Últimas

Quinta-Feira, 04 de Janeiro de 2007, 06h:48 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

Artigo

Que ninguém nos roube...

    O professor e diretor-executivo da Funec, Sérgio Cintra, conta, em artigo abaixo, como imagina o mundo em duas ou três décadas.

   Confira.

    Que ninguém nos roube o pouco que fizemos. Que ninguém diga que não estivemos lá.Que possamos, sem medo de contar, dizer aos nossos filhos e netos que não nos escondemos, que não fechamos os olhos e calamos a boca quando o sinal fechou. Que nos seja permitido contar e cantar nossas tristes e derrotadas memórias para que o tempo, ao menos o tempo, nos honre. Não que queiramos medalhas; todavia, que nos dêem o direito de reviver nossas lutas inglórias. Se não as ganhamos, pelo menos as lutamos.

     Que a aurora que brota no horizonte renove, em seu vermelho, nossa disposição para novas lutas. Que não nos conformemos nunca e que nossas bocas jamais percam a capacidade de gritar. Que não feneça o sonho de uma sociedade justa, mesmo que não tenhamos o privilégio de nela vivermos. Que a injustiça, a inveja e o ódio não façam morada em nossos corações. Que não habite em nós a mediocridade, mas que nossos olhos olhem como se sonhássemos sempre.

     Assim eu imagino o mundo em duas ou três décadas: com mais árvores e menos desmatamentos; com mais rios despoluídos e menos devastação; com muita paz e sem violência; sem força do dinheiro e que a solidariedade nasça com as crianças; que palavras como analfabetismo, preconceito, desnutrição, corrupção, fome, racismo, miséria e desigualdade estejam condenadas ao silêncio dos dicionários. Que todos possam andar de cabeças erguidas e as mesas sejam fartas por igual.

    Impossível que a impassibilidade e a indiferença ainda continuem a ter abrigo no coração humano. É necessário que façamos dias mais completos para todos. A sociedade nova virá através das nossas ações, por pequenas que sejam; todavia constantes. Que os sonhadores que ainda restam se transformem em arautos das verdades negadas pelos poderosos e opressores. Que possamos usar a liberdade conquistada na luta contra as baionetas e calabouços para suplantarmos as mentiras, as demagogias e a tirania do capital.

    E que ninguém nos roube a capacidade de nos indignarmos e que continuemos doces e singelos como as criancinhas porque, como nos ensinaram Leon Gieco e Raul Elwanger nas vozes de Mercedes e Beth Carvalho: “Eu só peço a Deus que a dor não me seja indiferente, que a morte não me encontre um dia solitário sem ter feito o que eu queria. Eu só peço a Deus Que a injustiça não me seja indiferente, pois não posso dar a outra face se já fui machucado brutalmente. Eu só peço a Deus que a guerra não me seja indiferente, é um monstro grande e pisa forte toda pobre inocência desta gente. Eu só peço a Deus que a mentira não me seja indiferente, se um só traidor tem mais poder que um povo; que este povo não esqueça facilmente. Eu só peço a Deus Que o futuro não me seja indiferente, sem ter que fugir desenganado pra viver uma cultura diferente.”

     Sérgio Cintra é professor e diretor executivo da FUNEC (sergiocintra@terra.com.br)

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Câmara de Barra devolve R$ 100 mil

joao rodrigues 400 presidente c�mara barra do gar�as   A Câmara Municipal de Barra do Garças devolveu à prefeitura R$ 100 mil para serem investidos em medidas de combate ao novo coronavírus. O presidente do Legislativo, vereador João Rodrigues de Souza, o doutor...

Auditor assume Secretaria de Controle

demilson nogueira 400   O auditor Newton Gomes Evangelista, servidor de carreira, é o novo secretário de Controle Interno da Assembleia. Ele já respondeu também pela Auditoria-Geral da Casa. Newton assumiu a Controladoria Interna no lugar do ex-prefeito de Ponte Branca, Demilson Nogueira (foto), que deixou o posto...

Cuiabá é a unica com tudo fechado

emanuel pinheiro curtinha   A pressão sobre o prefeito Emanuel Pinheiro (foto) fica agora mais forte para flexibilizar logo o decreto restrito por causa do coronavírus. Ele é o único dos gestores das maiores cidades mato-grossenses que ainda mantém decisão de fechar praticamente tudo na Capital, com...

Deputado põe aliado no lugar do irmão

ronaldo taveira 400 curtinha   Coube ao próprio deputado Wilson Santos indicar um nome para o lugar do irmão Elias Santos, que na última sexta (3) deixou a secretaria de Gestão de Pessoas da Assembleia para concorrer a vereador em Cuiabá. E o ex-prefeito emplacou no cargo que rende R$ 19,9 mil mensais o velho...

Sem alarde, vereador muda de partido

viniciys clovito curtinha   De última hora e sem alarde, o vereador pela Capital Vinicyus Hugueney (foto) resolveu deixar o PP e se filiou ao Solidariedade. Com isso, o PP não se torna o único com a maior bancada. Está com três vereadores, assim como o PV e o PSDB. No SD, Vinicyus vai concorrer internamente com...

Irmão de Thelma na lista dos traidores

ronaldo pimentel 400 curtinha   Na carta aberta assinada por Ricardo Saad, que preside o PSDB cuiabano, ele reclama de dívidas milionárias herdadas de antecessores, inclusive dos R$ 4 milhões de pendências somente do pleito de 2016, e menciona, entre outras coisas, que "(...) há correligionários, que estavam...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você concorda com a decisão de prefeitos, que começam a decretar estado de emergência, fechando comércio, serviços públicos e o transporte coletivo?

sim

não

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.