Últimas

Domingo, 29 de Junho de 2008, 20h:20 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:21

CONVENÇÃO

Rabello é carregado por aliados e detona prefeito


Rabello e Ana Rita são carregados durante convenção

   O ex-deputado e apresentador de TV, Walter Rabello (PP), e a candidata a vice de sua chapa, arquiteta Ana Rita Maciel (DEM), chegaram na convenção neste domingo carregados por populares. O ginásio de esportes do Dom Aquino recebeu mais de mil militantes para o congressou que homologou a chapa PP-DEM na corrida pela Prefeitura de Cuiabá.

  Em discurso, Rabello se fez de vítima. Reclamou da perda de mandato, fez duras críticas ao prefeito Wilson Santos (PSDB), um de seus principais adversários, enalteceu o papel da mulher na sociedade e ainda quis mostrar seu lado familiar, posando para foto com a filha nos braços e a mulher ao lado.

  Rabello se disse grato com o DEM, por ester ter indicado uma mulher para ser sua vice. Ana Rita teve o nome confirmado pelos democratas neste domingo (29). Até então, o companheiro de chapa do progressista era o advogado Toninho Espósito. Rabello acabou fazendo um comentário infeliz. Diz que estava enaltecendo a mulher por "saber fazer um homem gemer sem sentir dor”. Em meio ao discurso, algumas mulheres se mostraram indignadas. Sentiram-se desmoralizadas. O candidato tentou consertar. Completou a frase se referindo ao dom da mulher em dar a luz.

  O progressista também não deixou passar as notícias divulgadas sobre sua eventual desistência da disputa pelo Palácio Alencastro. “Disseram na imprensa que eu estava vendendo minha candidatura. Falaram que eu receberia R$ 6 milhões para deixar de ser candidato, mas nem 6, 10 ou R$ 15 milhões comprariam minha dignidade. Mas vou ainda mais longe. Nem R$ 20 milhões pagaria o preço de ouvir o senador Jaime Campos (DEM) falando que sará às ruas de Cuiabá para pedir voto para Walter Rabello”, diz, numa rasgação de seja sobre o senador, que estava presente na convenção

  Para cada promessa, Rabello tecia uma crítica ao prefeito Santos. Dentre os assuntos, estavam a implantação da guarda municipal, a concessão da Sanecap, a polêmica em torno do passe-livre, a questão do trânsito e o salário dos servidores. No quesito segurança, questionou o fato de Santos ter prometido durante sua campanha a implantação da Guarda Municipal e não ter honrado o compromisso. “Por muitas vezes falei sobre o alto índice de violência em Cuiabá e até hoje a Guarda Municipal não foi implantada. Esse projeto que foi aprovado quando eu ainda era vereador”, diz.

  Já sobre a Sanecap relembrou algumas frases ditas por Santos como: “água é bem precioso e não se vende”. Tudo isso para reelembrar o desgaste sofrido pelo tucano à época em que tentou, sem êxito, realizar a concessão da companhia. Também fez questão de destacar que o prefeito quis acabar com o passe-livre.

  Sem deixar de lado o ironismo, falou sobre a questão do trânsito em Cuiabá. “A culpa do caos no trânsito é do aumento no número de carros. Então quer dizer que pobre não pode ter carro. O problema é da administração pública, é do prefeito e não do povo”. Quanto ao salário, reclamou do aumento dado pelo prefeito e prometeu uma grande elevação no valor do subsídio dos servidores.

  Acusou Santos de fazer propaganda enganosa e, na empolgação, sobrou até para o governador Blairo Maggi (PR), que apóia seu outro adversário Mauro Mendes (PR). “O Congresso tinha que punir quem faz propaganda enganosa, porque prometer e não cumpri é crime. O que Wilson cumpriu de suas promessas? O Blairo prometeu reduzir o ICMS e não fez”.


Walter Rabello ao lado da vice Ana Rita durante convenção

    Mandato

   Apesar de se dizer vítima de perseguição, desta vez o candidato do PP à sucessão municipal não citou o tal "Comitê da Maldade". Apenas comparou seu caso com o do vereador Lutero Ponce (PMDB), que foi absolvido pelo TRE esta semana, no processo que julgava sua perda de mandato por infidelidade partidária. Rabello prometeu que, em seu retorno à Assembléia, levará com ele uma multidão.

  Rabello disse que pode voltar em breve para AL. Ele revelou que poderá ter a ação cautelar junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) acatada, uma vez que o presidente do TSE, Carlos Ayres Brito, pediu vista do recurso arrolado por Rabello contra a decisão do ministro Marcelo Ribeiro que negou seguimento à cautelar. O ex-deputado questiona a legitimidade do Ministério Público Eleitoral para pedir a decretação de perda de mandato. Dada a relevância da matéria, o presidente do TSE pediu vista dos autos para melhor análise. (Alline Marques)

Postar um novo comentário

Comentários (20)

  • Ramiro | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    A cultura do Rabello é um espanto! A assessoria precisa dizer pra ele que quem geme no parto é a mulher e que o homem geme na hora de pagar a conta. O comentário mostrou o que ele realmente pensa e quem ele é, um populista e nada mais. Pentelho, cuelho e rabello são pelos de uma mesma região. Imaginem o que vai sobrar pro povo cuiabano.

