Últimas

Quarta-Feira, 01 de Agosto de 2007, 19h:40 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:16

NEGÓCIOS

Rasqueia Brasil divulga MTGás por R$ 600 mil

    A Companhia Mato-Grossense de Gás (MTGás), por meio de um termo de cooperação cultural, contratou a empresa Rasqueia Brasil para participar da divulgação do gás natural como energia verde. Com R$ 600 mil, o trio cuiabano Pescuma, Henrique e Claudinho e convidados farão shows em 13 municípios do Estado. 

   A contratação dos cantores foi feita com licitação inexigível, isso quer dizer que o serviço é necessário e com características específicas que somente pode ser oferecido pela empresa em questão. Na divulgação, também serão exibidos vídeos, institucionais e distribuídos informativos impressos.  (Simone Alves - RDNews)

    Clique aqui e veja destalhes do contrato.

   Abaixo as cidades que receberão o evento.

Postar um novo comentário

Comentários (10)

  • leonardo vinícius souza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Seria de muito bom senso se o governo Blairo, através da MT Gás, divulgasse para a imprensa a íntegra desse contrato. Afinal, R$ 600 mil reais são muito dinheiro. Ou alguém acha que não?
    Leonardo Vinícius

  • Lindalva da Silva | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Acho interessante para a nossa cultura a valorização dos nossos artistas. Provavelmente se a MT Gás tivesse contratado um artista nacional como a Ivete Sangalo que cobraria muito mais,e bota mais nisso, não haveria problema, mas como se trata de gente nossa,na estrada há mais de vinte anos, batalhando uma oportunidade e por sinal muito bons. Parabens a MT Gás por investir em nossos valores.Para mim eles são "Disco de Ouro".

  • Antonio Luiz de Souza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O dinheiro é Público, ninguém me pediu autorização para gastar tais recursos de forma vil e que afronta a todos os cidadãos matogrossenses. Com tantos problemas sociais e pagar 600 paus com um triozinho musical? haja paciência!!!Nos salve Ministério Público!!!!

  • Marcelo Souza | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Olha que o Trio é Competente isso não há dúvida, que esse mesmo trio só faz sucesso por aqui também não há dúvida, pois é só ver a quantidades de discos vendidos e shows em outros estados, agora gastar 600 mil para divulgar a MT-Gás nesses municípios é brincadeira é falta de respeito com nós matogrossense. MT-gás, vc poderia gastar esse dinheiro fazendo mais rede de abastecimento de veículos ou rede de gás para abastecer industrias ou residências. Viva a Soja!

  • Gilda | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    É lamentável sabermos que a implantação da liberdade assistida em nossos municipios no ano passado contou apenas com cem mil reais....de recursos federais.É preciso rever essa politica de incentivos do governo e de patrocinios em todas as áreas.Vale lembrar também os recursos destinados à cultura como foram distribuidos...

  • Ana Julia | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    CADÊ A OPOSIÇÃO PARA DENUNCIAR ISSO? O MINISTÉRIO PÚBLICO?
    UM ESTADO QUE FALTA REMÉDIO PARA OS DOENTES, QUE O PROFESSOR GANHA UMA MISÉRIA.
    ISSO É UMA PALHAÇADA.
    QUEM DIRIA BLAIRO MAGGI. QUEM TI VIU QUEM DE VÊ.

  • estela cristina | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Nada contra o trio. Mas cada apresentação sair por mais de 46.000,00??? Apresentações dentro da capital onde os mesmos residem?? onde não há necessidade de pagamento de diárias, refeições nem combustível?? Varzea Grande a mesma coisa!! Chapada, distante, 60 km., Acorizal 57 Km, alias a cidade mais distante não fica mais de 300km. e é de carro !!! Olha!! indignação é pouco!! Alguem deve estar ganhando mmmmuuiiittoooooooooooo com isso!! Vamos usar melhor o dinheiro público minha gente.

  • guilherme henrique de pádua | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    Isto tá me cheirando mutreta dá preta!!!Dinheiro público para ajeitar vida de artista??? jamais gente, não podemos tolerar isso tipo de coisa quando sabemos que o atendimento á saúde pública é precária, quando nas nossas escolas os professores são mal remunerados e a merenda escolar, quando têm, é de qualidade ruim, e quando não existem políticas de incentivo a prática esportiva na periferia das cidades, etc. etc. è ultrajante esse incentivo a esse trio musical, que até gostava, mas, agora vou dar o troco, não vou mais as seus shows.

