Últimas

Sábado, 09 de Fevereiro de 2008, 11h:11 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:19

VARIEDADES

Representação de Albano contra prefeito de Juscimeira

PROCESSO Nº    : 16432-1/2007
INTERESSADO  : PREFEITURA MUNICIPAL DE JUSCIMEIRA
ASSUNTO           : REPRESENTAÇÃO
RELATOR           : CONS. VALTER ALBANO DA SILVA

 


JULGAMENTO SINGULAR


    
Trata-se no processo de representação interna apresentada pela Secretaria de Controle Externo da Terceira Relatoria contra o Prefeito Municipal de Juscimeira, Sr. Dener Araújo Chaves, em face de indícios de irregularidades graves detectadas por ocasião da análise dos balancetes mensais e comprovadas mediante auditoria especial no órgão de origem, cuja conclusão foi pela existência de diversos atos ilegítimos e antieconômicos que efetivamente causaram dano ao erário, com destaque para as irregularidades a seguir descritas:
1. A contabilidade da Prefeitura é feita de forma contrária ao disposto no art. 85 da Lei 4.320/64, uma vez que os lançamentos realizados em setembro/2007 referiam-se ao período de junho do mesmo ano;
2. Ausência de documentos comprobatórios de despesas e ausência de assinaturas do ordenador de despesas, do responsável pela Tesouraria e dos credores nos respectivos documentos;
3. Empenhos realizados a “posteriori”, contrariando o art. 60 da Lei 4.320/64;
4. Controle interno ineficiente, em afronta a legislação pertinente. (art. 74 CF, art. 191 CE, arts. 75 e 76 da Lei Federal n.º 4.320/64 e art. 54 da Lei Complementar 101/2000);
5. Atraso de mais de 7 (sete) meses no pagamento dos salários dos servidores da Prefeitura (jan. a ago./07), em desrespeito ao art. 7.º da Constituição Federal, c/c § 1.º do art. 1.º da LC 101/2000;
6. Pagamento de salários para alguns servidores em datas diferenciadas e aleatórias, contrariando os princípios constitucionais da impessoalidade e da isonomia;
7. Devolução de 136 (cento e trinta e seis) cheques emitidos pela Prefeitura por insuficiência de fundos e impedimento de pagamento, no valor total de R$ 701.874,95 (setecentos e um mil, oitocentos e setenta e quatro reais e noventa e cinco centavos), mais despesas e taxas sobre devolução no valor de R$ 1.017,04, (Mil e dezessete reais e quatro centavos), demonstrando total ausência de controle interno e inobservância das normas constitucionais e de responsabilidade;
8. Despesas realizadas sem o devido procedimento, no total de R$ 486.279,65 (quatrocentos e oitenta e seis mil, duzentos e setenta e nove reais e sessenta e cinco centavos), contrariando as normas da Lei 8.666/93;
9. Despesas liquidadas sem o respectivo documento fiscal, no total de R$ 174.691,92 (cento e setenta e quatro mil, seiscentos e noventa e um reais e noventa e dois centavos), contrariando o art. 63 da Lei n.º 4.320/64.
10. Empenhos sem procedimentos licitatório, no total de R$ 1.095.925,35 (um milhão, noventa e cinco mil, novecentos e vinte e cinco reais e trinta e cinco centavos), afrontando a Lei de Licitações e Contratos Administrativos;
11.        Não observância dos prazos mínimos estabelecidos na Tomada de Preços n.º 001/2007 e dos requisitos de habilitação jurídica, qualificação técnica e qualificação econômico-financeira.
12. Negligência na arrecadação do ITBI (imposto de transmissão de bens imóveis) e lesão aos cofres públicos do município, na ordem de R$ 60.000,00 (sessenta mil reais).
13. Desvio de valores de ITBI municipal e lesão aos cofres públicos, na ordem de R$ 53.227,61 (cinqüenta e três mil, duzentos e vinte e sete reais e sessenta e um centavos). 
 Este é o necessário relatório. Decido.

 Diante das gravíssimas irregularidades e das evidências de que referido gestor, permanecendo frente àquele Poder, pode causar novos danos ou agravar a lesão já constatada, ou, ainda, inviabilizar ou tornar difícil ou impossível a sua reparação, com fundamento no art. 82 da Lei Complementar n.º 269 de 29/01/07 c/c art. 297 da Resolução n.º 14/07, decido, como medida cautelar, por REPRESENTAR ao Ministério Público Estadual, para que adote medidas urgentes no sentido de afastar o senhor DENER ARAÚJO CHAVES das funções de Chefe do Poder Executivo do Município de Juscimeira e bloquear seus bens, ajuizando a competente ação pública.

Cuiabá/MT, 08 de fevereiro de 2008.
        

Conselheiro VALTER ALBANO DA SILVA
                Relator

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Investimentos em segurança pública

alexandre bustamante 400   Alexandre Bustamante (foto), secretário estadual de Segurança Pública, é enfático ao afirmar que o Estado tem investido em equipamentos e infraestrutura para combater a criminalidade. Segundo ele, a maior prova disso são os projetos que integram o programa MT Mais. Ao todo, devem...

Folha antecipada em Várzea Grande

kalil baracat 400 curtinha   Com o privilégio de ter assumido a prefeitura em janeiro com superávit de R$ 74 milhões da antecessora Lucimar Campos, o prefeito várzea-grandense Kalil Baracat (foto) quitou a folha de fevereiro na última quinta (25), três dias antes da virada do mês. São cerca de...

Grupo de risco em casa até 31 de maio

Em novo decreto, dentro das medidas emergenciais e temporárias de prevenção ao Covid-19, o prefeito cuiabano Emanuel Pinheiro determinou que servidores municipais que integram o chamado grupo de risco não devem trabalhar presencialmente nas secretarias e/ou órgãos da administração. São considerados desse grupo servidores acima de 60 anos, imunodeprimidos e/ou portadores de doenças crônicas e servidoras grávidas e...

Beco do Candeeiro só abrirá em abril

Carlina 400   A secretária municipal de Cultura, Esporte e Lazer, Carlina Jacob (foto), em visita ao Grupo Rdnews, revelou que a revitalização do Beco do  Candeeiro, que foi concluída em janeiro, será entregue à população em abril, nas comemorações dos 302 anos de...

Águas, expansão e investimentos

william figueiredo 400 aguas cuiaba curtinha   O diretor-geral da Águas Cuiabá, executivo William Figuereido (foto), disse, em visita à sede do Rdnews, quando aproveitou para conceder entrevista à tv web Rdtv, que a concessionária já distribui água para toda Cuiabá e que, em quase quatro anos...

Creci combate empresas irregulares

benedito odario 400 curtinha   O presidente do Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Estado, Benedito Odário (foto), aproveitou a operação desenvolvida na quinta, com apoio da Polícia Civil e da Decon, para enfatizar que não dará trégua àquelas empresas que, irregularmente,...