PMDB. Assim, Verinha volta a manter o nome como vice da chapa de Mauro Mendes.

   Eis, abaixo, o que traz a resolução:

 "A Comissão Executiva Nacional do PT reunida hoje (20) em Brasília (DF) aprovou a Resolução nos seguintes termos:
1) Estão anuladas as decisões da Comissão Executiva Estadual do PT/MT, referentes à candidatura a prefeito e a vice de Cuiabá;
2)  A Comissão Executiva Nacional do PT determina ao candidato do PT em Cuiabá, José Afonso Botura Portocarrero, que atenda a posição da maioria do PT em Mato Grosso e também em Cuiabá, expressa pelas decisões da Comissão Executiva Estadual e da Comissão Executiva Municipal;
3) A Comissão Executiva Nacional mandata o presidente Nacional do PT e coordenador do Grupo de Trabalho Eleitoral para acompanhar o processo, devendo convocar a Comissão Executiva Nacional para deliberar em caráter terminativo sobre a tática eleitoral em Cuiabá."

   Segundo Abicalil, o diretório estadual via encaminhar a resolução da Nacional, que é respeitar a decisão da maioria em Cuiabá, ou seja, composição com o PR e PMDB. Pela resolução, a decisão será tomada na instância da Executiva Estadual com acompanhamento do representante do Diretório Nacional.

Postar um novo comentário

Comentários (20)

  • Claudio Costa | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Será que o Abicalil não é o Osama Bin Laden disfarçado? Êh sujeitinho cruel. Sua vida parlamentar se resume a unicamente urdir contra quem ele considera ser ameaça ao seu queridinho não sei nada Lula.
    Em Brasília ele é conhecido pelo trabalho sujo que faz para defender o seu PT ( partido das têtas) da oposição.
    Mato Grosso nunca foi tão mal representado no Congresso como agora, tanto no senado como na Câmara Federal.

  • valdevino souza de amorim | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Parabéns ao RDnews e equipe, pela velocidade de apuração da notícia. Com certeza é o melhor veículo de comunicação digital da capital. Quanto a matéria sobre o PT, parabéns ao guerreiro gilney viana e seguidores pela luta contra os entreguista da cigla. A pergunta que fica no ar é: e agora turma do desmatamento, como fica a cria inventada que até o momento não passou de dois dígitos nas pesquisas?

  • Roberto Barbosa | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    oh, coitado vai ficar falando sozinho, pois essa resolução determina que o Portocarreiro acate a decisão da maioria.
    Portanto ele ainde é candidato por mais 02 dias.
    E tera que renunciar, ou acatar a decisão que sera tomada segunda ou terça-feira, ele não tem maioria na Executiva ou no Diretirio Municipal e nem a maioria dos delegados.

    É um Napoleão sem o seu cavalo!

  • Marcelo Arruda | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Romilson a aliança foi mantida e Vera Araujo será a candidata a vice de Mauro Moraes (PR).
    O que aconteceu foi que o PT nacional ensaiou que zerou o processo e madará um representate para confirmar a aliança.
    Vc acha que um deputado federal (Carlos Abicalil)que tem voto no congresso nacional, um deputado estadual (Saguas Morães) vão perder para meia dúzia de gatos pingados coladores de cartazes daqui de Cuiabá. Pare com isso, política é voto.

  • Luiz Inácio Leal | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Lógico que o tratoraço de Abicali, Alexandre e a antidemocracia de Vilson Aguiar e de Jairo Rocha vão tentar anular a decisão do nacional, mas os petistas militantes estão prontos pra briga. A maioria já escolheu, na prévia, o professor Portocarrero. Vitória da democracia interna do PT. Derrota dos neocaciques petistas.

  • Gilmar | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Os petistas trangenicos em apuros, parabens a os verdadeiros petistas.

  • EDGAR MARQUES | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Não sou petista,vamos pra frente, Jose Afonso P ortocarreiro e pedra marcada, vai levar porrada, tem muita coisa que ele fez na prefeitura de errado no passado, a melhor escolha pra dar arroxo pro Wilson Santos e a Vera Araujo (verinha), sem macula, sem sujeira, limpa com servidor da prefeitura de Cuiaba,ja ajudou muito os servidores da educação,de cabeça erguida, é sevidora da Prefeitura, como Jaci Proença, ta no embate, corpo a corpo,vamos pra frente que e o melhor pra Cuiaba.......sai fora portocarreiro.

  • Jeferson Lobato | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Lamentavel,

    Este sitio deveria priorizar a informação ao invés do comentário da informação por parte de um lado.

    A resolução do PT Nacional é bem clara, basta ler.

