Últimas

Quarta-Feira, 18 de Abril de 2007, 09h:57 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

Artigo

Quem persegue o Brasil?

 

    A síntese do que aconteceu à economia brasileira nos últimos 25 anos (a geração de 1980) está revelada na tabela abaixo, na qual se registra a participação do valor das nossas exportações em relação às do mundo. Corremos apenas para ficar parados.
    Enquanto o nosso PIB per capita cresceu 25%, o da Coréia cresceu 280% (onze vezes), e o da China, 670% (27 vezes!). O controle do câmbio no programa do Real produziu uma tragédia externa. Terminamos 2002 com a fantástica relação de 2,7 entre a dívida externa líqüida e a exportação de bens e serviços.
    A partir de então, a rápida expansão do comércio mundial aumentou ao mesmo tempo a quantidade e os preços dos nossos produtos exportáveis e ajudou-nos a superar o problema. Hoje a dívida externa líqüida é da ordem de 0,5 das exportações (contra 2,7 em 2002), e as reservas ultrapassaram US$ 110 bilhões (contra US$ 17 bilhões em 2002). Ela é maior do que a dívida externa pública, o que nos dá imensa tranqüilidade. É esta que está permitindo, outra vez, o uso oportunístico da taxa de câmbio para o controle da inflação. O que é preciso perguntar é por que em 25 anos as exportações brasileiras cresceram 6,8 vezes enquanto as exportações coreanas cresceram 19 e as chinesas, 53,6.
    A resposta é simples e não admite tergiversação: nossas exportações não foram prejudicadas por nossos concorrentes ou pela nossa ineficiência, mas pelos nossos próprios governos, com políticas cambiais que insistimos em reproduzir, sempre com os mesmos "argumentos"! Congelamos a taxa cambial no Cruzado; submetêmo-la ao controle em várias experiências malsucedidas até 1989; congelamos, de novo, no Plano Collor e, no Plano Real, ela foi "super" valorizada na experiência tupiniquim de "desinflação competitiva" (à custa de uma taxa de juro real de 20% ao ano!).
    Agora repetimos o mesmo erro com o "slogan" simplista de que "o problema não é da taxa de câmbio, mas da produtividade"! Quando vamos amadurecer?

----------------------------------------------------------------------------
Antonio Delfim Netto escreve às quartas-feiras nesta coluna - contatodelfimnetto@uol.com.br
 

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Desembargadores recebem 6 auxílios

maria helena povoas 400   O Tribunal de Justiça de MT, presidido pela desembargadora Maria Helena Póvoas (foto), vai pagar uma série de direitos e vantagens que "engordam" substancialmente o subsídio de seus magistrados e que foram programados pelo ex-presidente Carlos Alberto para liberá-los no orçamento...

Hospital cobra R$ 2,4 mi da prefeitura

luiz carlos pereira 400 tce   O Instituto de Saúde Santa Rosa recorreu ao TCE, na esperança de encontrar respaldo para receber R$ 2,4 milhões da secretaria de Saúde da Capital. Argumenta que a prefeitura, com quem mantém contrato desde 2019, está inadimplente, pois não teria pago integralmente os...

Definido novo presidente do Sanear

hermes avila 400   O prefeito Zé do Pátio nomeou à presidência do Serviço de Saneamento Ambiental de Rondonópolis (Sanear) o engenheiro Hermes Ávila de Castro (foto), que tende a se efetivar no cargo. Hermes ocupa a cadeira que, desde janeiro de 2017, pertencia à Terezinha Silva de Souza,...

Afilhado de Bezerra nomeado adjunto

clovis cardoso 400   O MDB, sob o cacique político Carlos Bezerra, "emplacou" mais um filiado histórico em cargo relevante na gestão Mauro Mendes. O advogado e ex-superintendente regional do Incra-MT, Clovis Figueiredo Cardoso (foto), foi indicado e já nomeado para o cargo de secretário-adjunto de Agricultura...

MPE suspende censo previdenciário

jose antonio borges 400 curtinha   O procurador-geral de Justiça, promotor José Antonio Borges (foto), suspendeu o censo previdenciário cadastral dos membros e servidores inativos e pensionistas do MPE. O recadastramento deveria ter iniciado no último dia 11 para ser concluído no final de fevereiro. Borges tomou...

Juca e os 7 secretários da Câmara

andre pozetti 400 curtinha   O presidente Juca do Guaraná definiu sete dos nove secretários que vão ajudá-lo a administrar a Câmara de Cuiabá. O secretário de Administração é Bolanger José de Almeida. O coronel PM da reserva Edson Leite conduz o Patrimônio e...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.