  • Pineto Bonilha | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O exercicio da Democracia faz da imprensa livre, porém é importante dizer que isso requer ética e responsabilidade. É muito fácil criticar, dificil é criticar o que não se conhece, fato comum na imprensa brasileira. Mais uma vez percebemos que os "santos de casa" jamais farão milagres. A inveja, a falta de compromisso com a identidade cultural de nossa gente faz o Brasil de hoje, muitas caras e nenhuma identidade. Que a MT Gas e o governo mantenham seus projetos afinados com as necessidades éticas, culturais, empresariais de conscientização e formação de opinião popular por um pais melhor, um planeta melhor, sem que a politica e a critica inutil de imbecis consigam calar a voz dos artistas de Mato Grosso.

  • Ana Flavia | Quarta-Feira, 31 de Dezembro de 1969, 20h00
    0
    0

    O conhecimento de situações fáticas me levam a manifestar indignação com tal notícia. Só poderia concordar caso a lição de casa tivesse sido cumprida. Senhor Governador que critérios seu staff utiliza para executar as Politicas Públicas??? Se o município de Dom Aquimo recebe menos de 9.000 por ano como co-financiamento do Governo do Estado para executar toda política do Idoso, o Senhor e sua douta Secretária de Trabalho, Emprego, Cidadania e Assistencia Social deveria visitar o Asilo daquelo município e ver a situação daqueles cidadãos que certamente em sua vida produtiva contribui com esse Estado. É esse o atendimento dispensado à Baixada Cuiabana??? Veja a situação de Chapada dos Guimarães, temos adolesenttes presos, presos, isso mesmo em Delegacia como medida de punição por ação de negligência de todos os responsáveis que não cumprem com o suas obrigações, enquanto deveria estar recebendo uma medida protetiva e não punitiva.E O MINISTÉRIO PUBLICO ??? O Senhor Governador não destina nenhum centavo para a Politica da Criança e do Adolescente, enquanto co-financiamento. Os projetos da SEEL para crianças e adolescente não contempla o municipio de Chapada, não dispõe de meta. Senhor Governador é necessário e URGENTE Vossa Excelencia cumprir o dever de casa para depois executar conforme vossa conveniência e oportunidade. Também cabe a Vossa Excelencia responsabilidade pelas ações de seu staff.

MM e deputados derrotados do MDB

carlos bezerra 400 curtinha   Por coincidência, deputados do MDB que tiveram seus candidatos derrotados nas urnas estão de afagos com o governador Mauro. E até convidaram-no para deixar o DEM e migrar para o MDB, numa articulação do cacicão do partido, o federal Carlos Bezerra (foto), que puxou a corda da...

Os Maia fincam força no Legislativo

silvio maia 400   O ex-prefeito por quatro vezes de Alto Araguaia, Maia Neto, perdeu nas urnas na majoritária, mas ganhou na proporcional. De um lado, a irmã Martha Maia, seu braço-direito durante todos os mandatos, foi derrotada à prefeita por Gustavo Melo, que se reelegeu. Por outro, Maia Neto viu dois dos seus...

Reeleito, Gustavo derruba o clã Maia

gustavo melo 400   O jovem prefeito de Alto Araguaia, Gustavo de Melo (foto), de 36 anos, manteve mesmo o "apertado" favoritismo, conforme mostrou na reta final a pesquisa do instituto Analisando, e derrotou o clã Maia. Venceu por 962 votos de diferença. Filiado ao PSB, Gustavo chegou a 4.805, enquanto Martha Maia (PP) registrou 3.840...

Nivelando para cima o debate em VG

emanuelzinho 400   Em discurso na Câmara Federal, Emanuelzinho (foto), 3º colocado a prefeito de Várzea Grande, disse ter ajudado a nivelar, por cima, o debate eleitoral, com grandeza e altivez e se mostra entusiasmado. Destaca que "política se faz com seriedade, transparência e com o coração sintonizado...

Mais jovem prefeito sucede familiares

Rog�rio Meira_400 jangada   O mais jovem entre os prefeitos eleitos e/ou reeleitos de MT, Rogério Meira (foto), tem um histórico de vida pública, mesmo tendo apenas 24 anos. Atualmente, ele exerce mandato de vereador por Jangada e foi eleito prefeito da cidade ao obter 1.699 votos, 9 a mais que o...

Base forte de EP para Mesa Diretora

juca do guaran� curtinha 400   A base do prefeito Emanuel Pinheiro para o segundo mandato, embora com quatro virtuais candidatos à presidência da Mesa Diretora, está construindo o discurso de que não pode rachar sob o risco de entregar o comando do Legislativo para a oposição....