    CUIABÁ 2008: Decisão da Executiva Nacional do PT
    A Comissão Executiva Nacional do PT reunida hoje em Brasília (DF) aprovou a Resolução nos seguintes termos:

    1) Estão anuladas as decisões da Comissão Executiva Estadual do PT/MT, referentes à candidatura a prefeito e a vice de Cuiabá;

    2)A Comissão Executiva Nacional do PT determina ao candidato do PT em Cuiabá, José Afonso Botura Portocarrero, que atenda a posição da maioria do PT em Mato Grosso e também em Cuiabá, expressa pelas decisões da Comissão Executiva Estadual e da Comissão Executiva Municipal;

    3)A Comissão Executiva Nacional mandata o presidente Nacional do PT e coordenador do Grupo de Trabalho Eleitoral para acompanhar o processo, devendo convocar a Comissão Executiva Nacional para deliberar em caráter terminativo sobre a tática eleitoral em Cuiabá;

    Brasília, 20 de junho de 2008

    Fazendo a leitura da resolução, percebe-se a verdade.

    Obrigado, Cara-Pálida!

  • Roberto Barbosa | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Entenda uma coisa Gilmar B. como você acha que seria uma campanha sem a maioria dos candidato a Vereador e com um candidato que não tem dencidade eleitoral, e que não impolga a militancia eu te pergunto você, o Ludio, Enelinda(a Sanfoneira), o Gilney que aparesse de fez e quanto vão levar essa bandeira pra onde, qual tendencia vai assumir a campanha do Portocarreiro a Otopia e Vida vai cuidar da campanha da Sanfoneira, o Grauna e o agrupamento do Ludio, o MCCE é que não vai, o papel do MCCE que é fiscalizar. O seu parente Dep. Brunetto vai cuidar os candidatos da base dele. Não se iLudi@, quem tem acordo com o Avalone vai ter estrutura de campanha, qum esta sendo massa de manobra não vao ter é nada.

  • Azappa | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Esta aliança entre a alta cúpula do PR - PT pode ser considerada como ideologicamente pornográfica.

    Espero que exista um mínimo de lucidez e coerência na Executiva Nacional para anular esta desfaçatez para com a militância do PT e para com seus eleitores.

    De qualquer forma o que o PT tem de melhor sempre foi a garra, a força e o comprometimento de sua militância.

    A perdurar esta injustiça antidemocrática quero ver o que a - alta burguesia petista - irá fazer sem a mobilização de sua base, sem o envolvimento ativo de sua aguerrida militância.

    Se esta - alta burguesia petista - considera que somente tempo de televisão e muito dinheiro ganha uma eleição, estão enganados.

    Ainda mais que terão enfrentar e reverter um quadro político eleitoral extremamente competitivo, com um candidato perfil chapa branca, mauricinho e - menino prodígio - do Blairo Maggi.

    Postado em 20 de junho às 15:54

PTB tem 25 e deve eleger 2 à Câmara

misael galvao 400 curtinha   O PTB lançou 25 nomes a vereador em Cuiabá. E a tendência é de eleger entre um e dois. As maiores apostas são os seus próprios vereadores: Misael Galvão (foto) e Adevair Cabral, respectivamente, presidente e primeiro-secretário da Mesa Diretora da Câmara....

Retorno à Câmara após 6 mandatos

fulo 400 curtinha   Figura bastante popular, especialmente na região da Vila Operária, Lourisvaldo Manoel de Oliveira, o Fulô (MDB), que foi vereador de Rondonópolis por seis mandatos, está de volta. Hoje suplente, ele assume provisoriamente nesta segunda a cadeira do titular Thiago Muniz, que pediu licença...

Bolsonaro nem aí para políticos de MT

nelson barbudo 400 curtinha   O cerimonial da Presidência da República deu de ombros para os políticos, inclusive para a bancada federal mato-grossense, na visita de Bolsonaro, sexta, em Sinop e Sorriso. Alguns tentaram, de forma insistente, tirar foto com o presidente. E até conseguiram. Mas o capitão preferiu...

Tião com Flávio e "pau" nos Campos

tiao da zaeli 400 curtinha   A maior bronca dos Campos em Várzea Grande hoje é com o ex-prefeito Tião da Zaeli (foto), que motivou o amigo e empresário Flávio Vargas, dono do frigorífico Frical, a entrar na disputa à sucessão municipal. E Flávio conseguiu construir um amplo arco de...

A única dos maiores fora da reeleição

rosana martinelli 400 curtinha   Seis dos 10 prefeitos dos maiores municípios de MT poderiam disputar a reeleição neste ano por estarem no primeiro mandato ou já tendo exercido outros não consecutivos. E, destes, somente Rosana Martinelli (foto), de Sinop, não se recandidatou. Percebeu dificuldades...

Poconé tem 4 no páreo; Euclides dança

euclides santos 400 curtinha   Em Poconé, o ex-prefeito Euclides Santos (foto) nadou e morreu na praia. Numa queda de braço dentro do PSDB, Euclides, que havia se mudado para Cuiabá e tem o filho na disputa para vereador, perdeu espaço e autonomia para a ex-prefeita Meire Adauto, presidente municipal da legenda tucana e...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.