  • Mario Q. Neto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Romilson,

    Vemos que todos os que escrevem elogiando a Ana Rita são, na verdade, uma só pessoa.

    Até o espaçamento é o mesmo...

  • Rodrigo Alvares | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Parabéns Valter e Ana Rita, Quem os conhece sabe de sua competencia...




    Creio que os bons ventos vão soprar em Cuiabá!

  • Natália Muniz | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Espero que você consiga reverter o quadro Valter Rabelo porque o seu caso não é DIFERENTE AO DO LUTERO, não pode a justiça ter dois pesos e duas medidas .ok... Justiça foi muita INJUSTA . coitado do ver. Deucimar que ficou como o patinho feio nessa história e foi parar numa panela de barro frito a 1.000 graus .kkkkkkk..coitadoooo Não tem esquema... dançou.

  • Terêncio Pessoa | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Os 3 PODERES só servem aos interesses de quem tem poder.
    Talvez o Valter Rabelo consiga reverter o quadro com relação ao seu mandato.Mas vai ter que ARGUMENTAR muito com a JUSTIÇA , para , quem sabe , eles consigam ver que a situção DESTE é igual ao DAQUELE que não foi caçado.

  • cesar | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Penso que o infeliz comentario do nobre candidato, sobre as nossas mulheres mostra que o mesmo nao esta preparado p/ ser prefeito de nossa capital!! Pois precisamos de um prefeito que nao fale tanta besteira! mais sim com proposta p/ melhorar a vida do povo cuiabano!!!

  • Augusto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Como já dito o Valter foi muito feliz na escolha da vice, e agora caminha com mais conhecimento da cidade ao seu lado.
    Parabéns!!!










  • Elias A. Mansur | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Só confirmou o que todos sabiam!!

    Valter e Ana!!!



    Parabéns!!!

  • Adson Rocha | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Novos ventos para Cuiabá!!!


    Já não era sem tempo!!!


    Chega de promessas não realizadas!!


    De Prefeito prometer em pé e não fazer nada sentado!!!

    Novos ventos...

  • celso Barreto | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Parabéns Valter!!!



    Parabéns Ana!!!


    Parabens PP, DEM e PHS!!!!

Sob efeito-cavalo paraguaio em ROO

thiago muniz 400 curtinha   Em Rondonópolis, o candidato a prefeito, vereador e empresário Thiago Muniz (foto), se transformou num cavalo paraguaio, expressão muito usual no futebol quando se refere a um time que dispara no início do campeonato mas, lá pela metade, começa a cair pelas tabelas. Acreditava-se...

Lula na TV deve afundar mais Julier

lula 400   O advogado Julier Sebastião da Silva, que disputa pela segunda vez a Prefeitura de Cuiabá - na primeira, em 2016, pelo PDT, ficou em terceiro lugar e, agora, pelo PT -, levou para o seu horário eleitoral o ex-presidente Lula (foto). A participação, com pedido de voto para Julier, da maior...

Na contramão dos investimentos

jose wenceslau 400 curtinha   Ao invés de reconhecer e aplaudir a iniciativa do governo estadual, que anunciou investimentos de R$ 9,5 bilhões em obras e ações, sendo R$ 6 bilhões (63%) de recursos próprios, a Fecomércio-MT, sob José Wenceslau Júnior (foto), reagiu com críticas....

Filho de ex-deputado rumo a vereador

willy taborelli 400   O coronel PM da reserva e ex-deputado estadual Perry Taborelli, que concorreu e perdeu para prefeito de Várzea Grande em 2016, lançou de novo o filho à cadeira de vereador. Trata-se do jovem advogado Willy Jacyntho Taborelli (foto), de 32 anos. Desta vez, ele concorre pelo PV. Na eleição...

Beto vê aliado como mais preparado

wellington marcos 400   O prefeito de Barra do Garças, Beto Farias (MDB), tem sido um cabo eleitoral fundamental para o candidato à sucessão municipal, advogado e atual vice-prefeito Wellington Marcos (foto), do DEM. Beto, que está concluindo o segundo mandato consecutivo com 80% de aprovação popular,...

Produtores e a unificação de eleições

antonio galvan 400 curtinha   Mato Grosso pode ter três eleições no mesmo dia, 15 de novembro. Isso porque, além das municipais e a suplementar ao Senado, alguns produtores rurais se movimentam para que a escolha do novo presidente da Aprosoja também seja na mesma data das eleitorais. Inicialmente, o pleito da...